Termina no próximo dia 30 o prazo de envio das informações para a atualização do Mapa do Turismo Brasileiro. Os dados dos municípios deverão ser inseridos no Sistema de Informações do Programa de Regionalização do Turismo.

Evento sobre turismo regional

Ações para potencializar o turismo regional foram debatidas durante reunião de trabalho e Oficina de Regionalização de Turismo da Instância de Governança do Grande Oeste. A programação realizada em Chapecó nesta quinta-feira (22), contou com a participação do secretário de Estado do Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan. Os munícipios foram incentivados a fazer o cadastro para integrar o Mapa do Turismo Brasileiro 2017.

Os municípios que são inseridos no Mapa passam a ter acesso a políticas públicas e repasse de recursos. Hoje 184 cidades de Santa Catarina fazem parte desta ferramenta. O objetivo é passar de 200. Em 30 de junho encerra o prazo para envio das informações para o processo de atualização do Mapa do Turismo Brasileiro. As atualizações propostas serão conferidas pela equipe da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) entre 1º e 15 de julho e, posteriormente, serão analisadas pelo Conselho Estadual de Turismo. A previsão é que o resultado da atualização seja divulgado em setembro deste ano.

O secretário de Estado do Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan destaca que o turismo catarinense representa cerca de 13% do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado. Uma das metas é o desenvolvimento do turismo regional, isso está ocorrendo por meio das 12 Instâncias de Governança Regionais. Durante o evento, Pavan incentivou os municípios a desenvolver o potencial turístico para criar atrativos regionais. “Os turistas querem participar de atividades em várias cidades, por isso, é extremamente importante fortalecer a região e não apenas uma cidade. Turismo é permanente, não basta ter apenas um evento”, destaca.

O secretário Executivo da Agência de Desenvolvimento Regional de Chapecó, Edegar Giordani, avalia que estas ações contribuem no desenvolvimento da região. "Com o fortalecimento do turismo incentivamos novos investimentos e oportunidades”, destaca.

Instância de Governança do Grande Oeste

A Instância de Governança do Grande Oeste tem como foco o fortalecimento do turismo regional. É formada por 32 municípios, destes, quatro estão no Mapa do Turismo do Ministério do Turismo: Abelardo Luz, Chapecó, Passos Maia e São Lourenço do Oeste. Segundo a presidente do Conselho Regional de Turismo do Grande Oeste (Conturoeste), Ulmara Melania Spanhol, a meta é colocar 16 municípios neste mapa.

“A questão é ampliar as oportunidades dos municípios terem acesso ao que tem de direito, para poder encaminhar projetos importantes, locais e regionais. Estando dentro destes critérios terão mais oportunidades, serão prioritários”. O objetivo é fortalecer o desenvolvimento regional, por meio do turismo. “É importante que as pessoas entendam que turismo é negócio, é lazer, cultura, conhecimento e traz benefícios para toda população”, afirma a presidente do Conturoeste.

Recursos para Cordilheira Alta

O secretário de Estado do Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, participou de uma reunião na Prefeitura de Cordilheira Alta às 17h desta quinta-feira (22), para manifestar o compromisso na liberação de R$ 100 mil destinados às melhorias no Centro Integrado de Esportes Ludovico Tozzo.

Mais informações para a imprensa:
Andréia Cristina Oliveira
Assessoria de Comunicação
ADR Chapecó
Fone: (49) 99938-6966
E-mail: imprensasdrcco@gmail.com
www.adrs.sc.gov.br/adrchapeco

 

Chapecó - Ônibus itinerante do Programa Mulher Viver sem Violência chegará às ADRs do Oeste
Foto: Andréia C.Oliveira/ADR Chapecó

A Agência de Desenvolvimento Regional de Chapecó (ADR) sediou nesta segunda-feira,19, reunião de preparação para realização da Campanha Permanente Unidades Móveis: Mulheres e Cidadania. Um ônibus itinerante do programa chegará ao meio rural de três municípios de cada ADR, que mais tiveram casos de violência contra a mulher de acordo com os dados do IBGE de 2015. Serão prestadas orientações e serviços nas áreas social, de saúde e cidadania. A programação é organizada pela coordenadoria Estadual da Mulher.

Estiveram reunidos secretários municipais de Assistência Social e profissionais da área de sete Agências de Desenvolvimento Regional: Chapecó, Quilombo, Seara, Concórdia, Xanxerê, São Lourenço do Oeste e Palmitos. Na ADR Chapecó o ônibus itinerante estará em Cordilheira Alta, Nova Itaberaba e no município sede (Chapecó) de 3 a 7 de julho.

As orientações foram apresentadas pela coordenadora estadual da Mulher da Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habilitação, Aretusa Larroyd, e pela representante da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável no Conselho Estadual dos Direitos da Mulher (Cedim), Fabiana Lopes Ribeiro.

