Compartilhe


Fotos: Mauricio Vieira / Secom

Antiga reivindicação do Planalto Serrano, a pavimentação da SC-120 agora é uma realidade. O governador Carlos Moisés inaugurou na manhã desta segunda-feira, 14, o trecho asfaltado entre as cidades de Curitibanos e São José do Cerrito. Trata-se de uma estrada com 40 quilômetros de extensão, que ajudará no escoamento da produção agrícola e impulsionará o desenvolvimento de toda a região. O investimento do Governo do Estado no asfaltamento foi de R$ 112,6 milhões.

Durante a solenidade, ocorrida às margens do Rio Canoas, Carlos Moisés destacou que a chegada do asfalto trará mais segurança para os motoristas e mais conforto para os moradores das comunidades lindeiras.

“O impacto dessa obra para a região é importantíssimo. Essa é uma região agrícola, então a rodovia será utilizada para o escoamento da produção, além e ligar duas BRs importantes para Santa Catarina, a 282 e a 470. Essa nova estrada gerará também mais conforto e segurança, além do desenvolvimento para essa importante parte do nosso Estado. Eu sigo dizendo que nenhuma região ficará esquecida”, reforçou o governador.

>> Mais fotos na galeria

O secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, lembrou que o processo de pavimentação do trecho começou ainda em 2014. Ele salienta a qualidade da obra, que possui um eficiente serviço de sinalização e conta com terceiras faixas nos trechos de subida, para facilitar o deslocamento de veículos leves e pesados. A última camada de asfalto da SC-120 foi colocada no fim de 2019.

“O governador Carlos Moisés determinou que todas obras fossem enxergadas como ações de Estado e não de determinado Governo. Por isso vamos dar continuidade a todas as obras que estavam paralisadas. Essa obra da SC-120 era para ter sido entregue em 2017. Temos uma gestão compromissada em realizar as entregas que Santa Catarina precisa”, pontuou Vieira.

Natural da região de Curitibanos, o deputado estadual Nilso Berlanda ressaltou que o ato desta segunda-feira representa o fim de uma espera de décadas. “É a realização de um sonho. Eu estou muito contente, pois sou um parlamentar que representa toda essa região. Eu dizia que temos importantes usinas e cooperativas ao redor dessa rodovia, além da agricultura e do corte da madeira. A entrega dessa rodovia foi um trabalho realizado por muitas lideranças e agora também pelo governador Carlos Moisés”.

Os prefeitos de Curitibanos, José Antonio Guidi, e de São José do Cerrito, Arno Marian, também acompanharam o ato e agradeceram o governador por dar continuidade à obra. Estiveram presentes ainda o chefe interino da Casa Civil, Juliano Chiodelli, o delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Koerich, e a secretária executiva de Integridade e Governança, Naiara Augusto.

Moradores agradecem pela chegada do asfalto

A empresária Edinara Medeiros de Souza, de 31 anos, trabalha com a venda e o transporte de madeiras na região Serrana. Sua empresa fica localizada às margens da BR-282, em São José do Cerrito. Com a conclusão da pavimentação, seus caminhões agora percorrem um trecho de apenas 40 quilômetros para chegar à fábrica em Curitibanos, o que representa uma economia de quase 80 quilômetros. Antes, os veículos se deslocavam até Campos Novos, no entroncamento com a BR-470, e depois retornavam pela rodovia federal.

“Facilitou muito para a nossa empresa. Havia muito prejuízo com pneus cortados e diesel. Fazíamos um trajeto de 120 quilômetros para evitar a estrada de terra. Agora está muito mais rápido, em 20 minutos nós chegamos ao nosso destino e o caminhão não suja e não estraga. O asfalto também ajudou quem tem carro pequeno. Eu tenho muitos parentes que moram às margens da rodovia e está bem mais fácil de chegar até eles”, contou.

Para o agricultor João Osório Melo Rosa, que mora há 11 anos às margens da rodovia na comunidade do Araçá, em São José do Cerrito, a chegada do asfalto representa o fim da poeira e da lama.

“Era muito barro quando chovia e também tinha muita pedra. O movimento de veículos triplicou. Antes passava muito pouco caminhão e ainda tinha que ficar desviando de buraco. O pessoal chegava ali no começo da estrada e perguntava: ‘são quantos quilômetros até Curitibanos?’. Quando eu respondia que eram 40 quilômetros eles davam a volta”.

Emendas para a Amurc

O ato em Curitibanos também teve a confirmação da liberação de R$ 3,7 milhões, por meio de emendas parlamentares, para cidades da Associação dos Municípios da Região do Contestado (Amurc). As emendas são dos deputados Valdir Cobalchini, Laércio Schuster, Ana Paula da Silva, Marcos Vieira, Sergio Motta, Nilso Berlanda, Ada De Luca, Romildo Titon, Jerry Comper e João Amin.

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 


Mais informações para imprensa:
Patricia Zomer
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-9995-8494
ascom.sie@gmail.com