Foto: James Tavares/ Secom

O trânsito na terceira pista da Via Expressa (BR-282), em Florianópolis, foi liberado na manhã desta terça-feira, 18. A abertura do tráfego no acesso à Ilha de Santa Catarina ocorreu na presença do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e do governador Carlos Moisés.

A expectativa do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) é de que a terceira faixa diminua a frequência e a intensidade dos congestionamentos para entrar e sair de Florianópolis. "É uma obra importante para o acesso à Ilha e que, em face da restrição de recursos, usamos a criatividade e fizemos uma terceira faixa. Isso já é suficiente neste primeiro momento para dar um alívio no tráfego e esse efeito será percebido em breve", resumiu o ministro.

:: VEJA GALERIA DE FOTOS

De acordo com Gomes de Freitas, será colocado em teste o uso de uma faixa exclusiva para ônibus e caminhões, nos horários iniciais da manhã. "A gente deve ter um período experimental para ver se isso funciona e melhora a mobilidade", antecipou o ministro.

Integração do transporte

Na avaliação de Moisés, a obra torna ainda mais viável o projeto da Superintendência de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (Suderf) de integrar o transporte coletivo na Grande Florianópolis. "Estamos trabalhando arduamente para sensibilizar os municípios a se unirem ao projeto da Suderf de integração do transporte coletivo. Com a terceira faixa e o acesso exclusivo a ônibus, podemos potencializar os efeitos e melhorar a mobilidade urbana na região", afirmou o governador.

O superintendente do DNIT em Santa Catarina, Ronaldo Carioni Barbosa, também participou do atos, assim como parlamentares.

Acesso ao aeroporto de Florianópolis

A agenda do ministro em Santa Catarina se encerrou com uma visita às obras de acesso ao Aeroporto Hercílio Luz e do novo terminal, cuja inauguração está prevista para o dia 1º de outubro. "Estamos fazendo todos os esforços para entregar duas faixas de rolamento, uma em cada sentido, até outubro", explicou o governador. De acordo com ele, os principais desafios são as desapropriações - quase todas já judicializadas.

O secretário de Estado da Infraestrutura, Carlos Hassler, e o secretário executivo de Articulação Nacional, Diego Goulart, acompanharam o ato. O secretário nacional de Aviação Civil, Ronei Saggioro Glanzmann, também esteve presente na vistoria e elogiou o andamento das obras no aeroporto.

Informações adicionais para a imprensa
Renan Medeiros
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: renan@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99605-9196
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC

 Foto: Julio Cavalheiro/Secom

O Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e o Governador do Estado de Santa Catarina, Carlos Moisés, visitaram na tarde desta segunda-feira, 17, o canteiro de obras do Contorno Viário de Florianópolis. Eles percorreram um trajeto de quase 14 quilômetros para avaliar o andamento dos trabalhos e projetaram cerca de três anos para a entrega das obras.

>>> Mais imagens da visita na galeria de fotos <<<

“As intervenções necessárias para a conclusão da obra estão sendo aprovadas pela Agência Reguladora e os licenciamentos já foram liberados. Então, teremos 36 meses de trabalho a partir de hoje. Sendo assim, devemos concluir o Contorno Viário de Florianópolis no segundo semestre de 2022”, disse o ministro. 

Depois da visita, o Governador Carlos Moisés sinalizou que está ainda mais confiante com relação à qualidade da obra e a entrega dos 50 quilômetros de estradas que devem desviar o fluxo de veículos da região e facilitar a mobilidade na BR-101, na Grande Florianópolis. 

“O Governo Federal também está mobilizado para melhorar a infraestrutura do nosso estado. Mas, é claro, não se pode vender ilusões e prazos curtos. Por isso, precisamos desses 36 meses para garantir a entrega de um bom trabalho”, comentou Carlos Moisés.  

Freitas também se comprometeu a dar prioridade nas aprovações de projetos e do orçamento  necessário, além de cobrar celeridade da empresa responsável: “Já temos à disposição deste canteiro de obras mais de 270 equipamentos e vamos contratar quase duas mil pessoas, em alguns momentos do trabalho, para garantir que o prazo seja cumprido”.

