Foto: Julio Cavalheiro/ Secom

A rodovia José Carlos Daux (SC-401), que dá acesso ao Norte da Ilha, passará por uma revitalização. O governador Carlos Moisés assinou digitalmente, na manhã desta segunda-feira, 10, na sede da Associação Empresarial de Florianópolis (ACIF), um documento que autoriza o início das obras. O investimento previsto é de R$ 32,3 milhões. As melhorias fazem parte do plano "Novos Rumos - Santa Catarina em Movimento", um conjunto de ações estratégicas para melhorar a infraestrutura catarinense e destravar o desenvolvimento de Santa Catarina.

:: VEJA GALERIA DE FOTOS DO ANÚNCIO

"É uma obra que vai melhorar o trânsito e aumentar a segurança para quem transita", afirmou o governador. No total, de acordo com Moisés, o programa deve resultar em investimentos de até R$ 200 milhões, com seis obras em cinco regiões catarinenses. "Esses recursos não são de financiamentos, mas de recursos próprios, resultado das economias que estamos fazendo em todas as secretarias, com compras feitas de forma mais racional, digitalização dos processos e redução de diversas despesas", explicou.

 SC-401, em Florianópolis | Foto: James Tavares/ Secom

A revitalização ocorrerá em um trecho de 12 quilômetros da SC-401, entre os entroncamentos com a SC-404, no Itacorubi, e a SC-402, no Ratones. Estão previstos serviços de pavimentação, terraplanagem, drenagem, sinalização, troca de guardrails metálicos por muretas de concreto e a implantação de uma terceira pista na subida do João Paulo, até o cemitério Jardim da Paz. Segundo o secretário de Estado da Infraestrutura, Carlos Hassler, as obras serão realizadas à noite e durante a madrugada, para minimizar os transtornos. "A obra levará de um ano e meio a dois anos, dependendo das condições do tempo e do andamento dos trabalhos", afirmou.

Também acompanharam o ato os secretários de Estado Douglas Borba (Casa Civil), Jorge Eduardo Tasca (Administração), Helton Zeferino (Saúde), Ricardo Dias (Comunicação) e coronel João Carlos Neves Júnior (Casa Militar), o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, e o anfitrião e presidente da ACIF, Rodrigo Rossoni, além de outros representantes da sociedade civil organizada e parlamentares.

Esta foi a segunda obra anunciada pelo programa. A primeira foi o Contorno Viário de Chapecó. As demais serão anunciadas nos próximos dias e semanas.

O prefeito de Florianópolis vê com otimismo a execução da revitalização da SC-401. "É a rodovia de maior movimento em Santa Catarina, e esse trabalho fundamental vem em boa hora", destacou.

Apoio da sociedade

Na ACIF, Moisés agradeceu o apoio das entidades da sociedade civil no que diz respeito ao projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), prevendo a redução de repasses aos poderes para haver mais recursos a investimentos. "A previsão é que sobre mais de R$ 400 milhões para investir. A revitalização da SC-401 terá um investimento de R$ 32 milhões. Isso dá uma ideia de como poderemos aplicar mais recursos a favor dos catarinenses", frisou. O presidente da Associação, Rodrigo Rossoni, enalteceu a união do empresariado em torno de pautas de interesse da cidade.

Informações adicionais para a imprensa
Renan Medeiros
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: renan@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99605-9196
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Um plano de investimentos em infraestruturas, com obras estratégicas para cinco regiões do Estado, foi lançado nesta sexta-feira, 7, pelo governador Carlos Moisés durante visita a Chapecó. Com recursos estaduais, o plano Novos Rumos - Santa Catarina em Movimento contempla seis obras, que irão acelerar o desenvolvimento regional e serão anunciadas em junho.

A primeira divulgada por Moisés foi o trecho que complementa o Contorno Viário Oeste, entre a BR-282 e a SC-283, em Chapecó. O governador autorizou a licitação da obra para a área de 11,4 quilômetros.

"Vamos investir em todas as regiões do Estado, selecionando as demandas com problemas mais graves, como é o caso do excesso de veículos pesados dentro de Chapecó. São soluções que vamos encaminhar com verbas próprias", antecipou Moisés. O anúncio foi feito a empresários e lideranças chapecoenses, após a visita técnica do ministro Sergio Moro ao Complexo Penitenciário de Chapecó.

