Foto: Ricardo Wolffenbüttel / Secom

O projeto de mobilidade urbana da Grande Florianópolis venceu prêmio em um dos maiores eventos internacionais de infraestrutura nesta quinta-feira, 17, que teve a participação de forma virtual do secretário de Parcerias Público-Privadas do Governo de Santa Catarina (PPPs), Ramiro Zinder.  A premiação, intitulada Oracle Project of the Year Awards, fez parte do 13º Global Insfrastructure Leadreship Forum (GViP), realizado em Whashington, Estados Unidos.

“Ter esse reconhecimento internacional é uma grande vitrine para atrair investidores para o nosso projeto, que está orçado em R$ 600 milhões e pode ser implantado em dois anos ”, afirmou Ramiro Zinder.

O projeto do Sistema Integrado de Transporte Coletivo da Grande Florianópolis foi elaborado pela Superintendência de Desenvolvimento da Região Metropolitana (Suderf) em parceria com o Observatório da Mobilidade Urbana da UFSC, com técnicos das prefeituras envolvidas e com a cooperação técnica da GIZ através do Programa FELCITY. Este ano, ele foi incluído no Programa de Parcerias e Investimentos do Estado de Santa Catarina (PPI-SC) que é executado pela SCPar.

Ele venceu na categoria “Jobs Creation”, que avalia o potencial de geração de empregos diretos e indiretos nas comunidades impactadas pelo projeto. Santa Catarina concorreu com o projeto de metrô na cidade de Ontário, no Canadá, e com o de mobilidade urbana, da Dinamarca.

O Projeto


O projeto de criação do sistema de transporte coletivo metropolitano integra as linhas municipais e intermunicipais da Grande Fpolis. Trará benefícios aos usuários, incluindo a possibilidade de deslocamentos diretos na região continental sem necessidade de entrar em Florianópolis. 

Além disso, o modelo prevê um único cartão de transporte, novos terminais de ônibus e contará com uma gestão compartilhada entre as prefeituras dos municípios participantes e o Governo do Estado, através da Suderf. Todas as prefeituras poderão trabalhar em conjunto no planejamento do sistema de transporte, gestão, operação e fiscalização do serviço.

O sistema deve beneficiar os usuários de nove cidades da região: Antônio Carlos, Águas Mornas, Biguaçu, Florianópolis, Governador Celso Ramos, Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, São José e São Pedro de Alcântara.

A Suderf é uma autarquia estadual, vinculada à Casa Civil do Governo de Santa Catarina, criada para planejar as funções de interesse comum da Região Metropolitana da Grande Florianópolis.

Informações adicionais à imprensa
Márcia Callegaro
Assessoria de Comunicação
Casa Civil
E-mail: comunicacao@casacivil.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2104 / 98842-8479
Site: www.scc.sc.gov.br
www.fb.com/casacivilsc / @CasaCivilSC

 


Foto: Divulgação/SIE

A Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) lançou a licitação para a elaboração do projeto de restauração da rodovia SC-416, no trecho entre o entroncamento com a SC-417, para Garuva, até o município de Itapoá. O edital foi publicado no Diário Oficial do Estado na segunda-feira, 14.

A elaboração do projeto prevê a restauração e o aumento de capacidade do trecho, que possui uma extensão de 27,44 quilômetros. O orçamento previsto para a contratação dos serviços é de R$ 832.730,76.

“Estamos, gradativamente, recuperando os quase 75% da malha rodoviária que recebemos em situação precária. A restauração da rodovia era uma das prioridade do Governo do Estado e agora estamos tirando do papel mais uma importante obra para a região”, declarou o secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira.

Abertura da Licitação

A licitação será realizada por meio de um RDC Eletrônico, do tipo Técnica e Preço. Para participar os interessados deverão estar cadastrados no sistema de Cadastro Central de Fornecedores do Estado de Santa Catarina. O procedimento para inscrição no cadastro de fornecedores encontra-se disponível no site da Secretaria de Estado da Administração, na aba “Licitações”.