Sobre o Contorno Viário  

O Contorno Viário será uma rodovia duplicada nos dois sentidos com 50 quilômetros de extensão. O início é no km 175 da BR-101, no limite entre Governador Celso Ramos e Biguaçu, e termina no km 220 da rodovia, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), em Palhoça.

A proposta é que os motoristas usem o novo trecho para desviar da BR-101 na região da Grande Florianópolis.  Assim, sem tantos veículos pesados, o tráfego de automóveis pode fluir melhor na rodovia federal e, principalmente, no perímetro urbano de Palhoça. Atualmente, 34,4 quilômetros, dos 50 que compõem o Contorno, estão com frentes de obras simultâneas, representando 70% do traçado. 

Informações adicionais para imprensa:
Luiz Gustavo Silva
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação 
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99609-7077
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC 

 

  Foto: Divulgação/ Deter

A Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade (SIE) concederá reajuste médio de 6,6% na tarifa do transporte intermunicipal de passageiros. A medida vai entrar em vigor a partir da zero hora de domingo, 23. 

 Fotos: Cristiano Estrela/ Secom

Com a presença do ministro Tarcísio Gomes de Freitas, da Infraestrutura, e do governador Carlos Moisés, foi inaugurado nesta segunda-feira, 17, o Berço 4 do Porto de Itajaí, o maior do estado e o segundo do país em movimentação de contêineres. O investimento federal totalizou R$ 161 milhões. Com a nova estrutura, o terminal está apto a receber navios do tipo full container, com até 366 metros de comprimento.

:: VEJA GALERIA DE FOTOS

“É um dia de festa. A gente vem até aqui a Itajaí para agradecer ao governo federal. O Governo do Estado também já investiu quase R$ 130 milhões na bacia de evolução e daqui é possível ver as máquinas que vão ajudar na evolução desse porto, que gera emprego e renda para a região”, salientou Moisés em seu discurso.

O ministro, por sua vez, disse ter feito questão de participar do ato para ver de perto a entrega de um trabalho que exigiu tanto esforço. De acordo com ele, o Porto de Itajaí não deve nada aos terminais privados.

“Nao tem nada melhor do que sair do gabinete em Brasília para desenvolver senso de urgência. Parabéns aos colaboradores do Porto e a todos que permitiram que essa obra se tornasse realidade”, discursou.

Já o prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, destacou que, com a entrega da obra, o Porto de Itajaí passa a atuar em sua plenitude, com os quatro berços em funcionamento. Ele ainda relembrou que a entrega, somada a importantes obras realizadas nos últimos anos - como a dragagem do canal para 14 metros -,coloca o terminal entre os mais competitivos do continente.

Manhã de debates sobre Infraestrutura

Após liberar para o tráfego os primeiros oito quilômetros da duplicação da BR-470, entre Gaspar e Ilhota, o ministro e o governador participaram de uma reunião do Fórum Parlamentar Catarinense em Itajaí. Ali, no auditório da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí (AMFRI), o ministro Tarcísio destacou que a entrega da duplicação da BR-470 vem sendo tratada como a prioridade número 1 para Santa Catarina.

Segundo Freitas, que também destacou os trabalhos nas BRs 280 e 282, a realidade é de orçamento reduzido e por conta disso faz-se necessário centrar esforços nas frentes de trabalho já abertas. “Se o dinheiro é pouco, você tem que concentrar nas ações em andamento e depois estabelecer novas prioridades”, disse o ministro, que acrescentou ainda ser possível liberar até 20 quilômetros de duplicação da BR-470 até o fim do ano.

Sobre a agenda no Vale do Itajaí, o governador Moisés fez questão de ressaltar a parceria com o governo federal: “O momento é de agradecer a sensibilidade com que o ministro Tarcísio comanda a sua pasta. O caminho é esse: de estabelecer prioridades. Se pulverizarmos os recursos, vira uma colcha de retalhos”.

