Educação da regional de Itapiranga obtém premiação e importante reconhecimento durante evento em Florianópolis
Foto: Andreia Hackenhaar

Alunos, professores e escolas são premiados por trabalhos que promovem o combate ao Aedes aegypti. Os secretários de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, e o adjunto da Saúde, Murillo Capella, entregaram na manhã desta segunda-feira, 23, na Fiesc, em Florianópolis, o Prêmio Educação e Saúde: I Concurso Escola Promotora de Saúde - Todos Contra o Aedes aegypti. Foram premiados os trabalhos de destaque. A gerente regional de Educação da ADR, Marina Bianchi, e a diretora da EEB Cristo Rei, Andreia Hackenhaar, prestigiaram o evento.   

A EEB Cristo Rei, de São João do Oeste, obteve a segunda colocação por meio do Projeto "Vamos juntos vencer o mosquito Aedes Aegypti", que teve como professor orientador Vandoir Oeschsler e envolveu os alunos Rosemara Reichert, Rafaela Tamara Reinehr, Ronaldo Birk, Karoline Schutz e Cristiane Hackenhaar.

Na sequência, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação, concedeu o Diploma Menção Honrosa pelo trabalho prestado à Educação aos professores catarinenses selecionados, pelo Ministério da Educação, para recebimento, em Brasília, do Prêmio Professores do Brasil. Destaque para o professor, Marcos Fiorentin, da EEF Padre João Rick, de São João do Oeste. Ele teve o reconhecimento por meio do projeto Infodrone: Sensoriamento Remoto como Ferramenta Pedagógica em Escola do Campo.

De acordo com o integrador educacional da ADR e coordenador do Nepre, Nilton Renz, Todos Contra o Aedes Aegypti foi tema desta primeira edição do concurso, lançado em agosto de 2016 pelo Governo do Estado de Santa Catarina. Segundo ele, toda a comunidade escolar da rede pública foi convidada a participar com projetos que colaboraram para a prevenção e combate ao mosquito transmissor da dengue, da febre de chikungunya e da febre do zika vírus.

“Na etapa microrregional da ADR Itapiranga, tivemos a classificação de dois projetos para a etapa estadual. Um projeto pedagógico da EEF Padre João Rick e um projeto audiovisual da EEB Cristo Rei. A avaliação dos projetos foi efetuada por uma equipe de profissionais da educação que atuam na Gerência Regional de Educação de Itapiranga”, afirmou.  

O professor Nilton explica que, durante a avaliação final dos trabalhos realizada na SED, sete profissionais julgadores das pastas da Saúde e Educação classificaram todos os trabalhos de acordo com critérios que variaram desde o impacto visual até o nível de reflexão e discussão sobre mudanças de atitudes e práticas ambientais que foram promovidas pelas equipes no ambiente da comunidade escolar.

Mais informações para a imprensa:
Vandro Luís Welter
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Itapiranga
E-mail: imprensa@ipx.adr.sc.gov.br
Fone: (49) 3472-5008 / (49) 98412-0485
Site: sc.gov.br/regionais/itapiranga

 

Presidente estadual da Fatma visita regional de Itapiranga para Dia de Ação de Governo
Foto: Vandro Welter - Ascom ADR Itapiranga

Na quinta-feira, 26, o presidente da Fundação do Meio Ambiente (Fatma), Alexandre Waltrick, estará em Itapiranga para visitar empreendimentos agrícolas e conversar com autoridades, lideranças, empresários e produtores rurais da região. A iniciativa faz parte do Dia de Ação de Governo, organizado pela Agência de Desenvolvimento Regional de Itapiranga e promovido pelo Governo do Estado, via secretaria executiva de Assuntos Estratégicos.

De acordo com o secretário executivo de desenvolvimento regional de Itapiranga, Claudir José Larentis (foto), o objetivo do Dia de Ação de Governo é aproximar o governo central às demais regiões do Estado, disseminando a descentralização e compartilhando informações com as pessoas e entidades municipais. Larentis acrescenta que, igualmente poderá ser uma oportunidade para o Governo do Estado conhecer novos anseios da microrregião.

“Com a descentralização administrativa do Governo do Estado por meio das ADRs foram criados novos canais de aproximação, oportunizando um maior diálogo com a sociedade no local onde ela reside. Essa maior possibilidade de interação oportuniza a participação com ideias e sugestões, mas também por meio de críticas construtivas e manifestos, o que também é salutar”.

O secretário executivo da ADR elogia essa mais nova ferramenta de interação com a sociedade que são os Dias de Ação de Governo, que já trouxeram recentemente até a regional o secretário de Estado da Agricultura, Moacir Sopelsa, e o presidente estadual da Cidasc, Enori Barbieri.          