As propostas deverão ser cadastradas até às 15h45, do dia 30 de outubro. A abertura também ocorrerá no dia 30, às 16h. O edital está disponível para consulta nos sites:  www.portaldecompras.sc.gov.br na aba “Busca Detalhada de Editais”, no www.sgpe.sea.sc.gov.br, na aba “Consulta De Processos” e ainda no Portal de Licitações no site da SIE.

Mais informações para imprensa:
Patricia Zomer
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-9995-8494
ascom.sie@gmail.com


Foto: Julio Cavalheiro / Secom

A Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) informa que a partir desta terça-feira, 15, será retomada a instalação das barreiras de concreto (New Jersey) na rodovia SC-401, em Florianópolis. A substituição das defensas metálicas faz parte da obra de revitalização da rodovia.  

A obra será realizada no sentido Bairro-Centro e o trânsito será desviado para a marginal da rodovia (pista nova) para garantir a mobilidade na região. Nesta terça-feira, 15, os trabalhos iniciam em frente ao SOS Cárdio, das 10h às 15h. A partir de quarta-feira, 16, os serviços ocorrem das 7h às 17h (segunda a sexta). Aos sábados os trabalhos serão executados das 7h às 12h.

O serviço precisa ser realizado durante o dia e está sendo adequado para gerar o menor impacto possível no trânsito. A obra de revitalização da SC-401 é aguardada desde 2016 e, apesar de eventuais impactos no dia a dia, contribuirá para melhorar a segurança e mobilidade dos usuários da rodovia.

Mais informações para imprensa:
Patricia Zomer
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-9995-8494
ascom.sie@gmail.com


Foto: Mauricio Vieira / Secom

Uma série de rodovias do Grande Oeste passará por intervenções para melhoria da trafegabilidade nos próximos anos. Durante o ato de inauguração da SC-120, entre Curitibanos e São José do Cerrito, o governador Carlos Moisés lançou um pacote de infraestrutura rodoviária para a restauração ou pavimentação de 12 trechos sob responsabilidade do Governo do Estado. O pacote inclui o lançamento de 10 editais para a contratação de projetos de restauração, um edital para obra de restauração e ampliação de capacidade e um para implantação de asfalto. Apenas nessa primeira etapa serão investidos aproximadamente R$ 100 milhões.

O governador lembrou que o setor de infraestrutura foi escolhido como prioridade quando assumiu o Estado, em janeiro de 2019. O chefe do Executivo estadual ressaltou ainda que a realização dos projetos aponta obras que serão prioritárias para a gestão estadual até o fim do mandato, em dezembro de 2022.

“Esses projetos visam contemplar demandas antigas de todo o Oeste, desde o Meio-Oeste até o Extremo Oeste. Queremos atender os pleitos trazidos pela bancada dessa região, composta por 16 deputados. Vamos fazer isso também com o apoio da Federação Catarinense de Municípios (Fecam). Talvez não tenhamos avançado tanto quanto gostaríamos em 2020, em função da pandemia e eventos climáticos, mas esse também será um ano de  projetos, um ano incubador”, reforçou o governador.

>> Mais fotos na galeria

O secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, conta que o Governo fez um planejamento para investir R$ 4,4 bilhões em infraestrutura até 2022. Desse montante, boa parte virá de recursos próprios, além de eventuais financiamentos, quando o Estado recuperar a nota B junto à Secretaria do Tesouro Nacional.

“Fizemos um planejamento por etapas. Agora estamos finalizando uma primeira etapa de pacote de projetos, mas não serão apenas estes até 2022. Gradativamente, vamos incorporando outros projetos. Além de ter essa carteira, nós vamos executar essas obras. Pretendemos começar as execuções a partir do próximo ano”, afirmou o secretário Vieira.

Participaram dos atos o deputado estadual Nilso Berlanda, os prefeitos de Curitibanos, José Antonio Guidi, e de São José do Cerrito, Arno Marian, o chefe interino da Casa Civil, Juliano Chiodelli, o delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Koerich, e a secretária executiva de Integridade e Governança, Naiara Augusto, além de outros prefeitos da região.

