Encontre serviços oferecidos pelo Governo de SC

Reunimos neste site tudo o que o Governo pode fazer por você

Notícias em destaque

Serviços em destaque

Vídeos

Henrique visitando o Helicóptero Águia 4 - 04/04/2017

Henrique visitando o Helicóptero Águia 4 - 04/04/2017


Henrique Ribeiro, de 10 anos, sonhava em conhecer o helicóptero Águia 4, da Polícia Militar de Santa Catarina, em Lages.

Oportunidades

Próximos eventos


Foto: Manoely Dias Cogo/ ADR Dionísio Cerqueira

O governador Raimundo Colombo inaugurou nesta quarta-feira, 3, a Escola de Educação Básica Governador Irineu Bornhausen, em Dionísio Cerqueira, no Extremo-Oeste catarinense.  O Governo do Estado investiu um total de R$ 4,8 milhões, sendo R$ 2,7 milhões de recursos do Fundo Social. A escola tem 15 salas de aula, biblioteca, refeitório, cozinha, banheiros, sala dos professores, secretaria, hall de recepção, arquivo, cantina, área de convivência, área coberta, sala de informática e laboratórios que soma 3,2 mil metros quadrados de área construída. Nesta semana a instituição receberá 293 alunos, mas a unidade foi projetada para atender 750 estudantes.

Na solenidade de inauguração Colombo disse que investir em educação é pensar no futuro das pessoas e do Estado. “Mais do que um prédio, esta unidade escolar é um espaço para a construção do conhecimento, a troca de ideias, o crescimento pessoal e a descoberta das habilidades profissionais de cada estudante que passar por estas salas de aula”, observou.

O secretário de educação Eduardo Deschamps destacou que inaugurar uma nova escola é sempre gratificante, é qualificar ainda mais a educação de Santa Catarina. “Já temos profissionais qualificados e poder investir em infraestrutura escolar é sempre um grande avanço, pois é uma forma de oferecermos ainda mais qualidade de educação para os nossos estudantes”.

O secretário executivo de Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira, Norberto Hart, destacou que essa escola é um anseio da comunidade, e que traz diversos benefícios tanto para os alunos, que contarão com modernas e amplas instalações, como para professores, que passam a ter novas ferramentas para trabalhar. “Esse é um incentivo muito importante para os alunos, estudar em uma escola nova, com laboratórios e espaço para desenvolver atividades, com certeza é um diferencial na vida dessas crianças e adolescentes”

Foto: Manoely Dias Cogo/ ADR Dionísio Cerqueira

A EEB Irineu Bornhausen desenvolve diversas atividades interdisciplinares que aproximam pais, professores, alunos e comunidade. Dentre elas, destaque para os projetos Dionísio Cerqueira: Meu Município, Meu Lugar, que incentiva os alunos a resgatar a história da cidade e sua cultura. Outra ação importante é o Sarau Literário: Linguagem é Cultura, atividade que envolve toda a comunidade escolar. No sarau há apresentação de poesias, crônicas, dramatização de clássicos da literatura portuguesa e espanhola, apresentação em LIBRAS, danças, como o Tango e o Flamenco, apresentação de Capoeira, Coreografias diversas, além da participação de alunos da Escuela Provincial 765 de Bernardo de Irigoyen- Argentina.

A diretora Sirlei Stahl destaca que estas atividades diferenciadas são uma forma de incentivar os estudantes a aprenderem cada vez mais, e também de aproximar a comunidade da escola. “Receber essa nova escola é mais um importante passo para a educação. Nossa é expectativa é poder atender ainda mais alunos, há um ano contávamos com 150 estudantes em nossa escola, hoje são 293, e com essa nova estrutura temos certeza que ainda mais crianças e adolescentes estarão conosco”.

A aluna Luciene Moreira de Miranda, estudante do 9º ano, reconhece que ter um novo espaço possibilita mais segurança e uma educação melhor. “A nova escola tem um espaço aconchegante com mais possibilidades, o nosso dever é manter a escola bem cuidada”. Já a aluna Maria Luiza vê na nova escola uma chance buscar ainda mais meios para a educação. “Com os laboratórios, e espaço mais amplo conseguimos mais meios para o aprendizado, nos tornando pessoas mais capazes buscando transformar a sociedade através da educação”.

A presidente da Associação de Pais e Mestres, Judide Sberse Braulio, agradeceu por todo o empenho e destacou que a comunidade fica muito contente com a nova escola. “É um excelente espaço para nossas crianças, e com certeza irá incentivar ainda mais o processo educacional”. 

Informações adicionais para a imprensa:
Manoely Dias Cogo
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Dionísio Cerqueira
E-mail: comunicacao@dcq.sdr.sc.gov.br
Fone: (49) 3644-3317 / 99137-8637
Site: www.adrs.sc.gov.br/adrdionisiocerqueira

 

 


Foto: Eduardo Mussatto / Fatma

Nesta quinta-feira, 4, será assinado o termo de cooperação técnica entre a Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) e Fundação do Meio Ambiente (Fatma) para a realização de estudos para visitação turística em sete parques estaduais existentes em Santa Catarina.