Conforme Larentis, a ADR também tornou-se o local onde mensalmente ocorrem as reuniões do Colegiado de Governo, reunindo todos os órgãos regionais do Estado para debater as demandas, problemas e buscar as soluções em conjunto. Acrescenta que, as atas dessas reuniões onde constam os problemas debatidos e os relatórios das ações dos gerentes são remetidas ao conhecimento do governador e estão acessíveis à população no site da ADR (www.sc.gov.br/index.php/regionais/itapiranga). Larentis informa que as reuniões do conselho de desenvolvimento regional, que é integrado pelos prefeitos, presidentes de câmaras e dois integrantes da sociedade civil de cada município, passaram a ser trimestrais.

A agenda do presidente estadual da Fatma, na quinta-feira, 26, inicia às 9h30 com atendimento à imprensa na ADR. Já das 10h15 às 11h45, o presidente da Fatma se reúne no auditório da ADR com prefeitos, secretários de agricultura, lideranças, empresários, representantes de cooperativas e de sindicatos.

 

Roteiro

9h30 às 10h – Coletiva à imprensa na ADR;

10h15 às 11h45– Reunião com autoridades, lideranças e empresários da região na ADR;

12 às 13h30 – almoço;

13h30 às 16h – visita à empreendimentos da região

Mais informações para a imprensa:
Vandro Luís Welter
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Itapiranga
E-mail: imprensa@ipx.adr.sc.gov.br
Fone: (49) 3472-5008 / (49) 98412-0485
Site: sc.gov.br/regionais/itapiranga

 

ADR pretende reunir 500 professores em fórum regional na cidade de Itapiranga
Foto: Vandro Welter - Ascom ADR Itapiranga

Mais de 500 professores da rede estadual da região e da rede municipal de Itapiranga devem participar do 3º Fórum Regional de Educação que será realizado no Clube Imigrantes em Itapiranga. O evento regional que vai ocorrer na sexta-feira, 27, é organizado pela Gerência Regional de Educação da ADR Itapiranga. A abertura será às 8h15 e a programação prossegue até às 16 horas.   

A palestrante será a professora da cidade de Araranguá, Josi Zanette do Canto, que vai discorrer sobre caminhos, desafios e possibilidades das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) nas escolas. O fórum integra uma das atividades de formação continuada ofertada para os professores da rede estadual de ensino dos cinco municípios da ADR Itapiranga.

Conforme o supervisor de gestão escolar na ADR, Vilson Von Borstel, o fórum ainda terá apresentações culturais dos alunos, oficina de tecnologias e relato de projetos por parte de alguns educandários. Vilson entende que as escolas e professores trabalham muito e têm inúmeros projetos que se destacam. Acredita que, o fórum é uma oportunidade de divulgação destas atividades, sendo um evento que torna a escola e o professor protagonistas.

A gerente de educação da ADR, Marina Bianchi, enfatiza a importância do evento que inclui palestra e pretende socializar experiências de escolas da rede pública estadual dos cinco municípios. Segundo ela, a Gerência Regional de Educação atende atualmente 3.200 alunos com um quadro docente constituído por 325 professores.  

De acordo com Marina, seguidamente escolas e alunos da regional são premiados em projetos que desenvolvem e apresentam em eventos no estado e país. Ela entende que, as escolas da regional efetivamente promovem o desenvolvimento do processo ensino-aprendizagem e por isso obtém destaque no IDEB e no desenvolvimento de programas como o Ensino Médio Inovador, Programa Mais Educação e todos os demais projetos desenvolvidos.  

O evento organizado pela ADR tem o apoio da Prefeitura de Itapiranga, Centro Universitário Fai e Fapesc.

Programação

8h15 – Abertura oficial;

8h30 – Palestra;

10h30 – Relato de experiências de escolas;

11h40 – Almoço;

13h30 às 16h – Oficinas temáticas

Mais informações para a imprensa:
Vandro Luís Welter
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Itapiranga
E-mail: imprensa@ipx.adr.sc.gov.br
Fone: (49) 3472-5008 / (49) 98412-0485
Site: sc.gov.br/regionais/itapiranga

 


Fotos: Jaqueline Noceti/Secom

O governador Raimundo Colombo e o presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), Sergio Gargioni, lançaram nesta quarta-feira, 18, três chamadas públicas voltadas ao empreendedorismo inovador, parcerias entre empresas alemãs e brasileiras e capacitação em nível de pós-graduação. A Fapesc receberá as propostas submetidas às chamadas, que, juntas, somam cerca de R$ 40 milhões de investimento do Governo do Estado e parceiros como a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

>>> Galeria de fotos

“É uma ação fundamental e capilarizada que distribui oportunidades de forma justa e equilibrada a todos aqueles que possuem uma ideia inovadora e que a transforma em um negócio. É um orgulho saber que muitos projetos hoje são processos sólidos que ajudam a desenvolver o nosso estado, fortalecendo o nosso modelo econômico”, disse o governador Raimundo Colombo.

