O governador Eduardo Pinho Moreira estará no Sul do Estado nesta sexta-feira, 22, para inaugurar obras nas áreas de saneamento básico e segurança pública e lançar novas parcerias que somam quase R$ 100 milhões em investimentos. Às 14h30, será inaugurado o Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) da cidade de Forquilhinha.

Com um investimento total de R$ 27,3 milhões, viabilizado junto à Caixa Federal e contrapartida da Casan, a obra recebeu 37,5 quilômetros de rede de coleta, seis quilômetros de emissários terrestres, cinco Estações Elevatórias (de bombeamento) e a Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), construída no modelo compacta, com capacidade de depuração de 35 litros por segundo. O Sistema de Esgotamento beneficia mais de 7 mil moradores de seis bairros de Forquilhinha (Centro, Vila Lourdes, Santa Clara, Santa Ana, Santa Isabel e Clarissas), deixando o município com 35% de cobertura de esgoto.

Obras de saneamento em Criciúma

Às 16h, no Salão Ouro Negro da Prefeitura de Criciúma, Governo do Estado e Casan assinam ordens de serviço para a continuidade de implantação do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES) e também construção da Estação de Tratamento da Grande Próspera. No ato será feito o lançamento do edital de licitação para a instalação de 40 quilômetros de rede coletora da Casan no Bairro São Luiz. Governo do Estado e Casan estão investindo mais de R$ 60 milhões para levar mais saúde e qualidade de vida a nove bairros de Criciúma, município que passará a ter 45% de sua população beneficiada com este saneamento. Atualmente a cidade tem 28% de cobertura.

Criciúma também receberá do Governo do Estado o repasse de R$ 10 milhões, por meio da Casan. Os valores serão repassados ao Fundo Municipal de Saneamento Básico e serão utilizados em obras vinculadas ao Plano Municipal de Saneamento Básico.

Pavimentação

Também por meio de convênio, desta vez,  com o município de Siderópolis, o Governo do Estado e a Casan irão repassar R$ 1,5 milhão para a continuidade das obras de pavimentação da SID 159, que liga o Centro de Siderópolis à Barragem do Rio São Bento. A assinatura do convênio será feita durante os atos na Prefeitura de Criciúma.

Inauguração de delegacia

Ainda em Criciúma, às 17h, o governador Eduardo Pinho Moreira inaugura os novos espaços da Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso (DPCAMI) e da Central de Plantão Policial (CPP). Nas obras de reforma e readequação dos dois blocos, que somam 570 metros quadrados, foram investidos aproximadamente R$ 650 mil em pintura, aberturas, colocação de divisórias e construção de celas para as prisões provisórias. Em parceria com o Fórum da Comarca de Criciúma foram investidos R$ 47 mil na aquisição de mobília.

Informações adicionais para a imprensa:

Simone Costa
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Criciúma
E-mail: simonecosta.jornalista@gmail.com / comunicacaosdrcriciuma@gmail.com 
Telefone: (48) 3403-1018 / (48) 9-9976-8698 (whats) / 9-9102-4803 
Site: sc.gov.br/regionais/criciuma 



Sec.Simone e Sec. regional de Criciuma. João Fabris 3

Em reunião na tarde desta quinta-feira, 21, na Secretaria de Estado da Educação, a secretária Simone Schramm e o secretário executivo da ADR Criciúma, João Fabris, encaminharam os processos licitatórios de obras em duas escolas da região de Criciúma. O investimento nos dois projetos é de cerca de R$ 900 mil. A expectativa é de que as licitações sejam lançadas em julho.

O primeiro projeto prevê a reforma de uma das alas da Escola de Educação Básica (EEB) Samuel Sandrini, em Orleans. Para realizar as melhorias que vão da instalação elétrica até a pintura, serão necessários cerca de R$ 325 mil. Outro investimento é a construção de quadra na Escola de Educação Básica Ignácio Stakowski, em Içara, ao custo de R$ 592 mil. "As duas obras vão beneficiar cerca de 1,5 mil alunos", ressaltou a secretária Simone Schramm.

O secretário executivo João Fabris destacou a importância dos investimentos para a comunidade escolar da região."As  duas melhorias vão mudar o dia a dia destes estudantes", disse.

Informações adicionais para a imprensa:

Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Educação (SED)
Rosane Felthaus (48) 99125-8513
Dafnée Canello (48) 99682-6562


Fotos: Julio Cavalheiro / Secom

Nova Veneza está em festa. Com a presença do governador Eduardo Pinho Moreira, foi aberta oficialmente na noite desta sexta-feira, 15, a 14ª Festa da Gastronomia Típica Italiana. As festividades ocorrem em clima ainda mais especial, já que nesta semana foi sancionada uma lei que torna a cidade a Capital Nacional da Gastronomia Típica Italiana.

Neste ano, a festa contou com o apoio do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Turismo, Cultura e Esporte. A prefeitura da cidade espera 100 mil visitantes até o domingo, dia do encerramento. No sábado, 16, ocorre o tradicional desfile do Carnevale di Venezia, com as tradicionais máscaras e trajes típicos.


Fotos: Eliana Maccari

Planejar o uso correto dos recursos hídricos e garantir seu uso sustentável nos 10 municípios que compõem a Bacia do Rio Urussanga. Com este objetivo, foi lançado, em Urussanga, nesta quinta-feira, 14, o Plano da Bacia Hidrográfica que contou com um investimento de R$ 1,2 milhão do Governo de Santa Catarina para a região.

O estudo é um instrumento de planejamento da gestão que busca mostrar os principais usos dos recursos hídricos e a disponibilidade para apontar, por meio de um balaço hídrico, as condições atuais e futuras de atendimento aos diversos usos da água. O intuito é estabelecer metas e indicadores para garantir o uso de forma correta deste recurso natural.

A solenidade, realizada na Sociedade Recreativa Urussanga, contou com a presença do secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável Adenilso Biasus, representando o governador de Santa Catarina, o secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Criciúma, João Fabris, a presidente do Comitê da Bacia do Rio Urussanga, Carla Possamai Della, prefeitos dos 10 municípios inseridos na bacia hidrográfica, representantes de entidades, membros do Comitê da Bacia do Rio Urussanga e comunidade.

“É de fundamental importância este estudo que representa o desenvolvimento econômico sustentável do nosso Estado e engloba também a questão ambiental e social. A correta gestão pública dos recursos hídricos reflete em todos os demais setores da economia catarinense e tem aplicação direta na vida das pessoas”, destaca o secretário da SDS, Adenilso Biasus.

Para a presidente do Comitê da Bacia do Rio Urussanga, Carla Possamai Della, o Plano representa desenvolvimento. "Nós temos a esperança de que este Plano, de qualidade e com base em dados, traga o desenvolvimento com planejamento", frisou.

Plano

O Plano de Recursos Hídricos da Bacia do Rio Urussanga será elaborado em parceria com a Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) com apoio financeiro e institucional da Fundação de Amparo a Pesquisa e Inovação de Santa Catarina (Fapesc) e da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Sustentável (SDS).

O coordenador da execução do Plano pela Unisul, Celso de Albuquerque Junior, apresentou os objetivos e as etapas do projeto.

"Vamos fazer um levantamento da disponibilidade e demanda para posteriormente elaborar o balanço com alternativas e ações. Um plano de recurso hídrico bem elaborado torna-se uma ferramenta de poder para a região da bacia, pois mostra a situação atual e aponta o que deve ser corrigido para garantir qualidade e quantidade de água a todos", salientou.

As etapas do Plano de Recursos Hídricos da Bacia do Rio Urussanga consistem no envolvimento da sociedade no Plano, caracterização e diagnóstico da Bacia, cenários futuros das demandas hídricas, compatibilização de demandas e disponibilidades, e plano de ações.

Bacia Hidrográfica

A Bacia Hidrográfica do Rio Urussanga abrange uma área de 679,16 quilômetros quadrados e está situada na região hidrográfica - RH 10, no Extremo Sul Catarinense. Dez municípios estão inseridos nesta bacia, totalizando mais de 118 mil habitantes de Urussanga, Cocal do Sul, Pedras Grandes, Treze de Maio, Morro da Fumaça, Criciúma, Sangão, Içara, Jaguaruna e Balneário Rincão. Somente os municípios de Cocal do Sul e Morro da Fumaça estão com área total na bacia. Cabe ao Comitê da Bacia do Rio Urussanga promover o gerenciamento descentralizado, participativo e integrado dos recursos hídricos na área da Bacia Hidrográfica do Rio Urussanga.

Mais informações para a imprensa:

Mônica Foltran
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável
E-mail: monica@sds.sc.gov.br
Telefone: (48) 36652262 / 996961366
Site: www.sds.sc.gov.br