Segundo a coordenadora estadual da Mulher da Secretaria de Estado da Assistência Social, Trabalho e Habilitação, Aretusa Larroyd, a ação é permanente, sempre levando em conta os índices de violência contra a mulher em Santa Catarina. “Estimulamos a consciência de que a violência está aí, no campo é um tabu trabalhar esta questão. As cidades que recebem o ônibus levam até a área rural os profissionais que já atuam no município na assistência social, saúde, educação, saúde, segurança pública, levando a elas as informações, para fazer de fato este enfrentamento”, explica.

Para o gerente de políticas Sociais da ADR Chapecó, Paulo Monauar, o programa é um aliado no enfrentamento a violência, “estamos engajados na organização desta programação, pois é mais um importante reforço na prevenção e combate a violência contra mulher”, afirma.

A campanha

A Campanha Permanente Unidades Móveis: Mulheres e Cidadania é um Projeto construído e ratificado pelo Fórum de Enfrentamento a Violência às Mulheres do Campo, da Floresta, das Águas e Quilombolas. Contempla um dos eixos do Programa Mulher, Viver sem Violência que tem por objetivo integrar e ampliar os serviços públicos existentes voltados às mulheres em situação de violência, mediante a articulação dos atendimentos especializados no âmbito da saúde, justiça, segurança pública, da rede socioassistencial e da promoção da autonomia financeira.

Mais informações para a imprensa:
Andréia Cristina Oliveira
Assessoria de Comunicação
ADR Chapecó
Fone: (49) 99938-6966
E-mail: imprensasdrcco@gmail.com
www.adrs.sc.gov.br/adrchapeco

 



Alunos do segundo ano do ensino médio estão tendo a oportunidade de concluir esta fase de ensino com uma profissão. A gerência Regional da Educação da Agência de Desenvolvimento Regional Chapecó apresentou na noite da última terça-feira,13, para comunidade, pais e alunos o curso de técnico em hospedagem, que será oferecido no Centro de Educação Profissional de Chapecó (Cedup), a partir de 1º de agosto.

Cerca de 500 pessoas participaram do lançamento do curso, que tem como propósito formar técnicos em hospedagem com condições de exercer a atividade profissional em diferentes setores das áreas de hospedagem e lazer, no mercado turístico e hoteleiro da região Oeste de Santa Catarina.

Segundo a gerente Regional de Educação, Maria de Lourdes Seben, o curso é resultado de uma necessidade apontada pelo comércio de Chapecó. "A solicitação foi encaminhada ao Ministério da Educação pelos próprios empresários, e atendida pelo governo do Estado através do Cedup, que oferece plenas condições em estrutura física e pedagógica para formar profissionais qualificados”, explica a gerente.

O estudante da EEB Druziana Sartori, Edson Rombaldi, 16 anos, está entusiasmado com a possibilidade de cursar hospedagem, com o incentivo do pai Zilmar Rombaldi ele participou do lançamento do curso e já garantiu a pré-inscrição. “Estou incentivando meu filho para ter qualificação e conseguir o primeiro emprego, ter currículo”, afirma o pai Zilmar. O estudante afirma que irá buscar uma vaga na área. “É uma oportunidade para ter um futuro melhor”, destaca Edson Rombaldi.

Chapecó é destaque no turismo de negócios e eventos. A rede hoteleira está em expansão, são cerca de 32 hotéis. A conselheira estadual de Turismo, Gabriela Baptistetti, avalia que há necessidade de mão-de-obra na área de hospedagem. “São muitas oportunidades, vamos trabalhar para trazer mais eventos, a cidade tem infraestrutura para isso”, afirma.

Os critérios

São 50 vagas para os alunos que estão cursando a segunda série do ensino médio regular nas escolas públicas estaduais, que tenham entre 15 e 19 anos. Serão classificados os candidatos que atendam aos critérios de renda familiar e currículo escolar, as inscrições estão abertas e devem ser feitas no Cedup até 23 de junho.

Os alunos deverão continuar cursando o ensino regular na escola que estão matriculados e no turno vespertino irão frequentar o curso técnico em hospedagem, que terá duração de um ano. Irão receber bolsa de estudos Assistência estudantil, no valor de R$ 3,75 por hora/aula frequentada. Na avaliação da diretora do Cedup, Simone Lorenzetti, o curso representa um significativo avanço, “é uma conquista para educação profissional dos alunos das escolas públicas”, destaca.

O curso conta com o apoio do Sindicato dos Hotéis, Bares, Restaurantes e Similares de Chapecó, Convention Visitors Bureau, Prefeitura de Chapecó por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo.

Mais informações para a imprensa:
Andréia Cristina Oliveira
Assessoria de Comunicação
ADR Chapecó
Fone: (49) 99938-6966
E-mail: imprensasdrcco@gmail.com
www.adrs.sc.gov.br/adrchapeco