Fotos: Mauricio Vieira / Secom

O enfrentamento à Covid-19 foi retomado com prioridade pelo governador Carlos Moisés, na tarde deste sábado, 28. Em webconferência com presidentes de associações e diretores de hospitais filantrópicos, o chefe do Executivo estadual garantiu o repasse de R$ 44 milhões, até 31 de dezembro deste ano, para a reativação imediata de 205 leitos de UTI para tratamento da doença. Além disso, anunciou a prorrogação da Política Hospitalar Catarinense (PHC) - em teto máximo - por mais 10 meses.

“O Estado vai prorrogar a Política Hospitalar Catarinense, garantindo o recurso para o pagamento das despesas com a ativação desses leitos de UTI. Vamos reunir esforços para assegurar o que conseguimos até aqui: que nenhum paciente fique sem atendimento. O momento é de nos unirmos novamente para enfrentarmos o atual e grave momento da pandemia no estado”, frisou o governador.

Carlos Moisés também destacou a parceria com a rede de hospitais filantrópicos na gestão da crise sanitária até agora. “Nós conhecemos o trabalho que cada hospital realiza e o modelo adotado foi fundamental para os bons resultados alcançados em Santa Catarina”, pontuou.

O secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, explicou que os leitos haviam sido ativados no início da pandemia e foram desligados, gradativamente, de acordo com a diminuição no número de casos.

“São leitos que estão prontos para serem utilizados novamente. É fundamental que eles estejam ativos para que possam ser habilitados. Paralelamente, estamos trabalhando na habilitação de novos leitos”, informou o secretário. Motta Ribeiro também destacou que o cronograma de pagamentos será rigorosamente planejado e informado aos gestores hospitalares.

“O trabalho realizado até aqui foi de muito esforço e dedicação. Mesmo com dificuldades de toda ordem, estamos cumprindo com nossa missão de proteger a vida e é muito importante poder contar com o apoio do Governo do Estado neste momento”, disse a presidente da Federação das Santas Casas, Hospitais e Entidades Filantrópicas do Estado de Santa Catarina (FEHOSC), Irmã Neusa Luiz.

Quem também acompanhou a reunião, por webconferência, foi o deputado José Milton Scheffer. Em sua fala, o parlamentar cumprimentou o governador por retomar o trabalho em parceria com a rede de hospitais filantrópicos para o enfrentamento da Covid-19.

A medida de prorrogação da PHC e reativação dos leitos atende a uma das frentes de trabalho no enfrentamento dessa nova fase da doença em Santa Catarina, que é o suporte à oferta de serviços de saúde nos hospitais. A segunda frente, conforme o governador, é o controle social, reduzindo a exposição das pessoas ao vírus.

As ações neste plano de atuação foram debatidas com os municípios em uma segunda parte da reunião, dessa vez com a Fecam.

Trabalho em parceria com municípios

Depois da reunião com representantes dos hospitais, o governador Carlos Moisés se reuniu, via webconferência, com o presidente da Fecam, Paulo Weiss, prefeitos e secretários de saúde. A eles, o governador Carlos Moisés apresentou as medidas adotadas na área da Saúde e reforçou a importância do trabalho alinhado com os municípios para conter os índices de contaminação em todas as regiões.

O governador reforçou que as ações de controle social serão definidas em conjunto entre Estado e municípios, com a participação de demais órgãos e poderes. Neste primeiro momento, estão sendo debatidos o reforço na fiscalização e medidas de prevenção no transporte coletivo urbano.

Uma nova reunião ficou marcada para a próxima segunda-feira, dia 30 de novembro, para definição consensual sobre os temas.

“Com diálogo, parceria e responsabilidade vamos vencer essa etapa difícil da pandemia. É muito importante trabalharmos juntos neste momento”, conclui o presidente da Fecam e prefeito de Rodeio, Paulo Weiss.

Acompanharam a reunião o chefe da Casa Civil, Eron Giordani, prefeitos, secretários de saúde, presidentes de associações de municípios, e representantes da diretoria da Fecam.

Ainda na tarde deste sábado, o governador se reuniu com os comandantes-gerais do Corpo de Bombeiros, coronel Charles Alexandre Vieira, e da Polícia Militar, coronel Dionei Tonet, e com o presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial e delegado geral da Polícia Civil de SC, Paulo Koerich, para tratar do apoio aos municípios na fiscalização do cumprimento das medidas de enfrentamento à Covid-19.

No encontro, também foi reforçada a importância de orientar a população para que cumpra as regras de prevenção à doença. Para, assim, evitar a propagação do vírus e que medidas mais restritivas tenham de ser tomadas.

