Encontre serviços oferecidos pelo Governo de SC

Reunimos neste site tudo o que o Governo pode fazer por você

Notícias em destaque

Serviços em destaque

Vídeos

Com a Palavra, o Governador - 20 de outubro de 2017

Com a Palavra, o Governador - 20 de outubro de 2017

No programa "Com a Palavra, o Governador", Raimundo Colombo fala sobre as obras do Centro de Gestão de Risco da Defesa Civil, os programas que apoiam as ideias inovadoras no estado, a autorização para novos Cras e o programa e-Origem.


Oportunidades

Próximos eventos


Foto: Reprodução

A entrega da última etapa de revitalização do SC-157, no Oeste do estado, a movimentação de containers no Porto de Imbituba, obras na ponte Hercílio Luz e a digitalização da Junta Comercial de Santa Catarina foram os temas da edição desta sexta-feira,13, do programa Com a Palavra, o Governador. Raimundo Colombo abriu a entrevista destacando a importância da SC-157. 

"É um dos maiores investimentos do Governo do Estado em infraetrutura. A obra foi feita em três etapas e, agora, a comunidade, os motoristas e os produtores podem contar com uma rodovia praticamente nova e que é um dos principais corredores de escoamento de produção entre Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul", destacou Colombo.

O governador falou também da movimentação de containers no Porto de Imbituba, depois da abertura da linha internacional para Ásia com a operação de navios de grande porte. "Em um mês essa movimentação já dobrou e o cenário projeta uma dinâmica ainda melhor. É muito bom quando um projeto se transforma em bons resultados. Nós batalhamos muito para que isso pudesse ocorrer no Porto de Imbituba e, realmente, a nossa expectativa se concretizou, trazendo novas alternativas de desenvolvimento para a região Sul e para o estado", avaliou.

As operações de transferência de carga da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis foram outro assunto do programa. O governador salientou que tem acompanhado cada uma das etapas e está confiante de que, em breve, a ponte possa ser reaberta ao tráfego de veículos. "Estamos vencendo uma das etapas mais sensíveis da restauração e tudo está ocorrendo dentro do que os engenheiros esperavam. Isso nos dá muita segurança para avançar no trabalho e poder devolver às pessoas esse monumento cumprindo sua função na mobilidade", explicou.

Na entrevista, Colombo também destacou a digitalização da Junta Comercial de Santa Catarina. O programa Jucesc Digital é resultado de uma parceria com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável e vai simplificar a abertura de empresas e outros serviços empresariais feitos pela internet. "É um novo serviço, mais moderno, com agilidade. Estamos desburocratizando processos como a abertura e o fechamento de empresas", citou Colombo.

A entrevista completa está disponível nos canais oficiais do Governo de Santa Catarina, no Vimeo e no Youtube. O áudio pode ser acessado pela Rádio Secom.

Informações adicionais para a imprensa
Francieli Dalpiaz 
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: francieli@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5676
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC


Fotos: Julio Cavalheiro/Secom

O governador Raimundo Colombo participou, na noite desta quinta-feira, 12, da abertura da 68ª Expolages, no Parque de Exposições Conta Dinheiro, em Lages. A feira, que segue até o domingo, 15, é considerada uma das maiores e mais tradicionais do agronegócio em Santa Catarina. O evento recebeu o apoio do Governo do Estado no valor de R$ 170 mil, convênio assinado no evento. Neste ano, são 45 expositores na área de comércio e indústria e 1,3 mil animais. São esperados cerca de 30 mil visitantes, e a expectativa é gerar mais de R$ 20 milhões em negócios.

>>> Galeria de fotos

“A Expolages expressa a tradição e a força do trabalho de uma cidade, de um povo. Mostra o agronegócio, a economia da região e de Santa Catarina. É um dos eventos mais antigos do estado. Ele promove, integra, premia, melhora a genética, a produtividade e a competitividade deste setor tão importante, gerando empregos e renda. O setor está crescendo muito em quantidade, mas sobretudo em qualidade”, disse o governador. 

O evento reúne pecuaristas da Serra e de outros estados. Os visitantes podem conferir palestras, exposições, julgamentos e leilões. Estão inscritos 1,3 mil animais entre bovinos, equinos e ovinos. No sábado, dia 14, haverá o leilão de animais das raças Devon, Hereford, Braford, Aberdeen, Angus, Brangus, Charolês, Simental, Simbrasil, Limousin e Zebuínos. 

O governador  destacou que o agronegócio está em uma boa fase de desenvolvimento. Conforme ele, um setor, que apesar de todas as dificuldades,  consegue agregar tecnologia e conhecimento, produz muito e faz com que o estado seja referência. 

“O cenário é de recuperação da economia. É um tempo de acreditar, de agir, de aproveitar as oportunidades e de gerar riquezas. O Governo do Estado tem vários programas de incentivo aos agricultores e os resultados estão sendo muitos bons”, informou Raimundo Colombo.

O prefeito Antonio Ceron salientou que a Expolages trata da qualidade da genética, em uma atividade econômica muito importante ao longo da história e, principalmente, nos dias atuais. “É um evento consolidado, que a cada ano está melhor. E isso é motivo de orgulho para todos os lageanos”, disse.

O presidente da Associação Rural de Lages, Márcio Pamplona, relatou que feira vem se aperfeiçoando a cada edição, agregando a indústria, o comércio e a prestação de serviços, mas mantendo a pecuária como o principal fator. “Este não é um evento festivo, não temos shows e não temos cobrança de ingressos. Aqui estão pessoas interessadas na agropecuária, comércio e indústria deste setor”, explicou. 

