Encontre serviços e notícias do Governo de SC

Reunimos neste site tudo o que o Governo pode fazer por você

Notícias em destaque

Vídeos

Projeto Recuperar: estamos em obras



Oportunidades

Próximos eventos


Fotos: Heda Wenzel / Celesc

A Celesc inaugurou nesta quinta-feira, 5, a Subestação Canoinhas Rio da Areia. A obra recebeu investimentos de R$ 10 milhões e traz mais confiabilidade ao sistema elétrico dos municípios de Canoinhas, Bela Vista do Toldo e Irineópolis. A região abriga um mercado formado por mais de 3 mil unidades consumidoras, a maioria residencial e rural, principalmente produtoras de tabaco, erva-mate e suínos.

A nova subestação, com potência instalada de 9,4 MVA, representa um incremento de 30% na quantidade de energia disponível para a região. “Considerando-se as atuais taxas de crescimento, esta Subestação assegurará energia em quantidade e qualidade suficientes para atender o mercado consumidor pelos próximos 10 anos. Com mais energia disponível e desenvolvimento econômico, amplia-se a oferta de empregos e renda, contribuindo para melhorar a qualidade de vida de toda a população”, destacou o presidente da Celesc, Cleicio Poleto Martins.

Estrategicamente posicionada, a Subestação Canoinhas Rio da Areia reforçará o atendimento das subestações de Canoinhas, Porto União e Irineópolis. “É uma obra muito esperada pela região de Canoinhas, Irineópolis e Bela Vista do Toldo. Vai trazer inúmeros benefícios para o Planalto Norte em especial para os fumicultores, produtores de leite, suínos e erva mate. Ela tem um novo conceito por ser a única do estado instalada em área rural, beneficiando o agricultor, porque geralmente estão em grandes centros e áreas industriais”, conta o gerente da Unidade Mafra da Celesc, Leandro Gonçalves de Oliveira.

A SE Canoinhas Rio da Areia atende às especificações mais modernas da Celesc. A nova SE possui tecnologia de ponta e será operada de forma remota e teleassistida, com integração plena ao Sistema Digital de Supervisão e Controle da Celesc. “A operação remota da SE nos permite oferecer à região, além de mais energia e segurança ao sistema elétrico, muito mais agilidade no caso de ocorrências não programadas. É a tecnologia em benefício de todos”, finalizou Sandro Levandoski, diretor de Distribuição da Empresa.

Informações adicionais para a imprensa
Lau Macarini
Assessoria de Imprensa 
Centrais Elét
ricas de Santa Catarina S.A. - Celesc 
E-mail: laumacarini@celesc.com.br
Atendimento 24h: 0800-480120
Site: www.celesc.com.br


Heda Wenzel
Agência Comunicaz a serviço da Celesc
Fone: (48) 3231-5140 
Twitter.com/CelescInforma
Confira a situação em tempo real no estado: celgeoweb.celesc.com.br



O aplicativo Praia Segura do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina (CBMSC) agora possui mais uma funcionalidade: mostra também a balneabilidade das praias catarinenses O novo recurso é uma parceria inédita com o Instituto do Meio Ambiente (IMA) e garante a disponibilização das informações se a água da praia está própria ou imprópria para banho.

“Nós alinhamos essas informações entre as instituições e a Divisão de Tecnologia incluiu no aplicativo, criado pelo CBMSC, para que ele possa trazer estas informações para a população, mantendo o Praia Segura cada vez mais completo e também gerando economia, já que nós aproveitamos o recurso que já existe”, explica o comandante-geral do  CBMSC, coronel Charles Alexandre Vieira. “Sem contar que esta parceria com o IMA é mais uma forma de garantir a segurança do cidadão nas praias, que além da prevenção a afogamentos gerenciada pelo CBMSC, agora também traz a possibilidade de manter as famílias livres de possíveis doenças”, complementa o comandante-geral.

Sobre o Praia Segura

Desenvolvido no ano de 2016 pela equipe da Divisão de Tecnologia da Informação (DITi) dos bombeiros militares, o aplicativo apresenta aos cidadãos informações para segurança e acessibilidade nas praias catarinenses. Nele, podem ser visualizadas informações das condições do mar, quais as bandeiras do dia em cada praia, além da incidência de águas-vivas. Além disso, é possível verificar em quais locais há a disponibilização de cadeiras anfíbias, que são adaptadas para serem usadas por portadores de necessidades especiais para banhos de mar seguros.

Em 2018, o aplicativo ficou em 1°lugar, do prêmio Boas Práticas em Gestão Pública, organizado pelo Departamento de Administração Pública do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag), da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc).

Assim como outras aplicações desenvolvidas no CBMSC, o Praia Segura foi criado em software livre, permitindo que outras corporações possam se beneficiar utilizando o código aberto.

O Praia Segura CBMSC pode ser baixado por usuários do sistema Android, clicando aqui.