 O Contorno Viário Oeste vai ajudar a escoar a produção de cooperativas e empresas de Chapecó - Foto: James Tavares / Secom

De acordo com o governador, o objetivo do Novos Rumos é, com responsabilidade e dentro da capacidade financeira do Estado, fazer intervenções estratégicas na infraestrutura de Santa Catarina, priorizando aquelas com maior potencial para gerar resultados positivos para cada região. “Não é tudo que gostaríamos de fazer, mas é o que é possível fazer hoje”, disse.

No caso do complemento do Contorno Viário Oeste de Chapecó, o investimento previsto é de aproximadamente R$ 25 milhões. Batizada em 2014 com o nome de Estrada Municipal Alcebíades Sperandio, a via passa pelas comunidades de Linha Simonetto, Linha Sarapião, Linha Cascavel e Colônia Bacia, a oeste da área central de Chapecó.

A prioridade foi apontada pelo prefeito Luciano Buligon e endossada pela vice-governadora, Daniela Reinehr. De acordo com o prefeito, a obra terá impactos positivos no longo prazo, já que ajudará a escoar a produção das cooperativas e empresas da cidade, além de melhorar a mobilidade urbana.

"São 250 caminhões por dia que vamos tirar do Centro de Chapecó. Esta obra vai trazer resultados positivos não só depois de concluída, mas por muitos anos", reconheceu o prefeito.

Há pouco mais de seis anos, o Governo do Estado já havia inaugurado o trecho entre a avenida Atílio Fontana e a SC-480, mas uma continuidade até a BR-282 ficou pendente. Além de melhorar a mobilidade para moradores, o Contorno Viário Oeste ajuda no tráfego de caminhões entre os estados do Sul do Brasil e do Mercosul.


Informações adicionais para a imprensa
Renan Medeiros
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: renan@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99605-9196
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC

 Fotos: Divulgação/ Prefeitura de Antônio Carlos

A revitalização do trecho da SC-407 em Antônio Carlos está mais perto de virar realidade. O secretário de Estado da Casa Civil, Douglas Borba, assinou no fim da tarde desta quarta-feira, 5, na prefeitura, a autorização do processo licitatório da obra. A pavimentação contempla um trecho de 3,2 quilômetros entre o limite dos municípios de Antônio Carlos e Biguaçu até a Praça Anchieta.

Segundo Borba, a rodovia é essencial para os moradores e para a economia local, pois faz ligação entre as duas cidades, dando acesso à BR-101. ”Este caminho traz desenvolvimento econômico à região, facilitando a logística e o escoamento da produção agrícola”, disse.

Mais conhecida como Rua Daniel Petry, a via contempla o ”trecho esquecido” dos trabalhos de recuperação da SC-407. A obra será custeada com a sobra do contrato de pavimentação da rodovia, de 2016, no valor aproximado de R$ 2 milhões.

O prefeito Geraldo Pauli agradeceu a iniciativa do Governo do Estado de destravar o processo de continuidade da obra. "O trecho revitalizado da SC-407 ficou bonito, o problema é quando você chega em Antônio Carlos. É uma via que suportou durante muitos anos o excesso de peso dos caminhões e não teríamos recursos para recuperá-la", afirmou Pauli.

Também estiveram presentes os vereadores de Antônio Carlos, o secretário-adjunto da Casa Civil, Matheus Hoffmann, e o coordenador da Central de Atendimento aos Municípios, Gabriel Loeff.

 

Informações adicionais à imprensa
Mauren Rigo
Assessoria de Comunicação
Casa Civil
E-mail: comunicacao@casacivil.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2005 / 98843-3497
Site: www.scc.sc.gov.br
www.fb.com/casacivilsc / @CasaCivilSC



O Portal Digital do Detran completa dois meses com 19.890 mil pessoas cadastradas, oferecendo serviços referentes a veículos, habilitação e penalidades. A ferramenta desenvolvida pelo Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina (Ciasc) é simples, intuitiva e dispõe de sistema de acessibilidade para deficientes visuais. O acesso online garantiu maior agilidade no atendimento e redução do número de visitas dos usuários ao órgão de trânsito.

“Melhorar a qualidade dos serviços prestados à população é uma das nossas grandes metas. Através da modernização dos serviços garantimos mais facilidades e comodidade aos nossos usuários. Em breve novas funcionalidades serão disponibilizadas no portal”, ressalta a diretora do Detran, Sandra Mara Pereira.