Com inscrições abertas até 2 de novembro, o programa Sinapse da Inovação chega a 6ª edição, tendo apoiado a criação de mais de 400 startups inovadoras e gerado milhares de empregos diretos, além de 150 patentes. O programa começou em 2008, com metodologia da Fundação Certi, e tem apoio do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

O Sinapse oferecerá R$ 60 mil para cada uma das 100 empresas selecionadas, além de bolsas de auxílio aos empreendedores por 12 meses. Participantes com nível de graduação receberão valor mensal de R$ 2,5 mil, e com mestrado, de R$ 3,5 mil. Com as bolsas, o recurso a ser disponibilizado pelo governo estadual gira em torno de R$ 10 milhões. Empreendedores de todo o estado podem inscrever suas ideias no portal do Sinapse da Inovação. O edital pode ser consultado no site da Fapesc.

Participantes de edições anteriores do Sinapse da Inovação puderam relatar as experiências a partir do programa. A engenheira de alimentos Carolina Dallacorte, de Chapecó, contou que o incentivo foi fundamental para o sucesso dos negócios quando resolveu empreender. A própria experiência profissional inspirou a criação de protótipos a serem utilizados no monitoramento de temperatura e umidade. Carolina exibe, orgulhosa, os sensores que já são utilizados pela indústria de alimentos e projeta para as próximas etapas de expansão a conquista do mercado de fármacos.

O sensor informa, em tempo real, inclusive em situação de transporte, as condições da temperatura e emite alertas em qualquer alteração que possa comprometer a qualidade dos produtos. “É o momento de agradecer, porque o programa e o incentivo do Governo ocorrem no momento da ideia, quando na maioria das vezes, as empresas, por exemplo, se interessam em produtos já finalizados. O programa mudou minha vida, porque hoje sou uma empreendedora e acredito que essa é uma das alternativas de desenvolvimento pessoal e até econômico para o estado e para o país”, relatou a jovem.

Outra ideia que se transformou em um negócio de sucesso foi apresentado pelo jovem Fabrício Hertz. Hoje, a empresa dele fabrica veículos aéreos não tripulados que ajudam a otimizar o manejo de atividades da agricultura. Sem a interferência de um operador, o veículo mapeia as áreas desejadas e consegue informar, por exemplo, a presença de pragas e problemas de plantio, a partir de soluções e análises também fornecidas por um programa de computador.

“O Sinapse da Inovação é um programa vencedor capaz de transformar vidas. Apostamos nas ideias inovadoras, e os empreendedores retribuem criando seus próprios negócios, realizando seus sonhos, gerando emprego e oportunidades aos catarinenses”, destacou o presidente da Fapesc, Sergio Gargioni.

Parcerias alemãs

Ainda na área de empreendedorismo, há uma chamada conjunta com o Estado de Berlim, que disponibilizará em torno de R$ 50 mil para projetos de cooperação entre empresas catarinenses e alemãs na área de fotônica, a fim de que desenvolvam produtos, processos ou sistemas inovadores. Até o dia 30 de novembro, são aceitas propostas envolvendo tecnologias ópticas avançadas, fotossensores, fibras ópticas, emissores de luz, além de seus processos de análise e fabricação.

O edital faz parte do acordo de cooperação em pesquisa, desenvolvimento e inovação, firmado entre a Fapesc e o Departamento de Economia, Tecnologia e Pesquisa do Senado do Estado de Berlim, que é uma das ações da parceria firmada entre a Secretaria do Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS) e Berlim em 2014. O edital pode ser consultado no site da Fapesc.

Bolsas 

Até o dia 31 de outubro, os programas de pós-graduação strictu sensu das instituições de Ensino Superior de Santa Catarina podem solicitar cotas de bolsas para apoiar os projetos de seus pós-graduandos conforme o edital disponível no site da Fapesc. A proposta deve ser submetida na Plataforma Fapesc pelo coordenador do programa de Pós-Graduação. Serão oferecidas 225 cotas de bolsas de mestrado acadêmico e 195 cotas de bolsa de doutorado, que totalizam mais de R$ 28,6 milhões.

Informações adicionais para a imprensa
Francieli Dalpiaz 
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: francieli@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5676
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC