Fotos: James Tavares / Secom

Os secretários de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, e o adjunto da Saúde, Murillo Capella, entregaram na manhã desta segunda-feira, 23, na Fiesc, em Florianópolis, o Prêmio Educação e Saúde: I Concurso Escola Promotora de Saúde - Todos Contra o Aedes aegypti.  Foram premiados alunos, professores e escolas que apresentaram os trabalhos de destaque.

Cerca de 50 mil alunos e mais de 2,6 mil professores estiveram envolvidos no concurso, em escolas de 31 Gerências Regionais de Educação (Gered). Na ocasião, também foram homenageados os representantes de Santa Catarina selecionados pelo MEC para receber o Prêmio Professores do Brasil.

O Prêmio Educação e Saúde teve o objetivo de promover a reflexão e a construção de conhecimentos acerca da prevenção e do combate ao mosquito Aedes aegypti, da febre de chikungunya e da febre do zika vírus, articulando a temática da educação ambiental e da saúde.



>>> Mais imagens na galeria

“É uma ação integrada e muito importante para que possamos evitar que se alastrem as doenças transmitidas pelo mosquito. Foi um trabalho de grande mobilização, com os alunos, escolas e comunidades, que resulta agora com o reconhecimento dos resultados. Só temos que parabenizar pelo esforço de todos os envolvidos”, disse Deschamps.

Após passarem pela etapa regional, 71 trabalhos chegaram para a classificação da etapa estadual nas três categorias: trabalho pedagógico, produto de comunicação social impresso e produto de comunicação social audiovisual. Desses saíram os nove finalistas.

“Estamos premiando e reconhecendo o trabalho, a pesquisa, a criatividade e o empenho para combater o Aedes aegypti. Quero destacar essa integração escola e saúde. Sem educação, não há saúde, é impossível. É educar para ter saúde. Essa ação, que é reconhecida hoje, é extremamente importante para a juventude levar a mensagem de prevenção”, afirmou o secretário adjunto da Saúde.

Durante a avaliação final dos trabalhos sete profissionais julgadores das pastas da Saúde e Educação classificaram os trabalhos de acordo com critérios que variaram desde o impacto visual, até o nível de reflexão e discussão sobre mudanças de atitudes e práticas ambientais que foram promovidas pelos profissionais da educação no ambiente da comunidade escolar, em parceria com outras áreas do entorno da escola.

As três primeiras escolas, vencedoras da categoria Projeto de Trabalho Pedagógico, receberam um computador. Os alunos e professores primeiros colocados no produto de Comunicação Social categoria impresso e, categoria áudio visual receberam um tablet. 

A professora orientadora da EEB Bruno Heidrich, de Mirim Doce,  Neide Altino de França, vencedora na categoria Impresso com o trabalho Aedes aegypti? Aqui não!, destacou que o trabalho envolveu e contou com o apoio de todo o município. “Valeu a pena todo esforço e trabalho desenvolvido. Os alunos se envolveram e estão cientes do quanto é importante os cuidados com a não proliferação do mosquito”.

A aluna da EEB Cedrense, de São José do Cedro, Luana Carla Mattiello, faz parte da equipe dos vencedores na categoria áudio visual, com o trabalho Todos contra a Dengue EEB Cedrense. Ela relatou que o trabalho levou cerca de quatro semanas e envolveu muitos planejamentos. “Estamos felizes com o resultado. Além disso, mudou nossa visão e percepção a respeito do mosquito, e agora, sempre que percebemos algo errado na nossa comunidade alertamos. E o vídeo desenvolvido já foi apresentado para toda escola e até para comunidade, isso é um orgulho para nós”.

Vencedores

Categoria: Projeto de Trabalho Pedagógico

1° LUGAR

EEB Expedicionário Mario Nardelli, do Município Rio do Oeste

Com o Projeto: Dengue: Essa luta é sua também

Prof Orientador: Leonardo Mauricio Pisetta Gorges

2° LUGAR

EEB Francisco Maciel Bageston, do Município: Paial

Com o Projeto: Todos juntos no combate ao mosquito Aedes Aegypti

Profª Orientadora : Marilete Maria Feruck

3° LUGAR

EEB Walter Fontana do Município: Concórdia

Com o Projeto: Dengue: Sempre é hora de combater

Profª Orientadora: Maritania Rodio Schimidt

 

 Categoria: Produto de Comunicação Social: Categoria Impresso

1° LUGAR

EEB Bruno Heidrich, do Município Mirim Doce

Com o Projeto: Aedes aegypti? Aqui Não!