Conheça as obras incluídas no pacote de infraestrutura para o Grande Oeste:

Ato 1 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para executar as obras de implantação e pavimentação da SC-451, entre Fraiburgo e Frei Rogério. O trecho tem 17,5 quilômetros e o valor base é de R$ 57,1 milhões, com prazo de 720 dias.

Ato 2 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para executar as obras de restauração e aumento de capacidade, com terceiras faixas, da SC-283, no trecho de 20 quilômetros entre Águas de Chapecó e Palmitos. O valor base é de R$ 33 milhões, com prazo de 720 dias.

Ato 3 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração com aumento de capacidade da SC-120, no trecho de 54 quilômetros entre Curitibanos e Lebon Régis. O valor base é de R$ 1,4 milhão, com prazo de 300 dias.

Ato 4 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração da SC-452, no trecho de 39 quilômetros entre Fraiburgo e Brunópolis, via Monte Carlo. O valor base é de R$ 1 milhão, com prazo de 300 dias.

Ato 5 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração da SC-350, no trecho de 57 quilômetros entre Caçador e BR-153. O valor base é de R$ 1,4 milhão, com prazo de 540 dias.

Ato 6 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração da SC-350, no trecho de 25 quilômetros entre Lebon Régis e Santa Cecília. O valor base é de R$ 759 mil, com prazo de 240 dias.

Ato 7 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração e aumento da capacidade da SC-155, no trecho de 42 quilômetros entre Xanxerê e Seara, via Xavantina. O valor base é de R$ 1,2 milhão, com prazo de 360 dias.

Ato 8 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração e aumento da capacidade da SC-480, no trecho de 19 quilômetros entre o entroncamento com SC-155, em Bom Jesus, até Xanxerê.

Ato 9 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração da SC-160, no trecho de 38 quilômetros entre Pinhalzinho e São Carlos. O valor base é de R$ 1,1 milhão, com prazo de 360 dias.

Ato 10 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração da SC-160, no trecho de 23 quilômetros entre Pinhalzinho e Bom Jesus do Oeste. O valor base é de R$ 674 mil, com prazo de 270 dias.

Ato 11 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração com aumento de capacidade da SC-160, no trecho de 38 quilômetros entre Bom Jesus do Oeste e Campo Erê. O valor base é de R$ 1 milhão, com prazo de 240 dias.

Ato 12 – Autorização para o lançamento do edital para contratação de empresa para elaboração de projeto de restauração com aumento de capacidade da SC-161, no trecho de 24 quilômetros Campo Erê até a divisa com o Paraná, via Palma Sola. O valor base é de R$ 674 mil, com prazo de 210 dias.

>> Leia também:

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 


Mais informações para imprensa:
Patricia Zomer
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-9995-8494
ascom.sie@gmail.com


Fotos: Mauricio Vieira / Secom

Antiga reivindicação do Planalto Serrano, a pavimentação da SC-120 agora é uma realidade. O governador Carlos Moisés inaugurou na manhã desta segunda-feira, 14, o trecho asfaltado entre as cidades de Curitibanos e São José do Cerrito. Trata-se de uma estrada com 40 quilômetros de extensão, que ajudará no escoamento da produção agrícola e impulsionará o desenvolvimento de toda a região. O investimento do Governo do Estado no asfaltamento foi de R$ 112,6 milhões.

Durante a solenidade, ocorrida às margens do Rio Canoas, Carlos Moisés destacou que a chegada do asfalto trará mais segurança para os motoristas e mais conforto para os moradores das comunidades lindeiras.

“O impacto dessa obra para a região é importantíssimo. Essa é uma região agrícola, então a rodovia será utilizada para o escoamento da produção, além e ligar duas BRs importantes para Santa Catarina, a 282 e a 470. Essa nova estrada gerará também mais conforto e segurança, além do desenvolvimento para essa importante parte do nosso Estado. Eu sigo dizendo que nenhuma região ficará esquecida”, reforçou o governador.

>> Mais fotos na galeria

O secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, lembrou que o processo de pavimentação do trecho começou ainda em 2014. Ele salienta a qualidade da obra, que possui um eficiente serviço de sinalização e conta com terceiras faixas nos trechos de subida, para facilitar o deslocamento de veículos leves e pesados. A última camada de asfalto da SC-120 foi colocada no fim de 2019.