Informações adicionais para a imprensa
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação 
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC 

 Foto: Mauricio Vieira/ Secom

Um passo importante para a logística na região do Vale do Itajaí foi dada na manhã desta segunda-feira, 17. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) liberou para o trânsito um trecho de aproximadamente oito quilômetros da obra de duplicação da BR-470, entre Gaspar e Ilhota. O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, liderou o ato, acompanhado pelo governador de Santa Catarina, Carlos Moisés.

:: VEJA GALERIA DE FOTOS

Desde o início do ano, Moisés vem cobrando do Governo Federal mais celeridade nas obras rodoviárias em Santa Catarina, em especial a BR-470. O governador considera a infraestrura como prioridade para o desenvolvimento do estado. Já o ministro disse que reconhece a importância da duplicação para a região e o estado.

"A BR-470 é uma prioridade para o Governo Federal. A gente sabe que tem muita coisa que pode ser liberada, dependendo de aporte de recursos, e vamos providenciar", afirmou Freitas. "Tenho certeza que até meados do ano que vem teremos uma boa parte desse trecho já liberada. A ideia é que até 2021 tenhamos essa obra concluída por inteiro", acrescentou.

Pouco antes da abertura do tráfego no trecho entre Ilhota e Gaspar, o ministro e o governador transitaram pela BR-470 para conferir o andamento dos trabalhos. Os secretários de Estado Douglas Borba (Casa Civil) e Carlos Hassler (Infraestrutura) participaram da agenda na rodovia, assim como parlamentares e engenheiros que atuam na obra.

"Esta estada em Santa Catarina vai ser muito importante para acompanhar o andamento dos trabalhos e discutir os cronogramas dessas intervenções e a alocação de recursos para o ano que vem", considera o ministro da Infraestrutura.

Depois da vistoria na BR-470, o governador e o ministro seguiram para a reunião da Fórum Parlamentar Catarinense, em Itajaí. À tarde, eles participam da inauguração do Berço 4 do Porto de Itajaí. A agenda de hoje ainda prevê uma vistoria no Contorno Viário da Grande Florianópolis.

Informações adicionais para a imprensa
Renan Medeiros
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: renan@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99605-9196
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC

 Fotos: James Tavares/ Secom

Uma antiga reivindicação da população de Joinville, a duplicação do acesso ao Distrito Industrial da cidade, irá sair do papel. Na tarde desta sexta-feira, 14, o governador Carlos Moisés autorizou o início das obras, que já estão licitadas. O investimento será de R$ 41,41 milhões para os trabalhos, que incluirão uma revitalização do asfalto já existente. A parte física está orçada em R$ 38,58 milhões e a supervisão, que ainda precisa ser licitada, deve ter um custo de até R$ 2,83 milhões.

:: VEJA GALERIA DE FOTOS 

A ordem de serviço, assinada em solenidade na Associação Empresarial de Joinville (ACIJ), contempla um trecho de 5,7 quilômetros, que passa pelas ruas Hans Dieter Schmidt e Edgar Meister. Segundo o governador, mesmo sem a definição da empresa que fará a supervisão, as obras devem iniciar até julho. A duplicação ficará a cargo da empresa Infrasul.

“A gente entende que essas obras de infraestrutura facilitam a vida do empreendedor, com sua logística de produção. São obras prioritárias pelo impacto econômico que elas trazem para as regiões, com projetos aprovados, e que foram deixadas na gaveta por governos anteriores”, afirmou Moisés.

 

Na avaliação de João Martinelli, presidente da ACIJ, a duplicação do acesso ao Distrito Industrial é fundamental, pois por ali passa quase 20% do PIB da cidade. “Como ela estava intransitável, isso trazia o fluxo de caminhões para o Centro da cidade. É uma obra que nós vínhamos reivindicando há muitos anos. Por isso, ficamos sensibilizados com o gesto do governador Moisés em perceber a importância dessa obra”, frisou Martinelli.