Informações adicionais para a imprensa
Francieli Dalpiaz 
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: francieli@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5676
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Há, em Santa Catarina, 355.950 casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus, sendo que 321.526 estão recuperados e 30.723 continuam em acompanhamento. O dado foi divulgado neste sábado, 28. A Covid-19 causou 3.701 mortes no estado desde o início da pandemia. A taxa de letalidade é de 1,04%.

Esses números representam uma alta de 4.393 no número de casos ativos e há 34 óbitos a mais em relação à última atualização diária. O total de confirmados cresceu 9.523, enquanto 5.096 pessoas passaram a se enquadrar nos critérios para serem consideradas recuperadas.

>>> Confira aqui o boletim diário deste sábado, 28
>>> Confira o detalhamento dos óbitos por data
>>> Saiba mais sobre as fontes e os conceitos dos dados

Já foram confirmados casos em todos os 295 municípios catarinenses e 243 cidades registraram pelo menos um óbito. O Governo do Estado estima que haja 284 com casos ativos. A cidade com a maior quantidade de confirmações de infecção pelo novo coronavírus é Florianópolis, que soma 31.545 casos, seguida por Joinville (29.979), Blumenau (19.915), São José (17.502), Criciúma (12.233), Palhoça (11.789), Balneário Camboriú (11.620), Itajaí (11.318), Chapecó (10.067) e Brusque (9.184).

A taxa de ocupação dos leitos de UTI pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Santa Catarina é de 87,1%. Isso significa que, dos 1.438 leitos existentes no estado, 185 estão vagos e 1.253 estão ocupados, sendo 575 por pacientes com confirmação ou suspeita de Covid-19.

Municípios com casos confirmados:

Abdon Batista - 145
Abelardo Luz - 534
Agrolândia - 255
Agronômica - 145
Água Doce - 186
Águas de Chapecó - 71
Águas Frias - 134
Águas Mornas - 370
Alfredo Wagner - 241
Alto Bela Vista - 32
Anchieta - 53
Angelina - 132
Anita Garibaldi - 323
Anitápolis - 66
Antônio Carlos - 594
Apiúna - 228
Arabutã - 89
Araquari - 1145
Araranguá - 3932
Armazém - 432
Arroio Trinta - 127
Arvoredo - 75
Ascurra - 267
Atalanta - 59
Aurora - 129
Balneário Arroio do Silva - 653
Balneário Barra do Sul - 545
Balneário Camboriú - 11620
Balneário Gaivota - 440
Balneário Piçarras - 1356
Balneário Rincão - 526
Bandeirante - 20
Barra Bonita - 6
Barra Velha - 1270
Bela Vista do Toldo - 11
Belmonte - 8
Benedito Novo - 267
Biguaçu - 4608
Blumenau - 19915
Bocaina do Sul - 163
Bom Jardim da Serra - 332
Bom Jesus - 100
Bom Jesus do Oeste - 28
Bom Retiro - 126
Bombinhas - 1542
Botuverá - 216
Braço do Norte - 3109
Braço do Trombudo - 133
Brunópolis - 35
Brusque - 9184
Caçador - 1424
Caibi - 86
Calmon - 13
Camboriú - 4738
Campo Alegre - 236
Campo Belo do Sul - 194
Campo Erê - 197
Campos Novos - 1615
Canelinha - 659
Canoinhas - 1017
Capão Alto - 58
Capinzal - 2165
Capivari de Baixo - 1593
Catanduvas - 367
Caxambu do Sul - 137
Celso Ramos - 110
Cerro Negro - 49
Chapadão do Lageado - 50
Chapecó - 10067
Cocal do Sul - 870
Concórdia - 4156
Cordilheira Alta - 115
Coronel Freitas - 446
Coronel Martins - 11
Correia Pinto - 547
Corupá - 509
Criciúma - 12233
Cunha Porã - 181
Cunhataí - 9
Curitibanos - 895
Descanso - 126
Dionísio Cerqueira - 123
Dona Emma - 141
Doutor Pedrinho - 78
Entre Rios - 389
Ermo - 126
Erval Velho - 191
Faxinal dos Guedes - 457
Flor do Sertão - 27
Florianópolis - 31545
Formosa do Sul - 90
Forquilhinha - 1324
Fraiburgo - 950
Frei Rogério - 48
Galvão - 25
Garopaba - 739
Garuva - 649
Gaspar - 4370
Governador Celso Ramos - 1100
Grão-Pará - 338
Gravatal - 931
Guabiruba - 1142
Guaraciaba - 242
Guaramirim - 2138
Guarujá do Sul - 18
Guatambú - 188
Herval d'Oeste - 1068
Ibiam - 49
Ibicaré - 92
Ibirama - 723
Içara - 2522
Ilhota - 739
Imaruí - 558
Imbituba - 2295
Imbuia - 129
Indaial - 3094
Iomerê - 62
Ipira - 105
Iporã do Oeste - 96
Ipuaçu - 539
Ipumirim - 204
Iraceminha - 144
Irani - 312
Irati - 82
Irineópolis - 77
Itá - 175
Itaiópolis - 564
Itajaí - 11318
Itapema - 4972
Itapiranga - 461
Itapoá - 620
Ituporanga - 822
Jaborá - 162
Jacinto Machado - 423
Jaguaruna - 1386
Jaraguá do Sul - 5979
Jardinópolis - 83
Joaçaba - 1564
Joinville - 29979
José Boiteux - 371
Jupiá - 62
Lacerdópolis - 84
Lages - 6876
Laguna - 1735
Lajeado Grande - 45
Laurentino - 314
Lauro Müller - 966
Lebon Régis - 82
Leoberto Leal - 59
Lindóia do Sul - 273
Lontras - 282
Luiz Alves - 585
Luzerna - 241
Macieira - 8
Mafra - 788
Major Gercino - 141
Major Vieira - 96
Maracajá - 340
Maravilha - 1209
Marema - 74
Massaranduba - 830
Matos Costa - 30
Meleiro - 454
Mirim Doce - 44
Modelo - 102
Mondaí - 74
Monte Carlo - 297
Monte Castelo - 76
Morro da Fumaça - 1294
Morro Grande - 192
Navegantes - 3475
Nova Erechim - 215
Nova Itaberaba - 93
Nova Trento - 901
Nova Veneza - 941
Novo Horizonte - 44
Orleans - 1766
Otacílio Costa - 885
Ouro - 513
Ouro Verde - 89
Paial - 34
Painel - 54
Palhoça - 11789
Palma Sola - 133
Palmeira - 87
Palmitos - 443
Papanduva - 225
Paraíso - 17
Passo de Torres - 330
Passos Maia - 101
Paulo Lopes - 478
Pedras Grandes - 154
Penha - 1595
Peritiba - 126
Pescaria Brava - 758
Petrolândia - 63
Pinhalzinho - 764
Pinheiro Preto - 54
Piratuba - 235
Planalto Alegre - 92
Pomerode - 1659
Ponte Alta - 185
Ponte Alta do Norte - 116
Ponte Serrada - 307
Porto Belo - 1290
Porto União - 327
Pouso Redondo - 483
Praia Grande - 288
Presidente Castello Branco - 114
Presidente Getúlio - 611
Presidente Nereu - 47
Princesa - 32
Quilombo - 363
Rancho Queimado - 108
Rio das Antas - 29
Rio do Campo - 107
Rio do Oeste - 216
Rio do Sul - 2197
Rio dos Cedros - 178
Rio Fortuna - 241
Rio Negrinho - 765
Rio Rufino - 40
Riqueza - 102
Rodeio - 434
Romelândia - 83
Salete - 221
Saltinho - 44
Salto Veloso - 59
Sangão - 818
Santa Cecília - 505
Santa Helena - 32
Santa Rosa de Lima - 113
Santa Rosa do Sul - 501
Santa Terezinha - 54
Santa Terezinha do Progresso - 99
Santiago do Sul - 69
Santo Amaro da Imperatriz - 1409
São Bento do Sul - 1015
São Bernardino - 65
São Bonifácio - 230
São Carlos - 147
São Cristóvão do Sul - 92
São Domingos - 331
São Francisco do Sul - 1960
São João Batista - 1931
São João do Itaperiú - 213
São João do Oeste - 176
São João do Sul - 337
São Joaquim - 560
São José - 17502
São José do Cedro - 197
São José do Cerrito - 179
São Lourenço do Oeste - 341
São Ludgero - 970
São Martinho - 301
São Miguel da Boa Vista - 122
São Miguel do Oeste - 1002
São Pedro de Alcântara - 425
Saudades - 280
Schroeder - 775
Seara - 766
Serra Alta - 85
Siderópolis - 572
Sombrio - 1326
Sul Brasil - 86
Taió - 612
Tangará - 299
Tigrinhos - 116
Tijucas - 2755
Timbé do Sul - 276
Timbó - 2079
Timbó Grande - 190
Três Barras - 468
Treviso - 256
Treze de Maio - 414
Treze Tílias - 184
Trombudo Central - 274
Tubarão - 8374
Tunápolis - 454
Turvo - 815
União do Oeste - 55
Urubici - 229
Urupema - 11
Urussanga - 1239
Vargeão - 68
Vargem - 91
Vargem Bonita - 251
Vidal Ramos - 106
Videira - 2498
Vitor Meireles - 77
Witmarsum - 47
Xanxerê - 3049
Xavantina - 111
Xaxim - 1410
Zortéa - 394
Outros estados - 8419
Outros países - 2

Municípios com óbitos por Covid-19:

Abelardo Luz - 9
Agrolândia - 6
Agronômica - 4
Água Doce - 3
Águas de Chapecó - 1
Águas Mornas - 2
Alfredo Wagner - 1
Alto Bela Vista - 1
Anchieta - 1
Anita Garibaldi - 2
Antônio Carlos - 13
Apiúna - 5
Arabutã - 2
Araquari - 16
Araranguá - 55
Armazém - 6
Arvoredo - 1
Ascurra - 2
Aurora - 1
Balneário Arroio do Silva - 8
Balneário Barra do Sul - 8
Balneário Camboriú - 113
Balneário Gaivota - 8
Balneário Piçarras - 10
Balneário Rincão - 10
Barra Velha - 19
Bela Vista do Toldo - 1
Benedito Novo - 2
Biguaçu - 46
Blumenau - 188
Bocaina do Sul - 2
Bom Jardim da Serra - 1
Bom Jesus - 3
Bom Jesus do Oeste - 1
Bom Retiro - 5
Bombinhas - 10
Braço do Norte - 23
Braço do Trombudo - 2
Brusque - 63
Caçador - 43
Caibi - 2
Calmon - 2
Camboriú - 58
Campo Alegre - 9
Campo Belo do Sul - 1
Campo Erê - 1
Campos Novos - 16
Canelinha - 11
Canoinhas - 14
Capão Alto - 2
Capinzal - 8
Capivari de Baixo - 20
Catanduvas - 3
Caxambu do Sul - 1
Celso Ramos - 1
Cerro Negro - 1
Chapadão do Lageado - 1
Chapecó - 93
Cocal do Sul - 20
Concórdia - 33
Cordilheira Alta - 1
Coronel Freitas - 2
Correia Pinto - 14
Corupá - 5
Criciúma - 125
Cunha Porã - 2
Curitibanos - 14
Descanso - 2
Dionísio Cerqueira - 4
Dona Emma - 1
Doutor Pedrinho - 3
Entre Rios - 4
Ermo - 1
Erval Velho - 3
Faxinal dos Guedes - 5
Florianópolis - 235
Formosa do Sul - 1
Forquilhinha - 12
Fraiburgo - 10
Frei Rogério - 2
Garopaba - 4
Garuva - 9
Gaspar - 55
Governador Celso Ramos - 7
Grão-Pará - 2
Gravatal - 11
Guabiruba - 11
Guaraciaba - 1
Guaramirim - 24
Guatambú - 1
Herval d'Oeste - 13
Ibicaré - 1
Ibirama - 12
Içara - 16
Ilhota - 6
Imaruí - 5
Imbituba - 15
Imbuia - 1
Indaial - 20
Ipira - 1
Iporã do Oeste - 3
Ipuaçu - 3
Ipumirim - 1
Irani - 1
Irati - 3
Itá - 2
Itaiópolis - 8
Itajaí - 194
Itapema - 78
Itapiranga - 6
Itapoá - 13
Ituporanga - 10
Jaborá - 1
Jacinto Machado - 6
Jaguaruna - 12
Jaraguá do Sul - 57
Joaçaba - 9
Joinville - 386
José Boiteux - 4
Lacerdópolis - 2
Lages - 108
Laguna - 28
Lajeado Grande - 1
Lauro Müller - 12
Lebon Régis - 5
Lindóia do Sul - 2
Lontras - 2
Luiz Alves - 2
Luzerna - 1
Macieira - 1
Mafra - 6
Major Gercino - 3
Major Vieira - 2
Maracajá - 5
Maravilha - 19
Marema - 1
Massaranduba - 2
Meleiro - 5
Mirim Doce - 1
Modelo - 2
Monte Carlo - 6
Monte Castelo - 3
Morro da Fumaça - 11
Navegantes - 58
Nova Erechim - 3
Nova Trento - 3
Nova Veneza - 7
Orleans - 15
Otacílio Costa - 4
Ouro - 2
Ouro Verde - 4
Palhoça - 84
Palma Sola - 1
Palmitos - 9
Papanduva - 8
Paraíso - 1
Passo de Torres - 2
Passos Maia - 1
Paulo Lopes - 5
Pedras Grandes - 5
Penha - 27
Peritiba - 1
Pescaria Brava - 5
Petrolândia - 1
Pinhalzinho - 3
Pinheiro Preto - 1
Piratuba - 1
Pomerode - 9
Ponte Alta - 4
Ponte Alta do Norte - 1
Ponte Serrada - 8
Porto Belo - 10
Porto União - 6
Pouso Redondo - 5
Praia Grande - 4
Presidente Getúlio - 6
Presidente Nereu - 2
Quilombo - 8
Rancho Queimado - 3
Rio das Antas - 3
Rio do Oeste - 2
Rio do Sul - 13
Rio dos Cedros - 3
Rio Fortuna - 3
Rio Negrinho - 4
Rio Rufino - 1
Riqueza - 1
Rodeio - 3
Salete - 1
Salto Veloso - 2
Sangão - 5
Santa Cecília - 7
Santa Rosa de Lima - 1
Santa Rosa do Sul - 8
Santa Terezinha - 1
Santa Terezinha do Progresso - 1
Santiago do Sul - 1
Santo Amaro da Imperatriz - 23
São Bento do Sul - 13
São Bonifácio - 2
São Carlos - 4
São Cristóvão do Sul - 2
São Francisco do Sul - 32
São João Batista - 28
São João do Itaperiú - 3
São João do Oeste - 5
São João do Sul - 3
São Joaquim - 7
São José - 131
São José do Cedro - 5
São José do Cerrito - 2
São Lourenço do Oeste - 5
São Ludgero - 6
São Martinho - 2
São Miguel da Boa Vista - 1
São Miguel do Oeste - 8
São Pedro de Alcântara - 3
Schroeder - 3
Seara - 3
Siderópolis - 10
Sombrio - 18
Taió - 5
Tangará - 4
Tijucas - 37
Timbé do Sul - 4
Timbó - 14
Timbó Grande - 3
Três Barras - 4
Treviso - 1
Treze de Maio - 1
Trombudo Central - 4
Tubarão - 115
Turvo - 6
Urubici - 3
Urussanga - 22
Vargeão - 2
Vargem - 2
Vargem Bonita - 2
Vidal Ramos - 2
Videira - 21
Xanxerê - 36
Xaxim - 33
Zortéa - 2

Mais informações para a imprensa:

Fabrício Escandiuzzi
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Saúde - SES
Fone: (48) 3664-8820 / 99913-0316
E-mail: imprensa@saude.sc.gov.br
Site: portalses.saude.sc.gov.br

Amanda Mariano, Bruna Matos e Patrícia Pozzo
Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) / SES
Fone: (48) 3664-7406 | 3664-7402
E-mail: divecomunicacao@saude.sc.gov.br
www.dive.sc.gov.br 


Foto: Julio Cavalheiro / Secom

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE), por meio da Secretaria Executiva do Meio Ambiente (SEMA), destinará R$ 3 milhões para amenizar os prejuízos causados pela estiagem em Santa Catarina.

O recurso, que faz parte do Fundo Estadual de Recursos Hídricos (Fehidro), foi repassado por meio de um termo de cooperação entre a SDE, SEMA, Defesa Civil de Santa Catarina e a Secretaria de Estado da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural.

“O Governo de Santa Catarina trabalha de forma integrada, junto ao Comitê de Gestor de Crise Hídrica, para amenizar os agravantes impactos da estiagem no Estado. Em uma força-tarefa, conseguimos, junto à Secretaria da Fazenda, a liberação destes recursos que darão mais agilidade aos processos de perfuração de poços e demais ações que se fazem necessárias neste momento”, avalia o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Henry Quaresma.

O secretário Executivo do Meio Ambiente (SEMA), Celso Albuquerque, lembra que a estiagem está muito severa neste ano em Santa Catarina. “Por isso, a equipe de gestão dos recursos hídricos está desenvolvendo e colocando em prática políticas públicas ágeis, e estimulando os diferentes setores de usuários de água a adotarem medidas mais eficazes e responsáveis em relação ao uso da água”, pontua.

Já o secretário da Agricultura, Ricardo de Gouvêa, acrescenta que a escassez hídrica está causando grandes estragos no meio rural catarinense e os esforços e recursos estão voltados em programas para reduzir essa crise. “A Secretaria da Agricultura criou linhas novas para que os agricultores possam construir sistemas de captação, armazenagem e uso de água. Além de convênios com as prefeituras para o transporte de água. Estes recursos são uma demonstração do esforço conjunto do Governo do Estado para dar suporte aos produtores rurais de Santa Catarina", salienta.

“A Defesa Civil estabeleceu cinco estratégias que surgiram das necessidades e demandas dos prefeitos das cidades atingidas, que estão divididas entre ações do Governo do Estado e Federal. E para acessar estes benefícios existem ritos os quais estamos nos debruçando no sentido de ganhar agilidade, nosso foco é ajudar as pessoas atingidas pela estiagem neste momento”, afirma o chefe da Defesa Civil de Santa Catarina, Aldo Baptista Neto.