Pelo portal eletrônico é possível solicitar: segunda via da CNH; CNH definitiva e PID (Permissão Internacional para Dirigir). O pedido e o pagamento do boleto é todo feito por via eletrônica, o usuário somente vai até o órgão de trânsito retirar o documento na data previamente agendada. Desde o lançamento do serviço online, foram emitidos 2.436 documentos, sendo 529 - segunda via de CNHs; 1.218 - CNHs definitivas; e 689 – PIDs.

O mais recente serviço implantado no portal é o envio de avisos via e-mail, com o vencimento dos débitos do veículo: IPVA, licenciamento e seguro obrigatório. Trinta dias antes do prazo para quitação da primeira parcela do imposto, o sistema envia um lembrete ao proprietário com as dívidas a vencer, o que evita uma série de transtornos devido à falta de pagamento.

Desde o lançamento do serviço, em 16 de maio, cerca de 400 pessoas se cadastraram para receber a notificação, que necessita de autorização prévia. O primeiro lote de envios será no próximo dia 10, para quem tem os débitos a vencer em julho.

Além de todos esses serviços, e-mails com notificações sobre vencimento de habilitação; de penalidades e de autuação recente também foram incorporados ao portal.

O serviço que é oferecido desde janeiro, utiliza a base de dados dos condutores cadastrados no Detran, que hoje conta com 737.371 e-mails. Nesses cinco meses foram enviadas 28.503 notificações de habilitações a vencer; 177.905, penalidades a vencer e; 134.310, autuações recentes.

Para ter acesso a todas essas funcionalidade, é preciso ir em Detran Digital, fazer um cadastro e o login, escolher a solicitação de serviço desejada, além de deixar ativos todos os campos disponíveis em Notificações (conforme quadro abaixo), para que o envio dos informativos esteja autorizado.

Detran envia alertas sobre débitos dos veículos

Informações adicionais para imprensa
Janaina Guliato
Assessoria de Imprensa
Departamento Estadual de Trânsito de SC (Detran)
E-mail: imprensa@detran.sc.gov.br  
Fone: (48) 3664-1733
www.detran.sc.gov.br 

 Foto: James Tavares/Secom

O quadro de engenheiros do Governo do Estado vai ganhar reforço. O governador Carlos Moisés anunciou na tarde desta segunda-feira, 3, a chamada de 37 profissionais aprovados em concurso público para a Secretaria de Estado da Infraestrutura. Desses, ao menos 16 devem atuar nas coordenadorias regionais, com a principal atribuição de fiscalizar obras públicas.

“Queremos acelerar o desenvolvimento do nosso Estado. Com este reforço vamos garantir mais agilidade no andamento das obras que geram renda e oportunidades para os catarinenses”, afirmou o governador.

O anúncio da chamada foi feito pouco antes da Reunião do Colegiado Pleno, em que foram apresentadas ao governador algumas metas das secretarias e órgãos de Estado. Um dos presentes era o Secretário da Infraestrutura, Carlos Hassler. Ele salientou que os novos engenheiros terão papel preponderante para a pasta.

“Por haver essa prioridade para a parte da fiscalização, dentro desses 37, haverá 16 que atuarão nas nossas supervisões”, explicou Hassler.

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 

 Fotos: James Tavares/ Secom

Uma reunião na manhã desta quarta-feira, 29, no escritório da empresa Teixeira Duarte, definiu as datas da próxima transferência de carga da ponte Hercílio Luz. A operação será a partir da próxima segunda-feira, 3 de junho, com início às 22h. O trabalho ocorrerá ao longo de quatro noites consecutivas, caso haja condições meteorológicas favoráveis. Ao fim do processo, 80% do peso da ponte voltará a ser sustentado pela própria estrutura.

:: VEJA GALERIA DE FOTOS

Trata-se de um dos momentos mais importantes durante o trabalho de recuperação do cartão postal. Com a operação, a maior parte da ponte deixa de ser sustentada nas estruturas provisórias. "Será o coroamento de meses de cálculos e planejamento técnico para que efetivamente a ponte possa estar funcionando da forma como ela foi projetada. Por enquanto, temos uma ponte apoiada sobre uma espécie de cavalete. A partir dessa transferência de carga, que ainda não é de 100%, ela volta a ficar apoiada sobre a estrutura normal de estaiamento", explicou o secretário de Estado de Infraestrutura, Carlos Hassler. De acordo com ele, a mudança na posição da ponte será imperceptível, uma vez que a troca de sustentação implica na movimentação de mílimitros.  

Ao contrário da primeira transferência de carga, ocorrida em 2017, desta vez não haverá interrupções no trânsito. Apenas o canal marítimo abaixo da ponte será fechado durante a operação, que tem um plano de contingência já alinhado com a Defesa Civil e demais órgãos de segurança. "Já entramos em contato com a Marinha, que estará nos apoiando no controle do tráfego marítimo. O grau de segurança dessa operação é muito alto, o risco de qualquer incidente é mínimo, porque conhecemos bem a estrutura da ponte", complementou o secretário.

Participaram da reunião nesta quarta-feira representantes do Corpo de Bombeiros, da Marinha, da Guarda Municipal, da Polícia Militar e da Associação Catarinense de Engenheiros (ACE).

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 

 Foto: Mauren Rigo/Casa Civil

A implantação do sistema integrado de ônibus da Grande Florianópolis voltou a ser discutido pelo Governo do Estado e prefeituras na manhã desta segunda-feira, 27. O governador Carlos Moisés, o secretário da Casa Civil, Douglas Borba, e a equipe da Superintendência de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (Suderf) se reuniram com os prefeitos da região na Casa d’Agronômica a fim de agilizar os trâmites legais que viabilizam a integração do transporte coletivo. Os chefes do executivo municipal concordaram em enviar o mais breve possível para as câmaras de vereadores o projeto de lei que delega ao Estado a competência sobre as linhas.

“Todos temos interesse que o projeto de integração dos ônibus evolua. O Estado já sinalizou que quer a melhoria do serviço colocando a Suderf à disposição. Agora, precisamos que o projeto caminhe mais rápido nos municípios para darmos uma resposta adequada aos usuários de ônibus”, afirmou o governador.

Segundo o secretário Douglas Borba, a minuta do projeto de lei que deve ser encaminhado para as câmaras foi entregue aos prefeitos em fevereiro. Nos últimos meses, os municípios criaram um grupo técnico para analisar o documento e realizaram encontros com a Suderf. "É importante que todas as prefeituras enviem os projetos para aprovação no legislativo municipal nesta semana", reforçou.

O prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, afirmou que, apesar de a Capital ser a única das cidades a ter um contrato de transporte coletivo em andamento, iria encaminhar ainda nesta segunda-feira o projeto de lei para a Câmara de Vereadores em regime de urgência.

O superintendente em exercício da Suderf, Matheus Hoffmann, explicou que independentemente do tempo necessário para aprovação do projeto de lei, a Superintendência segue com os trabalhos de detalhamento da operação e das linhas em parceria com o Observatório de Mobilidade da UFSC e com a agência alemã GIZ. A Suderf ainda elabora o termo de referência do processo licitatório.

Na reunião, também estiveram presentes os prefeitos de Biguaçu, Ramon Wollinger; de Águas Mornas, Pedro Paulo Medeiros (prefeito interino); de São Pedro de Alcântara, Ernei José Stahelin; e o procurador-geral do município de São José, Rodrigo Machado, além da consultora jurídica da Casa Civil, Giglione Zanela Maia, e arquiteta da Suderf, Luana Schmitt Montero. 

Rede Integrada de Transporte Coletivo

A integração das linhas municipais da região continental da Grande Florianópolis com as intermunicipais trará uma série de benefícios aos usuários, incluindo a possibilidade de deslocamentos diretos na região continental sem necessidade de entrar em Florianópolis. “Com a rede integrada, os usuários contarão com tarifa justa, transporte de qualidade e menor tempo de trajeto”, afirmou Borba. 

Todas as prefeituras também poderão trabalhar em conjunto no planejamento do sistema de transporte, gestão, operação e fiscalização do serviço. O projeto da rede integrada foi elaborado pela Suderf em parceria com o Observatório da Mobilidade Urbana da UFSC e técnicos das prefeituras envolvidas.

Informações adicionais para a imprensa
Mauren Del Claro Rigo
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: mauren@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5439
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Foto: Jaqueline Noceti/Arquivo/Secom

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Infraestrutura, confirmou a retomada das operações da companhia aérea Latam no Aeroporto Regional Sul Humberto Ghizzo Bortoluzzi, em Jaguaruna, a partir da segunda quinzena de junho. Na última sexta-feira (17), a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) confirmou a aceitação do Termo de Compromisso proposto pelo Governo do Estado, para a normalização do tráfego aéreo.