Prof ª Orientadora : Neide Altino de França

Alunos:

Joana Girardi da Silva

Marcela Hellen Mundt

Pâmela Cristina Mauricio Machado

Cintia Cristina Ignaczuk

Sabrina Simas Schilichting

2° LUGAR

EEB Prof. Jose Duarte Magalhães, do Município: Jaraguá do Sul

Com o Projeto: Dengue hoje! alunos e professores no combate a dengue. Venha você também ajudar essa causa!

Prof ª Orientadora: Katiane Rodrigues

Alunos:

Gabriela Eduarda Keunecke Bonatto

Gabriel Fábio Benvenutti

Jéssica Fernanda Tesche

Karoline Rauber

Suelen Tamara Porath

3° LUGAR

EEB Professora Maria da Gloria Silva, do Município: Içara

Com o Projeto: Homo Sapiens VS Aedes Aegypti

Prof ª Orientadora: Tamires Pavei Donadel Pignatel

Alunos:

Andriele Felisberto Joaquim

Filipe Mesquita Machado

Hercílio Vinicius Linhares Pedro

Larissa Aparecida do Nascimento

Victor Fernandes Moreira

Categoria: Produto de Comunicação Social: Categoria Áudio Visual

1° LUGAR

EEB Cedrense, do Município de São José do Cedro

Com o Projeto: Todos contra a Dengue EEB Cedrense

Prof ª Orientadora:  Giaeli Ane Zavaglia

Alunos:

Luana Carla Mattiello

Bruna Luíza de Oliveira

Daniel Schabbach Cavalheiro

Gabriel José Hohensee Skasinski

Vitória Cássia Hohensee Skasinski

2° LUGAR

EEB Cristo Rei, do Município: São João do Oeste

Com o Projeto: Vamos juntos vencer o mosquito Aedes Aegypti!

Prof. Orientador: Vandoir  Oeschsler

Alunos:

Rosemara Reichert

Rafaela Tamara Reinehr

Ronaldo Birk

Karoline Schutz

Cristiane Hackenhaar

3° LUGAR

EEB Julia Baleoli Zaniolo, do Município: Canoinhas

Com o Projeto: Dengue não é brincadeira: é uma doença rara e pode matar

Prof ª Orientadora: Ane Francelize Shulz

Alunos:

Adriano César Ribeiro da Silva

Alisson Dal Comune

Bruno Leite Gonçalves de Paula

Dominique R. B. Kellermann

Felipe Lourenço Miranda

Professores também são homenageados

Na sequência, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação, concedeu o Diploma Menção Honrosa pelo trabalho prestado à Educação aos professores catarinenses selecionados, pelo Ministério da Educação, para recebimento, em Brasília, do Prêmio “Professores do Brasil”. “É muito importante este reconhecimento. Temos professores que têm feito trabalhos incríveis e esses trabalhos precisam ser reconhecidos e compartilhados”, finalizou Deschamps.

Professora: Caroline Pereira

Escola: EEB Silva Jardim, do município de Alfredo Wagner

Título do Relato: As Aventuras de Eva Scheneider

 

Professora: Ana Maria Quinoto Imhof

Escola: EEB Feliciano Pires, no município de Brusque

Título do Relato: Alunos, Aves e um E-book

 

Professor: Marcos Fiorentin

Escola: EEF Padre João Rick, do município São João do Oeste

Título do Relato: INFODRONE: Sensoriamento Remoto como Ferramenta Pedagógica em Escola do Campo

 

Professora: Josiane Mendes Bezerra

Escola: EEB Maria Rita Flor, do município de Bombinhas

Título do Relato: Fazendo e Acontecendo: Pesca Artesanal da Tainha

 

Professor: Jairo Marchesan

Escola: EEB Professor Olavo Secco Rigon, do município de Concórdia

Título do Relato: Drenagem Pluvial na Escola

 

Professora: Alaíde Alves Leite

Escola: EEB Maria Rita Flor, do município de Bombinhas

Título do Relato: Projeto Curtas dos Bairros de Bombinhas/SC

Informações adicionais para a imprensa:
Elisabety Borghelotti
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: bety@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5460
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Informações adicionais para a imprensa
Edinéia Rauta
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado da Educação  - SED
E-mail: edineiarauta@sed.sc.gov.br
Fone: (48) 3664-0353 / 3664-0161 / 3664-0356 / 98843-5084
Site: www.sed.sc.gov.br

A Gerência de Educação da ADR de Rio do Sul promoveu na tarde desta quinta-feira, 19, na Unidavi, no Centro de Rio do Sul, as comemorações do Dia do Professor (15 de outubro). A gerente regional de Educação, Kátia Brasil, disse que a data foi comemorada nesta quinta, pois 15 de outubro cauu num domingo. Mesmo com as comemorações, o dia foi considerado letivo, porque houve aulas no período matutino e haverá no período noturno.