Os recursos serão destinados para municípios que já tenham declarado e homologado os seus pedidos de emergência hídrica. As regiões Oeste, Meio-Oeste, Extremo Oeste e Planalto Sul são as mais afetadas pela estiagem.

Principais ações de mitigação da SEMA

- Prioridade para a regularização e ações vinculadas às solicitações de abastecimento público e dessedentação animal (usos prioritários) nas regiões de emergência
- Criação do Comitê Gestor da Crise Hídrica sob coordenação da Secretaria Executivo da Meio Ambiente
- Lançamento do Boletim Hidrometeorológico Integrado
- Inclusão de Santa Catarina como entidade validadora no Programa Monitor de Secas da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA);
- Elaboração de um plano de emergência hídrica, elencando ações emergenciais, de médio e longo prazo

>> Leia também:

Mais informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável - SDE
Fone: (48) 3665-4298
E-mail: comunicacao@sde.sc.gov.br
Site: www.sde.sc.gov.br

 


Foto: Julio Cavalheiro / Secom

Além de anunciar um plano de investimentos em seu retorno ao cargo após a absolvição pelo Tribunal do Impeachment, o governador Carlos Moisés divulgou nesta sexta-feira, 27, mudanças no primeiro escalão de Governo. São novos nomes para a Casa Civil, a Secretaria Executiva de Comunicação e a Procuradoria-Geral do Estado.

Na Casa Civil, Eron Giordani será o novo chefe. Ele já atuou como secretário da Casa Civil nas prefeituras de Chapecó e Florianópolis, além de ter participado do Conselho de Administração da Celesc. Nos últimos dois anos, atuou na chefia de gabinete da presidência da Assembleia Legislativa (Alesc).

O governador destacou a capacidade de diálogo do novo chefe da Casa Civil com os parlamentares.

“Os deputados estaduais se sentiram amplamente representados com essa escolha. Conversei com os líderes de bancada sobre esse convite, que foi aceito, e o diálogo se estabelece e se amplia. O Eron não é deputado, mas conhece amplamente a atividade parlamentar e tem experiência pública”, reforçou Carlos Moisés.

Na Secretaria Executiva de Comunicação, assume o jornalista Jefferson Douglas. Ele já atuou em vários veículos de comunicação do Estado, foi coordenador de imprensa do Governo do Estado em 2019 e atuava mais recentemente na assessoria do BRDE.

“É um nome que o mercado conhece. Foi consensuado entre os veículos de comunicação e as associações que representam o jornalismo em Santa Catarina. Houve muita conversa nesses dias de novembro em que estive afastado”, salientou o governador.

Por fim, foi anunciado o retorno de Alisson de Bom de Souza ao cargo de procurador-geral do Estado. Funcionário de carreira da instituição, ele já havia comandado a pasta, que cuida dos interesses jurídicos do Estado, na maior parte do ano de 2020.

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 


Foto: Julio Cavalheiro / Secom

O governador Carlos Moisés apresentou um plano de investimentos estratégicos para Santa Catarina em sua volta ao cargo, após a absolvição no processo de impeachment sobre a equiparação salarial dos procuradores do Estado. O programa Santa Catarina. Um Estado de Verdade prevê quase R$ 10 bilhões até 2022 nas áreas de infraestrutura, retomada da economia e planejamento hídrico.

Segundo o chefe do Executivo, trata-se de um projeto com visão de futuro, pensado as necessidades do Estado no ano de 2035. Serão investimentos em todas as regiões de Santa Catarina. Na infraestrutura, o valor chega a R$ 5,5 bilhões. Para a retomada da economia, serão empregados R$ 2,3 bilhões. No planejamento hídrico, o aporte será de R$ 1,7 bilhão.

“Nós projetamos os próximos dois anos tendo muita confiança na Justiça. Arrumamos a casa nestes dois primeiros anos, 2019 e 2020, e agora chegou o momento de planejar o futuro. Quem não planeja não sabe para onde vai. Precisamos pensar o nosso Estado para os próximos 20, 30 anos”, destaca o governador.

>>> Mais fotos na galeria 

Em relação ao planejamento hídrico, além das ações de curto prazo para o combate da estiagem, estão previstas soluções de longo prazo, em especial na região Oeste. O investimento em infraestrutura tem como principal missão melhorar a situação da malha rodoviária e aeroviária de Santa Catarina. Na questão da retomada da economia, o intuito é gerar crédito mais abundante para as empresas que sofreram com os impactos da pandemia de Covid-19.

“Justiça restabelecida”

Em coletiva de imprensa no fim da tarde, o governador Carlos Moisés afirmou aos jornalistas que o julgamento do Tribunal de Impeachment desta sexta, com um placar de 6 a 3 e uma abstenção, restabeleceu a Justiça.

“Hoje é um dia histórico para Santa Catarina. Um dia em que a verdade e a Justiça foram restabelecidas. Nós sempre defendemos a ausência de justa causa e de um motivo legal que embasasse a representação contra o governador. Entendemos que um processo eminentemente político não poderia prosperar. Porém, ele nos faz refletir e avaliar a importância do relacionamento com poderes e órgãos. Queremos olhar para frente, aprender com os erros, não esquecer o passado e projetar o futuro”, destacou Carlos Moisés.

O governador também comunicou que pretende pautar os próximos dois anos pelo diálogo e entendimento em tudo o que for positivo para o Estado de Santa Catarina.

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 



Há 346.427 casos confirmados de Covid-19 em Santa Catarina. Desses, 316.430 são considerados recuperados e 26.330 continuam em acompanhamento. O dado foi divulgado nesta sexta-feira, 27. O novo coronavírus causou 3.667 óbitos no estado até esta data. 

>>> Confira aqui o boletim diário desta sexta-feira, 27
>>> Confira o detalhamento dos óbitos por data
>>> Saiba mais sobre as fontes e os conceitos dos dados

Há 1.438 pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em todo o estado, dos quais 1.256 estão ocupados, sendo 574 por pacientes com confirmação ou suspeita de infecção por coronavírus. A taxa de ocupação geral é de 87,3% e há 182 leitos livres atualmente. A situação mais crítica foi registrada na no estado, que aponta 91% dos leitos ocupados.

A Secretaria de Estado da Saúde informa que houve um problema técnico nesta sexta-feira nas planilhas o que atrasou a divulgação dos dados e do boletim. O problema resultou em dados incompletos nas páginas 10, 11 e 12 do boletim. Tal situação deve ser normalizada em breve e o boletim atualizado no site.

Mais informações para a imprensa:

Fabrício Escandiuzzi
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Saúde - SES
Fone: (48) 3664-8820 / 99913-0316
E-mail: imprensa@saude.sc.gov.br
Site: portalses.saude.sc.gov.br

Amanda Mariano, Bruna Matos e Patrícia Pozzo
Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) / SES
Fone: (48) 3664-7406 | 3664-7402
E-mail: divecomunicacao@saude.sc.gov.br
www.dive.sc.gov.br 

Foi divulgada nesta sexta-feira, 27, a lista de inscrições admitidas para o Prêmio de Reconhecimento por Trajetória Cultural Aldir Blanc SC. Foram 1231 inscrições admitidas e 389 inadmitidas. Para conferir o resultado, basta clicar no link abaixo:

:: Resultado da etapa de admissibilidade

O período para enviar pedidos de recurso para inscrições inadmitidas será entre 30 de novembro e 04 de dezembro. As solicitações devem ser feitas exclusivamente em um campo que estará disponível na própria plataforma de inscrições.

É importante destacar que, conforme o edital, serão desclassificados os participantes já premiados por sua trajetória em outros editais de municípios catarinenses realizados com recurso oriundo da Lei Aldir Blanc.

Segundo o cronograma, a previsão é que o resultado final seja divulgado até 21 de dezembro de 2020.

Informações adicionais para imprensa:
Assessoria de Comunicação Fundação Catarinense de Cultura
Telefones: (48) 3664-2572
E-mail: imprensa@fcc.sc.gov.br 

 


Foto: Heron Queiroz / Fesporte

Boas notícias para o esporte em 2021. A Fesporte firmou um contrato na ordem de R$ 500.000 com o Ministério da Cidadania. O recurso terá como destino a compra de bolas de handebol, basquete, voleibol, futsal e futebol de campo e beneficiará 259.396 pessoas.

Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) 12 a 14 anos, Jesc 15 a 17 anos, Jogos Escolares Paradesportivos de Santa Catarina (Parajesc), Campeonato Catarinense Escolar de Futebol (Moleque Bom de Bola), Jogos da Terceira Idade (Jasti), Jogos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc) além da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc) e Joguinhos Abertos de Santa Catarina estão no rol dos eventos beneficiados. O contrato foi concebido via emenda parlamentar, por intermédio da deputada federal Caroline de Toni.

Para o presidente da Fesporte, Rui Godinho, o convênio com o Ministério da Cidadania é essencial porque ajuda a desonerar o orçamento da instituição que preside e fortalece principalmente o esporte escolar e de participação, duas vertentes que trabalham o esporte como inclusão social, promove cidadania e a descoberta de novos talentos.

“Essa assinatura de convênio é uma ação muito importante para o esporte catarinense, pois ele abre um diálogo com o Governo Federal para futuras parcerias, já que fazia muito tempo que não tínhamos contratos similares na esfera federal. Acredito que esta ação abre uma nova fase de investimentos no esporte, principalmente no esporte escolar”, destaca o presidente da Fesporte, Rui Godinho.