A Fatma e a SOL indicarão representantes para compor um grupo de trabalho que terá como tarefa elaborar um plano de ações para o fomento do turismo nas unidades de conservação. A proposta é que os técnicos façam um mapeamento das potencialidades e atrativos, bem como da estrutura necessária para a visitação.

A parceria terá vigência de dois anos e será assinada pelo presidente da Fatma, Alexandre Waltrick Rates e pelo secretário da SOL, Leonel Pavan.

Atualmente a Fatma é responsável por dez Unidades de Conservação. Dessas, sete podem receber visitantes e, atualmente, quatro estão já abertas ao público. As Unidades que podem receber visitantes são:
- Parque Estadual do Acaraí (São Francisco do Sul)
- Parque Estadual do Rio Vermelho (Florianópolis)
- Parque Estadual da Serra do Tabuleiro (Florianópolis, Palhoça, Santo Amaro da - Imperatriz, Águas Mornas, São Bonifácio, São Martinho, Imaruí e Paulo Lopes)
Parque Estadual Fritz Plaumann (Concórdia)
- Parque Estadual da Serra Furada (Grão-Pará e Orleans)
- Parque Estadual das Araucárias (São Domingos e Galvão)
- Parque Estadual Rio Canoas (Campos Novos)

Os trabalhos devem começar em 60 dias.

Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte
imprensa@sol.sc.gov.br
48 3665 7436
Fundação do Meio Ambiente - Fatma
comunicacao@fatma.sc.gov.br

 


Foto: Pablo Gomes/ADR Lages

Mais antiga instituição de ensino superior de Santa Catarina, com 58 anos de existência, a Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac), de Lages, escreverá um novo capítulo em sua já consolidada história. Com investimentos de R$ 12,5 milhões do Governo do Estado, por meio do Fundo Social, será inaugurado nesta quinta-feira, 4, o novo prédio do Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas (CCET).

O evento ocorrerá a partir das 19h e contará com a presença do governador Raimundo Colombo e uma palestra do engenheiro Wenceslau Diotallevy, responsável por algumas das maiores obras de infraestrutura da história de Santa Catarina, com destaque para a restauração da Ponte Hercílio Luz, em andamento em Florianópolis.

O novo edifício da Uniplac tem 6,5 mil metros quadrados de área construída e abrigará mais de 700 alunos dos cursos de Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Engenharia de Produção, Arquitetura e Design de Interiores. A estrutura conta com 54 salas de aula, auditório para 255 pessoas sentadas e modernos laboratórios que já haviam sido montados há dois anos com investimentos de R$ 1,5 milhão do Governo do Estado.
Com a ampliação, a Uniplac poderá aumentar também a oferta de vagas. Atualmente, a universidade conta com aproximadamente quatro mil alunos em 28 cursos de graduação, além de especializações e mestrados.

Engenheiro das grandes obras de Santa Catarina fará palestra de inauguração

Nascido em Indaial, no Vale do Itajaí; formado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em Florianópolis; e servidor efetivo há 35 anos no Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra), órgão responsável por quase 200 obras em execução atualmente em todas as regiões de Santa Catarina, o engenheiro Wenceslau Jerônimo Diotallevy, de 61 anos, acumula em seu currículo um respeitável portfólio de algumas das principais obras do Estado.

Destaque para os túneis em Florianópolis, Itapema, Paulo Lopes e Tubarão; a Via Expressa Sul e a Ponte Pedro Ivo, em Florianópolis; e a reconstrução da cidade de Canoinhas, no Planalto Norte, castigada por uma enchente em 1983.

Atualmente, Wenceslau é o engenheiro fiscal da restauração da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis, uma das maiores obras já executadas na história de Santa Catarina, com investimentos do Governo do Estado.

Wenceslau está à frente de 180 profissionais que trabalham todos os dias na ponte e tornou-se o maior especialista do principal cartão-postal de Santa Catarina. Ele acompanha todos os passos dessa ousada operação, inclusive com viagens à Europa para conferir de perto as peças importadas de lá. E após a inauguração, prevista para o segundo semestre de 2018, Wenceslau se aposentará e entrará definitivamente para a história da engenharia catarinense.

Informações adicionais para a imprensa
Pablo Gomes
Assessoria de imprensa
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Lages
E-mail: imprensa.sdrlages@gmail.com

Telefone: (49) 3289-6210 / 99926-6775
Site: www.sdrs.sc.gov.br/sdrlages


Fotos: Julio Cavalheiro/Secom

O governador Raimundo Colombo acompanhado do secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, inaugurou na manhã desta quarta-feira, 3, a Escola de Educação Básica Felisberto de Carvalho, em Palmitos, na região Oeste. A escola que tem 73 anos recebeu do Governo do Estado, por meio do Pacto pela Educação, investimento de R$ 5,4 milhões para sua reconstrução. O secretário executivo da ADR Palmitos, Adilar Carlesso, também participou da inauguração.

“É a maior escola da região que passa a ter ensino integral e um espaço físico moderno, amplo e com todos os equipamentos para poder abrigar o ensino integral e qualificar os alunos. O ensino integral é absolutamente fundamental e os países desenvolvidos investem muito nesse modelo. A Coreia do Sul é um exemplo nesse modelo”, destacou o governador.

Colombo disse ainda que quando se investe em educação se faz justiça e que a região vai ganhar muito com a nova estrutura. “É um passo muito importante e a região de Palmitos está de parabéns. Os alunos passam a ter o benefício dessa nova estrutura e dessas novas condições de trabalho, além do reforço pedagógico que passa a existir com essas condições de agora”.

Com área construída de 3,5 mil metros quadrados a unidade conta com 20 salas de aula, laboratório de informática e química, sala de professores, sala de artes, pátio coberto e pátio aberto, palco com camarim, setor administrativo, ginásio e quadra de esportes. A estrutura tem capacidade para atender 626 alunos dos ensinos Médio e Fundamental, distribuídos em 29 turmas.

A diretora da escola Marli Rosa Regner Camargo explica que em junho de 2015 foi demolida a estrutura antiga e em fevereiro de 2017 as obras foram concluídas. “Depois de 73 e anos a escola foi toda reconstruída. Está ampla, com infraestrutura, enfim, tudo o que se precisa em uma escola. Além de ser bonita e bem feita, com todas as melhorias que desejávamos, agora vem o papel do educador de utilizar nossa estrutura para melhorar a qualidade da nossa educação”.

Para Deschamps o trabalho realizado pelos professores, famílias, alunos e a equipe de direção, fizeram com que a escola se destacasse no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica do Brasil (Ideb) e atingisse um patamar superior a média de Santa Catarina e consequentemente do Brasil. “Essa escola tem 6,4 nos anos iniciais e 5,5 nos anos finais, o que está bem acima da média brasileira, o que é fruto do trabalho que vem sendo desenvolvido aqui por toda equipe. Isso foi conseguido no período em que a escola estava em reforma, imagina agora com ela totalmente concluída, reformada e com novas condições; o potencial que essa escola tem em desenvolver a Educação da região”.

Para o secretário executivo Adilar Carlesso, a obra impressiona. “É um marco para toda a região a inauguração desta grande obra, que chama atenção pela qualidade e grandiosidade. Um antigo sonho de toda a população, que hoje é uma escola de referência no Estado, contando com uma infraestrutura completa à disposição de alunos, professores e toda a comunidade escolar. Temos certeza que vai ser extremamente útil para Palmitos e toda a região. Foi um grande valor investido, que também mostra a valorização que a ADR Palmitos está recebendo”, finaliza Carlesso.

Informações adicionais para a imprensa:
Rafael Vieira de Araújo
Assessoria de Imprensa
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: rafael@secom.sc.gov.br
Telefone: (48) 3665-3018 / 99116-8992
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Ibirama - Epagri promove treinamento na área de piscicultura
Foto: Marcelo Steiner/Epagri Ibirama

Para promover ainda mais a piscicultura na região, o escritório local da Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santra Catarina (Epagri) de Ibirama promoveu no dia 28 de abril, um treinamento para os piscicultores do município sócios da Associação dos Aquicultores de Ibirama (Aquibi).

O curso, que contou com aula teórica e prática de campo foi ministrado pelos pesquisadores da Epagri, Bruno Corrêa da Silva, e Natália da Costa Marchiori, que desenvolvem trabalhos na área de piscicultura de água doce no Campo Experimental da Epagri de Camboriú e Estação Experimental da Epagri de Itajaí. Os pesquisadores pertencem à equipe de extencionistas do Centro de Desenvolvimento de Aquicultura e Pesca de Santa Catarina.

Na oportunidade, os instrutores abordaram assuntos importantes para a criação de peixes de forma eficiente e com lucratividade, como aspectos de manejo e qualidade da água, manejo da produção e nutrição alimentar, controle e prevenção de doenças, além de uma aula prática na propriedade do sócio da Aquibi, Egon Becker na comunidade de Serra São Miguel, sobre biometria, manejo da água e cálculo de ração para alimentação adequada.

Participaram do curso 34 produtores do município que produzem juntos anualmente cerca de 280 toneladas de peixes, a grande maioria da espécie tilápia nilótica. A produção é comercializada em peque-pagues da região e frigoríficos de outras regiões do estado e do país.

Para o técnico da Epagri de Ibirama, Marcelo Steiner, o evento foi muito importante para conscientizar os produtores da importância de produzir com eficiência. “A piscicultura é uma atividade de risco e se não for bem conduzida não traz bons resultados, mas se o produtor seguir as recomendações técnicas essa atividade pode trazer um bom retorno econômico e assim ser mais uma alternativa de renda para as famílias rurais”, destacou.

Informações para a imprensa:

Helena Marquardt
Assessoria de comunicação
ADR Ibirama
Fone (47) 3357-8908 / (47) 98819-9350
E-mail: imprensa@iir.sdr.sc.gov.br
Site: www.adrs.sc.gov.br/adribirama
Facebook: www.facebook.com/regional.ibirama

Página 14 de 30