O secretário de Estado da Infraestrutura, Carlos Hassler, destacou que a duplicação será realizada com recursos próprios. Com isso, o retorno financeiro passa a ser imediato após a conclusão dos trabalhos: “A intenção é que essas obras sejam as primeiras de investimento, paralelo ao plano de manutenção que já está em andamento. Depois de décadas, estamos vendo realmente o Estado investir recurso próprio em infraestrutura de peso, e não em convênios de pequenos serviços. Isso demonstra maturidade e capacidade de se auto gerir. Obra de financiamento tem que ser paga depois. Com recurso próprio, eles estão pagas quando se encerram e geram riqueza automaticamente”.

Plano Novos Rumos

A duplicação do acesso ao Distrito Industrial de Joinville faz parte do plano "Novos Rumos - Santa Catarina em Movimento", um conjunto de ações estratégicas para melhorar a infraestrutura catarinense e destravar o desenvolvimento de Santa Catarina.

Esta foi a terceira obra anunciada pelo programa. A primeira foi o Contorno Viário de Chapecó e a segunda tratou da revitalização da SC-401, a rodovia mais movimentada do Estado, em Florianópolis. As demais serão anunciadas nas próximas semanas.

Outros anúncios

Ainda durante sua visita a Joinville, Moisés garantiu um repasse de R$ 1 milhão ao Festival de Dança. Também foi renovada a parceria com a Associação dos Bombeiros Voluntários de Santa Catarina. A ABVESC vai receber R$ 6 milhões - R$ 3 milhões em 2019 e R$ 3 milhões em 2020 - para aquisição de equipamentos e manutenção das atividades das 31 corporações espalhadas pelo Estado.

Informações adicionais para a imprensa
Leonardo Gorges
Assessoria de Imprensa
Secretaria Executiva de Comunicação 
E-mail: leonardogorges@secom.sc.gov.br 
Fone: (48) 3665-3045
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC 



O Portal Digital do Detran disponibilizou nesta quinta-feira, 13, um novo serviço para a população: a emissão de certidões referentes a CNH e veículos, que podem ser feitas online do início ao fim.

No item habilitação é possível emitir a Certidão de Registro de CNH, que ser solicitada somente pelo próprio habilitado. Basta acessar o sistema, escolher o item habilitação, solicitar a certidão, gerar o boleto, efetuar o pagamento e no dia seguinte fazer o download do documento. É possível fazer o cancelamento antes do pagamento. Tudo isso, sem a necessidade de ir ao órgão de trânsito.

Em veículos, três novidades: Certidão de Propriedade; Certidão para Seguro; e Certidão de Baixa. Qualquer pessoa, mesmo não sendo o proprietário do veículo, pode solicitar essas certidões. Dentro deste item, é possível acompanhar a situação do cadastro, se está ativo ou não para receber as notificações via e-mail, podendo fazer a alteração a qualquer momento.

Na página inicial do Portal foi disponibilizada a opção “validar certidão”, para que qualquer pessoa, em posse do código do documento possa fazer a consulta sem precisar se logar no sistema; porém se já fez o login, a opção também estará disponível através de ícone próprio.

O Portal foi lançado dia 4 de abril oferecendo os serviços: segunda via da CNH; CNH definitiva e PID (Permissão Internacional para Dirigir). Desde a sua implantação, foram emitidos 2.838 documentos, sendo 610 - segunda via de CNHs; 1.449 - CNHs Definitivas; e 7.799 – PIDs.
No dia 16 de maio, iniciou o envio de avisos via e-mail, com o vencimento dos débitos do veículo: IPVA, licenciamento e seguro obrigatório. Hoje, são 23.249 pessoas cadastradas.

Informações adicionais para imprensa
Janaina Guliato
Assessoria de Imprensa
Departamento Estadual de Trânsito de SC (Detran)
E-mail: imprensa@detran.sc.gov.br  
Fone: (48) 3664-1733
www.detran.sc.gov.br 

Fotos: Júlio Cavalheiro/Secom

A rodovia estadual mais movimentada de Santa Catarina superou, nesta quinta-feira, 13, o recorde de tempo sem acidentes com morte. A SC-401, que dá acesso ao Norte da Ilha, em Florianópolis, está há 211 dias sem ocorrências fatais. Até então, a melhor marca havia sido estabelecida há 24 anos, em 1995, antes mesmo da vigência do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e em uma época em que as obras de duplicação ainda estavam em andamento.