Informações adicionais para a imprensa
Antônio Prado
Assessoria de Imprensa 
Fundação Catarinense de Esporte - Fesporte
Fone: (48) 3665-6126/ (48) 99949-5255
E-mail: prado@fesporte.sc.gov.br
Site: www.fesporte.sc.gov.br

 


Imagem: Divulgação / PCSC

Um convênio assinado nesta sexta-feira, 27, pela Polícia Civil de Santa Catarina e a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SC) prevê a disponibilização de salas em delegacias de polícia para serem utilizadas por advogados. A iniciativa começará nas centrais de plantão em Chapecó, Joaçaba e Concórdia.

As instituições assinaram um acordo de cooperação técnica em uma solenidade realizada no começo da tarde, na OAB/SC, em Chapecó, e acompanhada virtualmente por autoridades. Há expectativa que alcance todo o Estado gradativamente, conforme a disponibilidade local.

“Certamente este projeto engrandece a cidadania, a democracia e demonstra o respeito que a Polícia Civil tem com a OAB como um todo. Os advogados terão condição digna de trabalhar e assistir ao cidadão”, destacou o presidente do Colegiado Superior de Segurança Pública e Perícia Oficial e Delegado Geral da Polícia Civil de SC, Paulo Koerich.

Na solenidade, Koerich aproveitou o momento para reforçar a bandeira em defesa das mulheres e de uma cultura de respeito, diante do recente aumento do número crimes praticados, por exemplo, em casos de feminicídios.

“Respeito institucional e gratidão”

Para o presidente da OAB/SC, Rafael Horn, o ato demonstra um relacionamento de respeito institucional grande e fortalece o Estado de Santa Catarina ao garantir a cidadania e serve de exemplo a todas as polícias do Brasil.

“Tenho certeza que este acordo não ficará restrito no Oeste, mas compartilhado no Estado. Celebramos este momento com especial gratidão”, assinalou o presidente.

Horn ressaltou também a importância que os espaços trarão para o atendimento, por exemplo, às mulheres vítimas de violência doméstica e aos presos em flagrante que necessitarem de orientação jurídica.

Informações adicionais para imprensa:
Diogo Vargas
Assessoria de Comunicação
Polícia Civil - PC
E-mail: imprensa@pc.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-8708 / (48) 99119-8960
Site: www.pc.sc.gov.br 


Foto: Ricardo Wolffenbüttel / Arquivo / Secom

Santa Catarina tem mais de um milhão de processos para uma população de pouco mais de sete milhões de habitantes. Isso significa que a taxa de judicialização do Estado é de um processo para cada grupo de sete habitantes. Para ajudar a reduzir esse índice, a Procuradoria-Geral do Estado (PGE/SC) participa da Semana Nacional da Conciliação que começa no próximo dia 30.

A iniciativa do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) chega a 15ª edição e proporciona maneiras de reduzir a litigiosidade em diversos tipos de ações em andamento. Neste ano foram selecionados 400 processos que envolvem o Estado de Santa Catarina.

As causas selecionadas são de várias áreas e demonstram que SC está disposta a encerrar o litígio pelos valores que entende devidos. Os autores das demandas tiveram até o último dia 15 para enviar os requerimentos.

Todas as 400 ações que foram selecionadas pelo Juizado Especial são consideradas causas de menor potencial. As sessões serão totalmente virtuais e não servirão para a discussão do mérito, apenas os valores devidos pelo Estado ao autor. Isso porque na maioria dos casos, os custos de eventuais recursos movidos por SC tendem a ser maiores do que as indenizações devidas - por isso o aceite da proposta de pagamento feita pelo Estado é a melhor opção.

Para o procurador-geral do Estado, Luiz Dagoberto Brião, que fez o levantamento da quantidade de processos em andamento em SC, “a PGE quer viabilizar uma prestação jurisdicional mais célere, de modo que o Estado, com base no princípio da cooperação, contribua para que essas ações tenham seu tempo de tramitação reduzido”.

“A taxa de judicialização de Santa Catarina é assustadora, mesmo sendo melhor que a do Brasil - onde há um processo para cada quase três habitantes. É por isso que essa iniciativa do CNJ é fundamental para acelerar a Justiça e economizar recursos dos catarinenses”, afirma.

A Semana da Conciliação vai até o próximo dia 4 de dezembro. No ano passado foram realizadas 4,1 mil audiências e os valores negociados chegaram a R$ 71 milhões.

Informações adicionais para a imprensa:
Felipe Reis
Assessoria de Comunicação
Procuradoria-Geral do Estado
comunicacao@pge.sc.gov.br
(48) 3664-7650 / 3664-7834 / 98843-2430