A Polícia Civil, por meio da Divisão Especializada de Combate ao Narcotráfico, da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DENARC/DEIC), deflagrou uma operação policial, na tarde de terça-feira, 17, para desarticular uma organização criminosa, responsável pelo envio de mais de 15 toneladas de maconha para Santa Catarina neste ano.

Foram cumpridos quatro mandados de prisão temporária, nas cidades de Lages e Imbituba, sendo presos três homens (de 27, 48 e 50 anos), responsáveis pelo transporte da droga e uma mulher, de 49 anos, que cuidava da parte financeira do grupo criminoso. Além das prisões, foi decretado o sequestro de contas bancárias utilizadas pelo grupo criminoso para movimentação financeira.

De acordo com a Polícia, as ordens judiciais foram expedidas pela Comarca de Palhoça, que contou com parecer favorável do Ministério Público. Elas foram embasadas na representação e Inquérito Policial instaurado no âmbito da DENARC/DEIC. 

Segundo as investigações, a organização criminosa é responsável pelos seguintes carregamentos apreendidos:

a) Dia 18 de maio/2017: BR-101, KM 09, na cidade de Garuva, apreensão de 5029 kg de maconha e prisão em flagrante de um homem; 
b) Dia 4 de junho/2017: BR-101, no pedágio da cidade de Porto Belo, apreensão de 4715 kg, 69 munições calibre 762; 50 munições calibre 556; 100 gramas de haxixe e ainda, na prisão em flagrante do motorista; 
c) Dia 6 de julho/2017: Rodovia 116, cidade de Ponte Alta, apreensão de 5.104 kg de maconha, 4 kg de skunk e ainda, prisão em flagrante de três pessoas;

As operações policiais contaram com apoio fundamental, da Divisão de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV/DEIC), Divisão de Investigação CriminaI (DIC), de São Lourenço do Oeste, Receita Federal do Brasil e Polícia Rodoviária Federal (PRF), para o êxito das maiores apreensões de carregamentos de maconha já registrados em território catarinense e desdobramento dos trabalhos investigativos que culminaram com as prisões de ontem, assim como no sequestro das contas bancárias.

Informações adicionais para a imprensa
Clarissa Margotti
Assessoria de Imprensa
Polícia Civil - PC
E-mail: imprensa@pc.sc.gov.br
Fone: (48) 3664-2313 / 99968-9600
Site: www.policiacivil.sc.gov.br

 

 


Fotos: Julio Cavalheiro/Secom

O governador Raimundo Colombo participou, na noite desta quinta-feira, 12, da abertura da 68ª Expolages, no Parque de Exposições Conta Dinheiro, em Lages. A feira, que segue até o domingo, 15, é considerada uma das maiores e mais tradicionais do agronegócio em Santa Catarina. O evento recebeu o apoio do Governo do Estado no valor de R$ 170 mil, convênio assinado no evento. Neste ano, são 45 expositores na área de comércio e indústria e 1,3 mil animais. São esperados cerca de 30 mil visitantes, e a expectativa é gerar mais de R$ 20 milhões em negócios.

>>> Galeria de fotos

“A Expolages expressa a tradição e a força do trabalho de uma cidade, de um povo. Mostra o agronegócio, a economia da região e de Santa Catarina. É um dos eventos mais antigos do estado. Ele promove, integra, premia, melhora a genética, a produtividade e a competitividade deste setor tão importante, gerando empregos e renda. O setor está crescendo muito em quantidade, mas sobretudo em qualidade”, disse o governador. 

O evento reúne pecuaristas da Serra e de outros estados. Os visitantes podem conferir palestras, exposições, julgamentos e leilões. Estão inscritos 1,3 mil animais entre bovinos, equinos e ovinos. No sábado, dia 14, haverá o leilão de animais das raças Devon, Hereford, Braford, Aberdeen, Angus, Brangus, Charolês, Simental, Simbrasil, Limousin e Zebuínos. 

O governador  destacou que o agronegócio está em uma boa fase de desenvolvimento. Conforme ele, um setor, que apesar de todas as dificuldades,  consegue agregar tecnologia e conhecimento, produz muito e faz com que o estado seja referência. 

“O cenário é de recuperação da economia. É um tempo de acreditar, de agir, de aproveitar as oportunidades e de gerar riquezas. O Governo do Estado tem vários programas de incentivo aos agricultores e os resultados estão sendo muitos bons”, informou Raimundo Colombo.

O prefeito Antonio Ceron salientou que a Expolages trata da qualidade da genética, em uma atividade econômica muito importante ao longo da história e, principalmente, nos dias atuais. “É um evento consolidado, que a cada ano está melhor. E isso é motivo de orgulho para todos os lageanos”, disse.

O presidente da Associação Rural de Lages, Márcio Pamplona, relatou que feira vem se aperfeiçoando a cada edição, agregando a indústria, o comércio e a prestação de serviços, mas mantendo a pecuária como o principal fator. “Este não é um evento festivo, não temos shows e não temos cobrança de ingressos. Aqui estão pessoas interessadas na agropecuária, comércio e indústria deste setor”, explicou. 

Durante a Expolages, também é realizada a Feira Multissetorial, promovida pela Associação Empresarial de Lages (ACIL), maior feira de negócios da Serra catarinense.

A bovinocultura em SC

O presidente da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), Enori Barbieri, informou que com status sanitário privilegiado, o estado possui o rebanho bovino todo identificado. De acordo com dados da Cidasc, o estado possui um rebanho de 4,39 milhões de cabeças, sendo 51% de animais de corte e 34,7% de leite, além de 13,75% de aptidão mista. A bovinocultura está presente em 291 municípios (98% do total) e o rebanho está distribuído em 78.729 produtores.

“A Cidasc no seu compromisso, responsável por defesa sanitária animal e vegetal, tem conseguido fazer a sua parte, avançando na erradicação de novas doenças. Isso é muito importante para continuar garantindo o desenvolvimento de todo setor do agronegócio em SC”, destacou. 

Convênio 

Ainda durante o evento, foi firmado o convênio de cooperação com a Polícia Militar para destinação de recursos mensais para o apoio às atividades de patrulhamento no interior de Lages. O convênio foi assinado pelo presidente da Associação Rural de Lages, Márcio Pamplona, e pelo comandante tenente-coronel Alfredo Nogueira dos Santos. 

Também participaram do evento o secretário-adjunto da Agricultura, Airton Spies, o secretário da Agência de Desenvolvimento Regional de Lages, João Alberto Duarte, os presidentes da Associação Empresarial, Sadi Montemezzo, e da Federação da Agricultura do Estado (Faesc), José Zeferino Pedroso, entre outras autoridades e comunidade. 

Informações adicionais para a imprensa:
Elisabety Borghelotti
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: bety@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5460
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC

O governador, Raimundo Colombo, fará nesta quinta-feira, 12, a abertura da 68º Expolages no Parque de Exposições de Lages. A feira agropecuária é realizada desde 1949 no mesmo local. O evento vai até domingo, 15.

Os estudantes do curso de Engenharia Civil da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac), realizaram nesta quinta feira, 27, uma visita técnica ao canteiro de obras do novo prédio do Hospital Tereza Ramos em Lages. O grupo com  dez universitários liderados pelo professor Luís Antonio Pereira, foi recepcionado pelo secretário da Agência de Desenvolvimento Regional João Alberto Duarte, pela direção do Hospital e pela equipe de engenheiros da empresa responsável pela construção, coordenada pelo engenheiro civil Marcos César Gonçalves.  

Os acadêmicos conheceram em detalhes o que está sendo construído nos 8 pavimentos. O estudante Antério Rocha, ficou impressionado com a estrutura do  centro cirúrgico que terá 10 salas, entre elas, a de transplantes e a chamada sala híbrida, que possibilitará sem a necessidade de transferir o paciente de ambiente, realizar exames por imagens e imediatamente iniciar a cirurgia, caso seja necessário.

O grupo também conheceu o sistema de climatização com filtro de ar absoluto que proporciona a filtragem sem contaminação.O sistema de ar fica instalado em um local distante do centro cirúrgico, para possibilitar a manutenção sem a interferência externa junto ao centro cirúrgico. O engenheiro fiscal da obra, Aldo Antonio da Silva da Agência de Desenvolvimento Regional, ADR, informou aos estudantes, que a obra atende integralmente  a RDC 50 – Resolução de Diretoria Colegiada da Vigilância Sanitária Nacional.

Para o secretário executivo da ADR, João Alberto Duarte, a visita dos futuros engenheiros  civis ao canteiro de obras, possibilitou o contato ao que de mais moderno há no país em técnicas para obras hospitalares.Profissionais de outras áreas também serão convidados a conhecer as  obras do Hospital Tereza Ramos. Atualmente cerca de 120 profissionais atuam na obra. O investimento total do Governo do Estado no novo prédio do Hospital é superior a R$100 milhões. 

Mais informações 
Amarildo Volpato
ADR/ Lages
Telefone: (49) 98839-1727

 

Próximos eventos