:: VEJA GALERIA DE FOTOS

O recorde foi comemorado pelos policiais do Comando de Polícia Militar Rodoviária (CPMR) que trabalham na rodovia. Eles se reuniram no posto próximo à antiga praça de pedágio para celebrar as vidas salvas nos últimos 211 dias. “É fato que esse número é emblemático, mas o importante mesmo é manter as operações para preservar a vida nas rodovias”, explica o tenente-coronel Evaldo Hoffmann, comandante do CPMR.

Na avaliação dele, o resultado foi atingido graças à maior presença dos policiais na rodovia. “É preciso trabalhar com uma estratégia bastante forte de fiscalização e educação. Trabalhamos com o equipamento móvel de forma ostensiva. O radar é muito eficiente, desde que o condutor saiba que em um determinado trecho há fiscalização e que é importante reduzir a velocidade para evitar acidentes”, detalha. As abordagens de lei seca também foram intensificadas, de acordo com o tenente-coronel Evaldo.

Proteger vidas

De acordo com o comandante-geral da Polícia Militar de Santa Catarina, coronel Carlos Alberto de Araújo Gomes, o trabalho nas rodovias estaduais é parte importante da atual estratégia da corporação para proteger os catarinenses. “Temos uma presença maior da Polícia Militar Rodoviária. Uma prioridade para este ano é torná-la verdadeiramente uma polícia das estradas, ampliando a atuação não só na área de trânsito, mas também no combate à criminalidade”, explica.

Segundo ele, estão sendo encaminhados investimentos, como a compra de viaturas e equipamentos, além do fortalecimento de campanhas educativas.

Revitalização vai dar mais segurança

A SC-401 ficará ainda mais segura. O governador Carlos Moisés autorizou, nesta semana, a revitalização do trecho entre os entroncamentos com a SC-404, no Itacorubi, e a SC-402, no Ratones. Estão previstos serviços de pavimentação, terraplanagem, drenagem, sinalização, troca de guardrails metálicos por muretas de concreto e a implantação de uma terceira pista na subida do João Paulo, até o cemitério Jardim da Paz. O investimento projetado é de R$ 32,3 milhões, com recursos resultantes de economias feitas no Governo do Estado ao longo deste ano.

Informações adicionais para a imprensa
Renan Medeiros
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: renan@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99605-9196
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC



O Detran, baseado nos princípios da isonomia e imparcialidade, visando promover a livre concorrência e oferta de serviços, lança, nesta segunda-feira, 10, o edital de chamamento público, de credenciamento de clínicas médicas e psicológicas, para a realização de exame de aptidão física e mental e de avaliação psicológica.   

A Portaria, publicada no Diário Oficial do Estado e no site do Detran, traz os procedimentos e as orientações legais para as entidades interessadas na prestação dos serviços de saúde junto ao órgão de trânsito em todo o Estado. O processo é exclusivo para pessoas jurídicas, o ato será precário, intransferível e renovável mediante requerimento. O serviço é restrito ao município para o qual a entidade for credenciada a atuar.

Os requerimentos os documentos que precisam ser enviados serão analisados pela Comissão de Credenciamento que emitirá parecer. A próxima etapa será a vistoria no local de instalação das clínicas. Feito isso, a clínica interessada será notificada, via e-mail, a assinar o termo de credenciamento. O ato se concretiza com a publicação do credenciamento no Diário Oficial do Estado. O prazo de vigência será de um ano, podendo ser renovado sucessivamente por igual período, desde que observadas as exigências normativas e que seja feito um requerimento de renovação do alvará junto ao Detran.

Os profissionais já credenciados deverão se adequar à nova sistemática de credenciamento - por intermédio de clínica médica e clínica psicológica, no prazo de 90 dias, podendo ser prorrogado pela diretora do Detran mediante requerimento justificado.