Mais de 350 professores, supervisores e integradores da rede estadual de ensino da ADR de Rio do Sul passaram a tarde reunidos em festa, com música ao vivo do cantor Baby - que o fez gratuitamente. A programação festiva incluiu homenagens aos professores aposentados e às escolas e suas comunidades, brincadeiras de salão, e sorteio de brindes - doados pela comunidade rio-sulense. O evento - que vai até o início da noite - serviu para a socialização e maior integração do corpo docente. O encontro também se prestou para integrar os participantes e valorizar o profissional de Educação.

Devido ao sucesso e à receptividade da iniciativa, a gerente regional de Educação, Kátia Brasil, pensa repetir o evento no próximo ano. Ela aproveitou para agradecer aos colaboradores, mas especialmente a todos aqueles que doaram os brindes que foram sorteados durante a tarde festiva.

 O secretário executivo regional, Ítalo Goral, disse que o evento serviu para o congraçamento dos professores, que assim se sentem mais valorizados em uma profissão que exige extrema dedicação. Ele aproveitou a ocasião para parabenizar todos os professores atuantes na ADR de Rio do Sul.

Informações adicionais para a imprensa:
Homero Buzzi
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul
E-mail: imprensa@rsl.adr.sc.gov.br
Telefones: (47) 3526-3014 / 99905-6336 
sc.gov.br/regionais/riodosul

 


Joinville conquistou a Olesc pela sétima vez. Foto: Heron Queiroz/Fesporte

Foram sete dias de disputas, com dois adiamentos das provas na modalidade de atletismo devido às fortes chuvas que caíram no Alto Vale do Itajaí. No sábado, 14, chegou ao fim a 17ª Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), em Rio do Sul. Ao final das competições, Joinville consagrou-se campeão geral com 115 pontos. Foi a oitava vez na história da competição que os joinvillenses conquistam o título máximo e, nos três últimos anos, de forma consecutiva. 

Joinville venceu no masculino do caratê e do tênis e no naipe feminino do atletismo e do tênis de mesa. “No geral, fizemos uma ótima competição e a conquista é resultado de um trabalho de base que vem sendo feito há três anos, e nesta Olesc conseguimos superar adversidades e estamos satisfeitos com o resultado”, disse Kelvin Soares, diretor técnico da Secretaria de Esportes de Joinville. Blumenau obteve o segundo lugar geral, com 99 pontos, seguido de Itajaí, em terceiro lugar com 81 pontos.

Ao avaliar o evento, o prefeito de Rio do Sul, José Thomé, disse que a Olesc trouxe um aporte econômico importante para o comércio local e também uma energia positiva à cidade. “Rio do Sul foi, por sete dias, a capital do esporte de Santa Catarina, e isso nos motiva a pleitear sediar outros eventos da Fesporte no futuro, como a capital do Alto Vale do Itajaí tem feito, sempre, e com sucesso”, destacou.

Para o coordenador geral da Olesc, Mauricio Scharf, a competição foi bastante positiva, pois os jogos transcorreram de forma dinâmica e sem nenhum incidente que atrapalhasse a competição. “Chegamos ao final com a sensação de dever cumprido. Tivemos uma ótima parceria da prefeitura de Rio do Sul, que não mediu esforços para a realização de um grande evento esportivo e uma competição de excelente nível técnico. Nossos objetivos foram alcançados e saímos de Rio do Sul satisfeitos”, concluiu.

A etapa estadual da Olesc em Rio do Sul começou dia 7, com a participação de três mil atletas de 13 a 16 anos de 70 municípios. Eles suaram a camisa e superaram seus limites por medalhas no atletismo, caratê, basquete, ciclismo, futsal, handebol, tênis, tênis de mesa, voleibol e xadrez. A ginástica artística e rítmica foram realizadas em Blumenau, e a natação em Palhoça.

O último dia da Olesc foi marcado por uma ação beneficente. A equipe técnica da Fesporte realizou uma coleta financeira e doou 96 litros de leite ao Lar das Meninas, orfanato de Rio do Sul que atende 35 crianças acolhidas pela justiça em situação de vulnerabilidade. “Assim, os funcionários da Fesporte aderiram à campanha, lançada na cidade, reafirmando a solidariedade humana que os esportes também desenvolvem na sociedade”, destacou Eduardo Marzall, voluntário da instituição. No último dia de competição, foram conhecidos os campeões em ambos os naipes do judô e do basquete, futsal e voleibol no naipe masculino e ainda o naipe feminino do handebol.

A Olesc é uma promoção do Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, com parceria da Prefeitura Municipal local e apoio da Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul.