“O governador Carlos Moisés determinou que todas obras fossem enxergadas como ações de Estado e não de determinado Governo. Por isso vamos dar continuidade a todas as obras que estavam paralisadas. Essa obra da SC-120 era para ter sido entregue em 2017. Temos uma gestão compromissada em realizar as entregas que Santa Catarina precisa”, pontuou Vieira.

Natural da região de Curitibanos, o deputado estadual Nilso Berlanda ressaltou que o ato desta segunda-feira representa o fim de uma espera de décadas. “É a realização de um sonho. Eu estou muito contente, pois sou um parlamentar que representa toda essa região. Eu dizia que temos importantes usinas e cooperativas ao redor dessa rodovia, além da agricultura e do corte da madeira. A entrega dessa rodovia foi um trabalho realizado por muitas lideranças e agora também pelo governador Carlos Moisés”.

Os prefeitos de Curitibanos, José Antonio Guidi, e de São José do Cerrito, Arno Marian, também acompanharam o ato e agradeceram o governador por dar continuidade à obra. Estiveram presentes ainda o chefe interino da Casa Civil, Juliano Chiodelli, o delegado-geral da Polícia Civil, Paulo Koerich, e a secretária executiva de Integridade e Governança, Naiara Augusto.

Moradores agradecem pela chegada do asfalto

A empresária Edinara Medeiros de Souza, de 31 anos, trabalha com a venda e o transporte de madeiras na região Serrana. Sua empresa fica localizada às margens da BR-282, em São José do Cerrito. Com a conclusão da pavimentação, seus caminhões agora percorrem um trecho de apenas 40 quilômetros para chegar à fábrica em Curitibanos, o que representa uma economia de quase 80 quilômetros. Antes, os veículos se deslocavam até Campos Novos, no entroncamento com a BR-470, e depois retornavam pela rodovia federal.

“Facilitou muito para a nossa empresa. Havia muito prejuízo com pneus cortados e diesel. Fazíamos um trajeto de 120 quilômetros para evitar a estrada de terra. Agora está muito mais rápido, em 20 minutos nós chegamos ao nosso destino e o caminhão não suja e não estraga. O asfalto também ajudou quem tem carro pequeno. Eu tenho muitos parentes que moram às margens da rodovia e está bem mais fácil de chegar até eles”, contou.

Para o agricultor João Osório Melo Rosa, que mora há 11 anos às margens da rodovia na comunidade do Araçá, em São José do Cerrito, a chegada do asfalto representa o fim da poeira e da lama.

“Era muito barro quando chovia e também tinha muita pedra. O movimento de veículos triplicou. Antes passava muito pouco caminhão e ainda tinha que ficar desviando de buraco. O pessoal chegava ali no começo da estrada e perguntava: ‘são quantos quilômetros até Curitibanos?’. Quando eu respondia que eram 40 quilômetros eles davam a volta”.

Emendas para a Amurc

O ato em Curitibanos também teve a confirmação da liberação de R$ 3,7 milhões, por meio de emendas parlamentares, para cidades da Associação dos Municípios da Região do Contestado (Amurc). As emendas são dos deputados Valdir Cobalchini, Laércio Schuster, Ana Paula da Silva, Marcos Vieira, Sergio Motta, Nilso Berlanda, Ada De Luca, Romildo Titon, Jerry Comper e João Amin.

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 


Mais informações para imprensa:
Patricia Zomer
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-9995-8494
ascom.sie@gmail.com

 


Fotos: Julio Cavalheiro / Secom

A Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) lançou o Concurso de Arquitetura e Urbanismo, de abrangência nacional, para promover a revitalização da área externa do Edifício das Diretorias, sede da pasta, em Florianópolis.

O estudo vencedor, além da premiação de R$ 5 mil, será contratado para desenvolver a elaboração do projeto executivo de arquitetura e de engenharia, no valor de R$ 36.451,24. Os segundo e terceiro colocados também receberão premiações nos valores de R$ 3 mil e R$ 2 mil, respectivamente.