A Latam decidiu suspender os voos em abril, após vistoria e divulgação do laudo NOTAM pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). A Azul, outra companhia que opera em Jaguaruna, manteve as atividades normalmente.

As passagens com saída e destino a Jaguaruna já estão disponíveis para venda no site oficial da Latam.

Boa notícia para quem esquece as datas de vencimento de IPVA, licenciamento e seguro obrigatório do veículo. Já está disponível no Portal Digital do Detran a opção de avisos via e-mail. Trinta dias antes do prazo para quitação da primeira parcela do IPVA, o sistema envia um lembrete ao proprietário com todos os débitos do veículo. A ferramenta desenvolvida pelo Centro de Automação e Informática do Estado de Santa Catarina (Ciasc) contribui para evitar consequências e transtornos devido à falta de pagamento, além de ser mais uma comodidade oferecida ao cidadão catarinense.

Para receber os alertas basta se cadastrar no Portal Digital do Detran, ir em Configurar Notificações e autorizar o envio do informativo, que será encaminhado dia 10 do mês anterior ao vencimento da primeira cota do IPVA, exceto para vencimentos em janeiro, visto que o débito só é gerado após a virada do ano. Neste caso, o e-mail será enviado cerca de 10 dias antes do vencimento.

Por exemplo, no próximo dia 10 de junho, a funcionalidade será executada e enviará lembretes para todas as pessoas que tenham autorizado, e cuja primeira cota do IPVA vença no dia 10 de julho.

Em funcionamento desde abril deste ano, o Portal Digital do Detran oferece os serviços de envio de e-mails com avisos do vencimento da CNH, das penalidades, e notificação de autuação recente, que juntos, somam 308.834 envios até hoje.

Em breve serão implantados serviços referentes à solicitação e emissão online de documentos como Certidão de Propriedade de Veículos, Certidão de Baixa de Veículo, Certidão para Seguro e Certidão de Registro de CNH.

A expectativa é que haja redução anual do fluxo de pessoas em até 110 mil atendimentos nos órgãos de trânsito de todo o Estado.

Informações para a imprensa:
Janaina Guliato
Assessoria de Imprensa
Detran/SC
imprensa@detran.sc.gov.br

 Foto: Julio Cavalheiro/Secom 

Um projeto da Marinha do Brasil que deve gerar dois mil empregos diretos e outros seis mil indiretos na cidade de Itajaí, por meio da construção de quatro navios de guerra. Esse é o Programa Tamandaré, que investirá entre US$ 1,6 bilhão e US$ 2 bilhões na renovação da frota. Detalhes do projeto foram apresentados ao governador Carlos Moisés por uma comitiva de oficiais da Marinha na tarde desta quinta-feira, 16, em reunião na Casa d’Agronômica.

Liderados pelo almirante de esquadra Luiz Henrique Caroli, os oficiais explicaram os benefícios que o empreendimento trará para o Litoral Norte do estado. O governador se mostrou empolgado com o projeto e colocou a estrutura do Governo à disposição.

“É um projeto importante que trará empregos e renda para o nosso estado. Ficamos honrados que Santa Catarina tenha sido escolhida para a construção dos navios. Nosso objetivo é trazer cada vez mais investimentos para cá”, disse Moisés.

O almirante Caroli explicou que a construção dos navios, a ser realizada no estaleiro Oceana, ocorrerá de maneira escalonada, com a primeira entrega em 2024 e última em 2028. A comitiva da Marinha também visitou a Fiesc nesta quinta-feira pela manhã e, na sexta, é recebida pela prefeitura de Itajaí.

Além de Moisés e dos oficiais da Marinha, também participou da reunião o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Lucas Esmeraldino.

“A empreitada no Estaleiro de Itajaí, com a construção de quatro fragatas modernas, traz sinais concretos e muito positivos para a retomada do crescimento da indústria naval catarinense. Além dos bilhões de dólares investidos e os milhares de empregos diretos e indiretos, este movimento incrementa a atividade econômica da região e cria vínculos com empresas catarinenses do setor”, destaca o secretário Esmeraldino. 

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br