Conheça todos os campeões da Olesc 2017

Atletismo masculino:  Joinville

Atletismo feminino:  Blumenau

Basquete masculino: Porto União

Basquete feminino: São Miguel do Oeste

Ciclismo: Içara

Caratê masculino: Joinville

Caratê feminino: Blumenau

Futsal masculino: São José

Futsal feminino: Chapecó

Ginástica artística masculino: São Bento do Sul

Ginástica artística feminino: Blumenau

Ginástica rítmica: Brusque

Handebol masculino: Lages

Handebol feminino: Blumenau

Judô masculino: Itajaí

Judô feminino: Itajaí

Natação masculino: Joinville

Natação feminino: Jaraguá do Sul

Tênis masculino: Joinville

Tênis de mesa masculino: Joaçaba

Tênis de mesa feminino: Joinville

Voleibol masculino: Brusque

Voleibol feminino: Nova Trento

Xadrez masculino: Blumenau

Xadrez feminino: Florianópolis  

Informações adicionais para a imprensa
Antônio Prado
Assessoria de Imprensa 
Fundação Catarinense de Esporte - Fesporte
Fone: (48) 3665-6126/ 99696-3045
E-mail: prado@fesporte.sc.gov.br
Site: www.fesporte.sc.gov.br

 


Foto: Heron Queriz / Fesporte 

A 17ª edição da Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc) começou na noite deste sábado, 7, em Rio do Sul. No ginásio Artenir Werner, a cerimônia empolgou e emocionou a todos, principalmente, aos atletas. O ponto alto foi o abraço entre todos os competidores, durante o discurso do presidente da Fesporte, Erivaldo Caetano Júnior, o Vadinho.

Além da união entre os jovens estudantes, a apresentação do grupo Axé Capoeira, de Rio do Sul, arrancou aplausos de todos no ginásio. Nesta edição, serão mais de três mil atletas que até o próximo dia 14, sábado, irão competir em 11 modalidades. São 72 municípios representados na competição. 

A Olesc foi aberta oficialmente pelo secretário de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan. "Declaro aberta a 17ª edição da Olesc!", disse Pavan. 

Em seu discurso, Erivaldo Caetano Nunes, o presidente da Fesporte reforçou a importância da união entre os atletas e a maneira como uma competição esportiva promove benefícios e transformações sociais.

"Precisamos sempre trabalhar juntos pelo esporte de Santa Catarina. Vou fazer um pedido aqui. As maiores amizades conquistamos é pelo esporte. Então, vocês atletas, que estão todos perfilados, se abracem! Façam amizade e aproveitem isso! Isso é o esporte!", falou Erivaldo Caetano Nunes. 

Entre as autoridades presentes, o secretário executivo da ADR Rio do Sul, Ítalo Goral, o prefeito de Rio do Sul, José Thomé, o seu vice-prefeito, Paulo Cunha, o presidente do Conselho Estadual do Desporto, Alexandre Monguilhott, e o diretor técnico da Fesporte, Dárcio de Saules. Além deles, o coordenador da Olesc, Maurício Scharf, e o gerente de rendimento da Fesporte, Luciano Heck. 

As modalidades da Olesc

Em Rio do Sul serão disputadas 11 modalidades: atletismo, basquetebol, ciclismo, futsal, handebol, judô, caratê, tênis, tênis de mesa, voleibol e xadrez. Isso porque três das 14 modalidades previstas na programação foram antecipadas: natação, ginástica rítmica e ginástica artística.

Municípios acumulam pontos da natação

A natação, que aconteceu em Palhoça, nos dias 16 e 17 de setembro, e teve Joinville como campeão no masculino e Jaraguá do Sul no feminino. A ginástica rítmica teve como campeão o município de Brusque, na competição realizada nos dias 29 e 30 de setembro em Blumenau. Na mesma cidade, também foi realizada a ginástica artística, nos dias 30 de setembro e 1º de outubro, tendo São Bento do Sul como campeão no masculino e Blumenau no feminino.

Com isso, Joinville, Jaraguá do Sul, Brusque, São Bento do Sul e Blumenau saem na frente no quadro de pontuação que se definirá no dia 14. Desde a primeira edição, em 2001, na cidade de Criciúma até a 16ª, em Caçador, o maior vencedor foi Joinville, com oito títulos.

A Olesc é uma promoção do Governo do Estado, por intermédio da Fesporte, em parceria com o município de Rio do Sul e a 12ª Agência de Desenvolvimento Regional.

Informações adicionais para a imprensa
Renan Koerich (48) 9 8802-7742
Assessoria de Imprensa 
Fundação Catarinense de Esporte - Fesporte
Fone: (48) 3665-6126/ 9 9635-9617
E-mail: heronqueiroz@fesporte.sc.gov.br
Site: www.fesporte.sc.gov.br