“Dessa forma garantimos a acessibilidade de todos os profissionais e mais comodidade e praticidade ao cidadão catarinense, que vai contar com uma maior diversidade de clínicas, as quais poderão se instalar em todas as regiões do Estado”, ressaltou a diretora do Detran, Sandra Mara Pereira.

Informações adicionais para imprensa
Janaina Guliato
Assessoria de Imprensa
Departamento Estadual de Trânsito de SC (Detran)
E-mail: imprensa@detran.sc.gov.br  
Fone: (48) 3664-1733
www.detran.sc.gov.br 

 Foto: Julio Cavalheiro/ Secom

A rodovia José Carlos Daux (SC-401), que dá acesso ao Norte da Ilha, passará por uma revitalização. O governador Carlos Moisés assinou digitalmente, na manhã desta segunda-feira, 10, na sede da Associação Empresarial de Florianópolis (ACIF), um documento que autoriza o início das obras. O investimento previsto é de R$ 32,3 milhões. As melhorias fazem parte do plano "Novos Rumos - Santa Catarina em Movimento", um conjunto de ações estratégicas para melhorar a infraestrutura catarinense e destravar o desenvolvimento de Santa Catarina.

:: VEJA GALERIA DE FOTOS DO ANÚNCIO

"É uma obra que vai melhorar o trânsito e aumentar a segurança para quem transita", afirmou o governador. No total, de acordo com Moisés, o programa deve resultar em investimentos de até R$ 200 milhões, com seis obras em cinco regiões catarinenses. "Esses recursos não são de financiamentos, mas de recursos próprios, resultado das economias que estamos fazendo em todas as secretarias, com compras feitas de forma mais racional, digitalização dos processos e redução de diversas despesas", explicou.

 SC-401, em Florianópolis | Foto: James Tavares/ Secom

A revitalização ocorrerá em um trecho de 12 quilômetros da SC-401, entre os entroncamentos com a SC-404, no Itacorubi, e a SC-402, no Ratones. Estão previstos serviços de pavimentação, terraplanagem, drenagem, sinalização, troca de guardrails metálicos por muretas de concreto e a implantação de uma terceira pista na subida do João Paulo, até o cemitério Jardim da Paz. Segundo o secretário de Estado da Infraestrutura, Carlos Hassler, as obras serão realizadas à noite e durante a madrugada, para minimizar os transtornos. "A obra levará de um ano e meio a dois anos, dependendo das condições do tempo e do andamento dos trabalhos", afirmou.

Também acompanharam o ato os secretários de Estado Douglas Borba (Casa Civil), Jorge Eduardo Tasca (Administração), Helton Zeferino (Saúde), Ricardo Dias (Comunicação) e coronel João Carlos Neves Júnior (Casa Militar), o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, e o anfitrião e presidente da ACIF, Rodrigo Rossoni, além de outros representantes da sociedade civil organizada e parlamentares.

Esta foi a segunda obra anunciada pelo programa. A primeira foi o Contorno Viário de Chapecó. As demais serão anunciadas nos próximos dias e semanas.

O prefeito de Florianópolis vê com otimismo a execução da revitalização da SC-401. "É a rodovia de maior movimento em Santa Catarina, e esse trabalho fundamental vem em boa hora", destacou.

Apoio da sociedade

Na ACIF, Moisés agradeceu o apoio das entidades da sociedade civil no que diz respeito ao projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), prevendo a redução de repasses aos poderes para haver mais recursos a investimentos. "A previsão é que sobre mais de R$ 400 milhões para investir. A revitalização da SC-401 terá um investimento de R$ 32 milhões. Isso dá uma ideia de como poderemos aplicar mais recursos a favor dos catarinenses", frisou. O presidente da Associação, Rodrigo Rossoni, enalteceu a união do empresariado em torno de pautas de interesse da cidade.

Informações adicionais para a imprensa
Renan Medeiros
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: renan@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3058 / (48) 99605-9196
Site: www.sc.gov.br 
www.facebook.com/governosc e @GovSC