Informações adicionais à imprensa:
Melina Cauduro
Assessoria de Imprensa
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina - CBMSC
48) 3665-8426 / (48) 98843-4427 / (48) 9 9938-9839
imprensa@cbm.sc.gov.br 


Fotos: Divulgação/ Polícia Civil

A Operação Zero Grau da Polícia Civil apurou que ao menos R$ 3 milhões foram desviados em fraudes contra a Celesc em 2010. A ação desencadeada pela Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) nesta quinta-feira, 5, apreendeu carros de luxo, caminhões e R$ 100 mil em dinheiro em Santa Catarina e Paraná. Os investigados são quatro ex-funcionários, que atuavam na empresa na época, suspeitos de receberem valores indevidos dos cofres públicos.

As suspeitas são que as fraudes eram feitas por meio de ordens de serviço para avarias causadas por eventos climáticos, mas cujos serviços não foram prestados e o dinheiro desviado. “O inquérito apura desde 2013 serviços gerados por eventos climáticos pelo estado, mas em 90% deles conseguimos comprovar que eles não foram realizados e os pagamentos eram feitos por notas fiscais frias no conluio entre os funcionários e empresários investigados”, afirma o delegado da Delegacia de Combate à Corrupção da DEIC, Marcus Fraile. Ao todo, ele estima que o valor das fraudes possa chegar a R$ 10 milhões, mas essa quantia ainda não conseguiu ser comprovada pela polícia.

Nesta quinta-feira foram cumpridos 21 mandados de busca e apreensão e sequestro de 49 veículos determinados pela Justiça, em Florianópolis, São José, Itajaí, Blumenau, Orleans, Pescaria Brava e Curitiba (PR). Foram apreendidos carros de luxo e caminhões. A DEIC apreendeu ainda euros, dólares e reais que alcançam mais de R$ 100 mil. Os documentos apreendidos serão analisados e farão parte do inquérito. São apurados os crimes de peculato, associação criminosa e fraude à licitação.

Combate à corrupção é compromisso da Polícia Civil

Em entrevista coletiva pela manhã, o diretor da DEIC, delegado Luis Felipe Fuentes, destacou o combate à corrupção como compromisso da Polícia Civil.

“Em casos de corrupção há valores altos envolvidos em dinheiro, patrimônio público, além da sensação de impunidade. Então o recado que estamos dando é de que uma hora a polícia chega”, ressaltou o diretor. Esta ação faz parte dos objetivos traçados no planejamento estratégico da Polícia Civil.

Informações adicionais para imprensa:
Diogo Vargas
Assessoria de Comunicação
Polícia Civil - PC
E-mail: imprensa@pc.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-8708 / (48) 99119-8960
Site: www.pc.sc.gov.br 


Foto: Divulgação / CBMSC

O soldado do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina Willian Valdeley Marques e o cão Marley conquistaram duas certificações internacionais, reconhecidas pela International Search and Rescue Dog Organisation (IRO). A prova ocorreu no último fim de semana, em Xanxerê. A partir de agora, a Grande Florianópolis e o estado passam a contar com o suporte do binômio - bombeiro e cachorro - já que em Santa Catarina é necessário que os animais sejam certificados para atuar.

Em menos de 24 horas o binômio foi duplamente aprovado para busca e resgate com cães. O avaliador veio da República Tcheca, exclusivamente para analisar o desempenho nessa certificação internacional. O resultado é fruto da dedicação integral de Valdeley, que  busca capacitação e emprego de técnicas com o cão que tem cerca de dois anos. 

Informações adicionais à imprensa:
Melina Cauduro
Assessoria de Imprensa
Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina - CBMSC
48) 3665-8426 / (48) 98843-4427 / (48) 9 9938-9839
imprensa@cbm.sc.gov.br 

As inscrições para as empresas de alimentação e bebidas interessadas em participar da reabertura histórica da Ponte Hercílio Luz terminam nesta quinta-feira, 5. Os estabelecimentos precisam entregar e protocolar as propostas até as 19h, na sede da Santur, no Bairro Itacorubi, em Florianópolis.

Caso sejam selecionadas, as empresas poderão vender os produtos de 30 de dezembro a 5 de janeiro de 2020 nas cabeceiras da estrutura. A iniciativa faz parte do projeto Viva a Ponte, que prevê ampla programação neste período, com atrações artísticas, folclóricas e gastronômicas.

O edital 002/2019, disponível no site www.sc.gov.br/vivaaponte, traz os detalhes sobre o processo de seleção. Estão aptos a participar food karts, food bikes ou estandes. Os selecionados serão divididos em 20 espaços, sendo 14 no vão central da cabeceira insular e seis na continental.

Os interessados que tiverem suas propostas aprovadas pelo Grupo de Trabalho da Ponte Hercílio Luz serão notificados para participarem de sessão pública no dia 10 de dezembro.

Viva a Ponte é um projeto cultural, turístico e urbanístico do complexo da Hercílio Luz, com ações integradas da Secretaria de Estado da Infraestrutura, Fundação Catarinense de Cultura, Fundação Catarinense de Esporte, Santur, Casa Civil, Secretaria Executiva da Casa Militar, Secretaria Executiva de Comunicação, Defesa Civil e Secretaria de Estado da Segurança Pública.

Mais informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação - Secom
Governo de Santa Catarina
Fone: (48) 3665-3022
Site: www.sc.gov.br

Página 1 de 630

Conecte-se