>> Mais fotos na galeria

O concurso irá selecionar o estudo preliminar para revitalização da área externa, que contempla escadas e rampa de acesso ao edifício, vagas de estacionamento em frente ao prédio, calçadas e piso.

“A SIE está inovando suas ações de infraestrutura. O concurso visa obter propostas colaborativas que priorizem as pessoas com a revitalização desta área. Queremos agregar qualidade na vida dos cidadãos que utilizam a cidade nos limites do Edifício das Diretorias e seu entorno imediato, garantindo a acessibilidade, tanto ao prédio como à área externa, e contribuindo para a urbanidade. Além de impulsionar e oportunizar a transformação da região. Estamos pensando no coletivo e na responsabilidade social”, afirma o secretário da Infraestrutura, Thiago Vieira.

Podem participar concurso somente equipes de profissionais compostas por, pelo menos, um arquiteto e urbanista e um engenheiro civil (dupla técnica), devidamente inscritos em seus respectivos Conselhos Profissionais e regularmente habilitados ao exercício da profissão, residentes no território nacional.

As inscrições para a seleção dos trabalhos já estão abertas e devem ser realizadas até 14 de outubro de 2020, pelo e-mail: siecompras@sie.sc.gov.br, com envio da documentação necessária conforme previsto no Edital de Concurso SIE/SC nº 066/2020.

A proposta técnica deverá ser entregue no dia 23 de outubro de 2020, até as 17h, no Protocolo Geral da SIE, localizado no andar térreo do Edifício das Diretorias, à Rua Tenente Silveira, nº 162, em Florianópolis.

As propostas técnicas serão avaliadas pela Comissão Julgadora constituída por cinco membros, nomeados por portaria própria, sendo dois representantes da SIE, um da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), um do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis e um do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil.

Após definição do vencedor, a elaboração do Projeto Executivo de Arquitetura e de Engenharia da Revitalização da Área Externa do Edifício das Diretorias deverá ser concluída em até 45 dias, a partir da emissão da Ordem de Serviço.

Para acessar o edital do concurso na íntegra, clique no link: http://editais.sc.gov.br/governo/usu_edital.asp?pagina=1&nuedital=0066/2020&cdorgao=SIE.

Sobre o Edifício das Diretorias

O Edifício das Diretorias é uma obra icônica localizada no Centro de Florianópolis, na esquina das ruas Tenente Silveira e Deodoro. O projeto foi elaborado pelo engenheiro Domingos Trindade, em 1953, e construído entre 1959 e 1961. Foi uma das primeiras manifestações do modernismo na cidade. Ao longo dos anos, o prédio já abrigou diversos órgãos públicos e atualmente é ocupado pela Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade.

Ele é instalado de maneira que marca e valoriza a esquina, tanto pela volumetria da edificação, como também pela marquise que estabelece a transição entre o público e o privado. Esta proposição reflete características e influência do arquiteto e urbanista suíço Le Corbusier, no que se refere à articulação entre o edifício e cidade. Desta forma explora a integração entre a edificação e seu entorno, por meio da área definida pelos pilotis e marquise, que é entregue à cidade como espaço de circulação para pedestres, oportunizando a apropriação desta área pela população. As calçadas, em petit-pavé, em forma de ondas pretas e brancas, fazem alusão ao mar, da mesma forma que as calçadas de Copacabana.

Mais informações para imprensa:
Patricia Zomer
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-9995-8494
ascom.sie@gmail.com


Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom

A partir da próxima segunda-feira, 14, será liberado o tráfego de veículos particulares de passeio na Ponte Hercílio Luz, em fase de teste, de segunda a sexta-feira. A Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE), juntamente com a Prefeitura de Florianópolis, Polícia Militar e Guarda Municipal de Florianópolis, realizou nova avaliação e alterou o horário que os carros poderão transitar pela ponte.

Das 11h às 19h só será permitida a passagem de veículos compartilhados com dois ou mais passageiros. Não será permitido o tráfego de veículos particulares com apenas um passageiro em nenhum horário.

Das 19h às 11h o horário será exclusivo para o tráfego de ônibus, táxis, veículos oficiais e de emergência, que também seguem autorizados a circularem nos demais horários.

O secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira, explica que a alteração se deu em consequência dos furtos dos cabos de cobre da iluminação, tanto da funcional quanto da cênica, que ocorreram no último mês. “Os furtos comprometeram a iluminação funcional, deixando metade da ponte sem luz, mais especificamente na região continental, e também o andamento da obra de instalação da iluminação cênica. Estamos trabalhando para solucionar essas situações e avaliamos que, durante esse período de testes do tráfego de veículos de passeio, o ideal é operar somente com veículos compartilhados, considerando o impacto que deverá gerar no trânsito das cabeceiras e também para garantir a segurança dos usuários”, complementa.  

Nos finais de semana a Ponte Hercílio Luz permanecerá fechada para o tráfego de veículos. A fiscalização será realizada pela Polícia Militar e Guarda Municipal de Florianópolis.

Mais informações para imprensa:
Patricia Zomer
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-9995-8494
ascom.sie@gmail.com


Foto: Divulgação / SIE

Já está em operação o novo serviço digital para retificação dos Boletins de Acidentes de Trânsito (BOAT), emitidos pela Polícia Militar Rodoviária (PMRV) nos acidentes em que não existe um crime envolvido. O sistema também permite corrigir Comunicações de Ocorrência Policial, registradas em acidentes em que existe crime.

O serviço foi lançado pela Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE), na última sexta-feira, 4, e permite que o cidadão solicite a retificação de alguma informação registrada incorretamente na ocorrência. A funcionalidade foi criada pelo Centro de Informática e Automação do Estado de Santa Catarina (CIASC), em parceria com a Secretaria de Estado da Administração (SEA) e a SIE.

De acordo com a gerente de Processos, Normatização e Padronização da SIE, Ana Emília Margotti, os serviços digitais são pensados para simplificar e facilitar o acesso da população catarinense aos serviços oferecidos pelo órgão e pelo Governo do Estado. “O usuário não precisa mais fazer a solicitação presencial. O principal objetivo é que o cidadão pode solicitar o serviço que desejar de qualquer lugar, preenchendo informações, enviando documentos necessários e acompanhando suas solicitações de forma 100% digital”, destaca.

Para fazer a retificação, o usuário deverá acessar o link, clicar no ícone “Solicitar” e preencher o formulário. Os documentos necessários para o cadastro são: Boletim de Ocorrência de Acidente de Trânsito ou Comunicação de Ocorrência Policial, documentação de identificação do envolvido no acidente, documentação que comprove a retificação solicitada. Em caso de empresa, é necessário o número do contrato social. Em caso de procuração, é preciso documentação de identificação do procurador e a procuração reconhecida em cartório.

O solicitante poderá acompanhar o andamento e o status do pedido no próprio portal em "Minhas solicitações". O boletim retificado estará disponível para download no prazo de 30 dias.

Mais informações para imprensa:
Patricia Zomer
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-9995-8494
ascom.sie@gmail.com


Foto: Julio Cavalheiro / Secom

Proprietários de veículos com placas que terminam em 9, que optarem por pagar o IPVA em três vezes sem juros, devem quitar a primeira parcela até a próxima quinta-feira, 10 de setembro. O prazo para pagamento do imposto em cota única é dia 30 deste mês. Já os contribuintes com veículos placas final 8 e 7, podem pagar a segunda parcela e a terceira parcela do imposto também no dia 10, respectivamente.

Em 2020, os catarinenses estão pagando, em média, 2,4% a menos de IPVA do que no ano passado. O índice representa a desvalorização dos veículos em relação a 2019 de acordo com a tabela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), utilizada pela Secretaria de Estado da Fazenda (SEF/SC) como base de cálculo. Em Santa Catarina, o tributo varia entre 1% e 2% do valor venal do veículo.

>>> Para pagar o IPVA 2020, clique aqui

A quitação do imposto é um dos requisitos para licenciar o veículo. O não pagamento também implica em Notificação Fiscal, com multa de 50% do valor devido, mais juros SELIC ao mês ou fração. Para saber qual o valor do IPVA do seu carro, consulte aqui.

IPVA em Santa Catarina - Alíquotas vigentes

2% para veículos de passeio, utilitários e motor-casa, nacionais ou estrangeiros;

1% para veículos de duas ou três rodas e os de transporte de carga ou passageiros (coletivos), nacionais ou estrangeiros;

1% para veículos destinados à locação, de propriedade de locadoras de veículos ou por elas arrendados mediante contrato de arrendamento mercantil.

Alíquotas de IPVA em outros Estados

Rio Grande do Sul: 3%

Paraná: 3,5%,

São Paulo: 4%

Rio de Janeiro: 4%

Calendário de Pagamento

FINAL DE PLACA

COTA ÚNICA

PARCELAMENTO-COTAS

     1ª

     2ª

    3ª

1

último dia do mês de janeiro

10.01

10.02

10.03

2

último dia do mês de fevereiro

10.02

10.03

10.04

3

último dia do mês de março

10.03

10.04

10.05

4

último dia do mês de abril

10.04

10.05

10.06

5

último dia do mês de maio

10.05

10.06

10.07

6

último dia do mês de junho

10.06

10.07

10.08

7

último dia do mês de julho

10.07

10.08

10.09

8

último dia do mês de agosto

10.08

10.09

10.10

9

último dia do mês de setembro

10.09

10.10

10.11

0

último dia do mês de outubro

10.10

10.11

10.12

Informações adicionais para a imprensa:
Assessoria de Comunicação da Secretaria da Fazenda
Michelle Nunes
Fone: (48) 3665-2575/ (48) 99929-4998
E-mail: jornalistaminunes@gmail.com
Sarah Goulart
E-mail: sgoulart@sef.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2504/ (48) 99992-2089
Site: www.sef.sc.gov.br 
facebook.com/fazendasc
https://www.instagram.com/fazendasc


Foto: Julio Cavalheiro/Secom

O governador Carlos Moisés participou na tarde desta sexta-feira, 04, de um evento organizado pela Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc) para debater a BR-101 do futuro. O principal tema do encontro foram os entraves para a conclusão do Contorno Viário da Grande Florianópolis, cujas obras do trecho sul ainda não foram iniciadas.

Em sua explanação, o governador destacou a importância da rodovia federal para Santa Catarina, um dos principais eixos de logística do Brasil. O chefe do Executivo demonstrou seu interesse em ver concluída a obra do Contorno Viário e salientou que o Governo do Estado também vem realizando importantes obras de infraestrutura com recursos próprios, como as duplicações do Eixo Industrial de Joinville e do trecho estadualizado da BR-280, entre Guaramirim e Jaraguá do Sul.

“Os investimentos em infraestrutura são uma bandeira do nosso governo. Eles são fundamentais para gerar riqueza e levar Santa Catarina a um estado de excelência. Estamos escolhendo obras que impactem de forma regionalizada. Assumimos o compromisso de continuar investindo em Santa Catarina. Tenho certeza de que essa é a vontade também do Governo Federal. Quero me irmanar à Fiesc nesse movimento pela BR-101”, disse o governador.

O evento, que ocorreu de forma virtual, teve a presença do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, além de representantes da Agência Nacional de Transportes Terrestre (ANTT), do Tribunal de Contas de União (TCU) e do Grupo Arteris, responsável pela concessão do trecho Norte da BR-101. O presidente da Fiesc, Mario Cezar de Aguiar, conduziu os trabalhos.

O ministro e o representante da ANTT explicaram a necessidade do reequilíbrio econômico-financeiro para o início dos trabalhos no trecho sul do Contorno Viário, que exigem a construção de três túneis não previstos no traçado anterior. Em agosto, uma medida cautelar emitida pelo TCU, por meio do ministro Raimundo Carneiro, suspendeu o reajuste de 44% no pedágio, que saltaria de R$ 2,70 para R$ 3,90. Dias depois, foi autorizado um aumento menor, e a tarifa passou para R$ 3. O atual prazo para a conclusão do Contorno Viário da Grande Florianópolis é o segundo semestre de 2023.

Informações adicionais para imprensa:
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação - SECom
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br