As escolas da rede estadual de ensino dos municípios que pertencem à Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul recebem nesta quinta-feira, 15, cerca de 10 mil alunos para o início do ano letivo de 2018.

Conforme a gerente regional de Educação, Cátia Brasil, uma das 17 escolas estaduais da região, a EEB Willy Hering, no Bairro Bela Aliança, está recebendo melhorias em suas estruturas e passa por uma reforma, no entanto as obras não interferem nas atividades letivas. Também o corpo docente está participando de capacitação. “Os reparos em unidades escolares da rede estadual de ensino e o aprimoramento dos profissionais da Educação são ações importantes para melhor receber os estudantes e auxiliar no desenvolvimento dos trabalhos durante o ano”.

Neste ano, os alunos do ensino médio optaram por diferentes modalidades, entre elas: Regular, Inovador, Integrado, Educação Profissional e Integral em Tempo Integral. O Programa Ensino Médio Inovador amplia o tempo escolar, garantindo formação com currículo integrado, conteúdos organizados interdisciplinarmente e construídos coletivamente. São 145 escolas com este modelo atualmente no Estado. Na ADR de Rio do Sul são duas escolas, a EEB Professor Henrique da Silva Fontes - em Rio do Sul, e a EEB Expedicionário Mário Nardelli - em Rio do Oeste.

O Ensino Médio em Tempo Integral foi implantado em 2017 e oferece oportunidades de construção conjunta e valoriza o aprendizado de conteúdos tradicionais, mas também desenvolve competências para a vida profissional e pessoal de professores e estudantes.

O Ensino Médio Integrado à Educação Profissional enfoca a formação humana, tendo o trabalho como princípio educativo,  integra todas as dimensões da vida, visando à formação total. A proposta é integrar as disciplinas técnicas às grandes áreas do conhecimento, não sendo apenas uma justaposição de disciplinas.

O ensino médio é a etapa final da educação básica, por isso além do tradicional ensino regular a Secretaria de Estado da Educação tem investido em outros modelos. O jovem que quiser seguir para a universidade pode escolher que modelo seguir, e o jovem que quer trabalhar opta pela formação profissional já neste etapa. 

Informações adicionais para a imprensa:
Homero Buzzi
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul
E-mail: imprensa@rsl.adr.sc.gov.br
Telefones: (47) 3526-3014 / 99905-6336 
sc.gov.br/regionais/riodosul

Mil professores e profissionais para a área administrativa das escolas serão efetivados no quadro do magistério estadual catarinense nesta quinta-feira, 1º de fevereiro. Os ingressantes da Educação foram aprovados no concurso público realizado no ano passado. A posse será realizada nas 36 Regionais simultaneamente, em evento organizado pelas Gerências Regionais de Educação.

Na Agencia de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul a posse de 43 novos profissionais da Educação será a partir das 14 horas na sede da Gerencia Regional de Educação, situada na Rua Ruy Barbosa, nº 221, no Bairro Sumaré, na Capital do Alto Vale do Itajaí.

Ao todo, no Estado, tomam posse 600 professores do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano) e do Ensino Médio, mais 400 profissionais para a área administrativa nos cargos de Assistente de Educação, Supervisor Escolar, Administrador Escolar e Orientador Educacional, para atuar nas escolas da Rede Pública Estadual de Ensino de Santa Catarina, dentre estes, também para o atendimento nas escolas indígenas.

“Esses novos profissionais chegam para contribuir com o trabalho já realizado pelos funcionários efetivos da Educação em nosso Estado, sendo efetivados após o segundo concurso realizado em 6 anos com a chamada de mais de 5 mil profissionais, com muita responsabilidade para atender às demandas, mas pensando a longo prazo”, destaca a secretária da Educação em exercício, Elza Marina Moretto.

A gerente regional de Educação da ADR de Rio do Sul, Cátia Brasil, completa a informação frisando que é a primeira chamada deste concurso público. "Tem validade por dois anos, sendo prorrogável por mais dois e assim novos profissionais da Educação devem ser chamados para ingressar no magistério estadual".

Informações adicionais para a imprensa:
Homero Buzzi
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul
E-mail: imprensa@rsl.adr.sc.gov.br
Telefones: (47) 3526-3014 / 99905-6336 
sc.gov.br/regionais/riodosul

A Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul, através da Gerência Regional de Educação, realizará a partir de segunda-feira, 22, a escolha de vagas para professores Admitidos em Caráter Temporário (ACTs). A primeira chamada para escolha de vagas será na sede da Gered, na Rua Ruy Barbosa, nº 221, Bairro Sumaré, em Rio do Sul. “As aulas são para professores aprovados no processo seletivo para lecionar em 2018 e distribuídas nas escolas da rede estadual de ensino dos municípios que integram a ADR de Rio do Sul”, destaca a gerente de Educação, Cátia Brasil.

O supervisor de Desenvolvimento Humano Carlos Meurer orienta para que, no ato da escolha, os candidatos apresentem documento de identificação original com foto. A primeira chamada será desta segunda, 22, até sexta-feira, 26, sempre a partir das 13h, nas seguintes disciplinas:

Segunda-feira: Língua Portuguesa, Língua Portuguesa e Literatura, Espanhol, Inglês, Artes, Língua Portuguesa e Programa Estadual Novas Oportunidades de Aprendizagem (Penoa), Matemática e Penoa e Práticas Pedagógicas e Penoa.

Terça-feira: Matemática, Química, Física, Biologia, Ciências e Programa Estadual Novas Oportunidades de Aprendizagem, Professor Orientador, Intérprete de Libras e Altas Habilidades Superdotação.

Quarta-feira: Anos Iniciais, História, Filosofia. Sociologia, Ensino Religioso, Educação Física e Serviço de Atendimento Educacional Especializado.

Quinta-feira: Segundo Professor.

Sexta-feira: Língua Portuguesa e Literatura, Inglês, Geografia, História, Matemática, Física, Química, Ciências, Biologia, Filosofia, Sociologia, Religião, Educação Física e Artes.

O cronograma completo e o quadro de vagas estão disponíveis no portal www.sed.sc.gov.br – em ACT 2018. Mais informações podem ser obtidas na Gered, pelo telefone (47) 3531-3800, das 13h às 19h. É de inteira responsabilidade do candidato acompanhar os cronogramas de chamada disponibilizados no site da Secretaria de Estado da Educação.

Informações adicionais para a imprensa:
Homero Buzzi
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul
E-mail: imprensa@rsl.adr.sc.gov.br
Telefones: (47) 3526-3014 / 99905-6336 
sc.gov.br/regionais/riodosul


Foto: ADR Rio do Sul/Arquivo

Em 2017, ações governamentais importantes foram realizadas no Alto Vale do Itajaí também no setor de Saúde. Trata-se da obtenção do alvará de funcionamento para o Centro Oncológico do Hospital Regional. Para tanto, houve concentração de esforços na vistoria, na auditoria e na obtenção de recursos para o seu funcionamento. O hospital é referência em terapia oncológica desde 2014, com núcleo de cirurgias e internações. Realiza 450 procedimentos e 52 cirurgias oncológicas por mês.

Em pleno funcionamento, fará 650 cirurgias e 1,8 mil atendimentos anuais. O secretário executivo da ADR de Rio do Sul, Ítalo Goral, fez incluir no plano de ação a busca por parcerias em Brasília, Florianópolis e Alto Vale do Itajaí, para que se pactue a manutenção do Centro Oncológico, que é almejado há décadas pela população. O hospital já tem equipe técnica, equipamentos e locais adequados, faltando apenas os recursos. O Centro Oncológico em Rio do Sul é estratégico para Santa Catarina e é preciso acompanhar os trâmites em Brasília, pois a habilitação deverá vir no início de 2018.

Para prover os recursos, em novembro, o governador assinou termo de compromisso com a diretoria do Hospital Regional do Alto Vale, que prevê repasse de R$ 500 mil para a manutenção dos serviços do Centro de Oncologia do hospital. O serviço será ativado em janeiro de 2018. A estrutura física do Centro conta com investimentos de R$ 5 milhões e está preparada para atuar com equipamentos de alta tecnologia no tratamento contra o câncer. Os recursos serão repassados em quatro parcelas de R$ 125 mil.

"O Estado vai bancar esse recurso até que o serviço seja credenciado pelo Ministério da Saúde e passe a receber os valores do Governo Federal", informou o governador. "É o credenciamento o que nos falta para iniciar os procedimentos no setor de oncológico e precisamos de todo o apoio do Governo do Estado para começarmos a atender", explica Manoel Arisoli Pereira, presidente da Fusavi – mantenedora do HRAV.

Informações adicionais para a imprensa:
Homero Buzzi
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Rio do Sul
E-mail: imprensa@rsl.adr.sc.gov.br
Telefones: (47) 3526-3014 / 99905-6336 
sc.gov.br/regionais/riodosul