Durante a Expolages, também é realizada a Feira Multissetorial, promovida pela Associação Empresarial de Lages (ACIL), maior feira de negócios da Serra catarinense.

A bovinocultura em SC

O presidente da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), Enori Barbieri, informou que com status sanitário privilegiado, o estado possui o rebanho bovino todo identificado. De acordo com dados da Cidasc, o estado possui um rebanho de 4,39 milhões de cabeças, sendo 51% de animais de corte e 34,7% de leite, além de 13,75% de aptidão mista. A bovinocultura está presente em 291 municípios (98% do total) e o rebanho está distribuído em 78.729 produtores.

“A Cidasc no seu compromisso, responsável por defesa sanitária animal e vegetal, tem conseguido fazer a sua parte, avançando na erradicação de novas doenças. Isso é muito importante para continuar garantindo o desenvolvimento de todo setor do agronegócio em SC”, destacou. 

Convênio 

Ainda durante o evento, foi firmado o convênio de cooperação com a Polícia Militar para destinação de recursos mensais para o apoio às atividades de patrulhamento no interior de Lages. O convênio foi assinado pelo presidente da Associação Rural de Lages, Márcio Pamplona, e pelo comandante tenente-coronel Alfredo Nogueira dos Santos. 

Também participaram do evento o secretário-adjunto da Agricultura, Airton Spies, o secretário da Agência de Desenvolvimento Regional de Lages, João Alberto Duarte, os presidentes da Associação Empresarial, Sadi Montemezzo, e da Federação da Agricultura do Estado (Faesc), José Zeferino Pedroso, entre outras autoridades e comunidade. 

Informações adicionais para a imprensa:
Elisabety Borghelotti
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: bety@secom.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3018 / 98843-5460
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC


Foto: Airton Fernandes / Secom

O governador Raimundo Colombo se reuniu, na tarde desta quarta-feira,11, com o secretário de Estado da Educação Eduardo Deschamps, representantes da Polícia Militar e os secretários executivos das Agências de Desenvolvimento Regional de Blumenau, Joinville e Laguna para definir a instalação do Colégio Militar nos três municípios. Em Blumenau e em Joinville serão oferecidas vagas já para o próximo ano letivo e em Laguna, a previsão é que as aulas comecem em 2019, porque a escola Jerônimo Coelho onde deverá funcionar a unidade, passará por reformas.

“Estamos criando mais três colégios militares que vão reforçar a Educação em Santa Catarina e a estrutura que já tem resultados muito significativos e também uma procura muito grande por parte da população. É uma filosofia muito bonita e responsável que cumpre um papel importante junto à sociedade porque trabalha justamente com os valores da disciplina, do respeito e da ética”, destacou o governador.


Fotos: James Tavares/Secom

O governador Raimundo Colombo participou na manhã desta quinta-feira, 12, em Itapiranga, no Extremo-Oeste, do desfile cultural da 39ª Oktoberfest na Rua do Comércio, no centro da cidade. A festa acontece até 22 de outubro. Em seguida, o governador e o prefeito Jorge Welter assinaram o convênio de R$ 250 mil para o projeto de revitalização das avenidas Uruguai e John Kennedy. Colombo ainda anunciou o primeiro repasse da segunda edição do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam). A cidade contemplada é Itapiranga, com R$ 2,5 milhões.

 “A avenida, essencial para a cidade e que margeia o rio, vai ser completamente revitalizada pela prefeitura. Este aqui também é um momento importante, pois estamos anunciando o primeiro convênio do Fundam 2”, disse Colombo.

>>> Confira a galeria de fotos

Desde a primeira festa, acontece o tradicional desfile de carros alegóricos, mostrando a cultura dos pioneiros ainda preservada e a evolução histórica da comunidade de Linha Presidente Becker e do município de Itapiranga. O governador e o prefeito de Itapiranga desfilaram em um veículo Ford 29 fabricado em 1929. O secretário adjunto da Agricultura e da Pesca, Airton Spies, e o secretário executivo da ADR Itapiranga, Claudir José Larentis, também participaram do desfile.

“É uma festa que valoriza a tradição, a colonização, o valor humano e a herança dos nossos antepassados em cima de valores, de princípios e de costumes. Por isso, este é um evento que renova a cada dia e fortalece esses valores. A gente percebe a vontade das pessoas em comemorar o passado e valorizar seus princípios”, completou o governador.

Considerada a primeira festa da cultura alemã de SC, a Oktoberfest de Itapiranga foi criada em outubro de 1978 e era realizada na Linha Presidente Becker, a 12 quilômetros de Itapiranga. Em 1989, passou a contar com apoio da prefeitura e foi transferida para o centro da cidade. A festa foi oficializada pelo município por meio da Lei nº 1336 de 20 de abril de 1990 e, hoje, conta com o Complexo Oktober, situado no Alto Jardim Bela Vista.

O morador de Itapiranga Valentim Marcos Griebeler, natural de Montenegro, no Rio Grande do Sul, tem 79 anos e viu a primeira festa acontecer. Ele acompanha o evento até hoje. “Estou aqui desde os 4 anos de idade. Na primeira festa, as pessoas ficavam em meio a um arvoredo, dançavam, tocavam música e contavam histórias. Depois a festa foi crescendo e se aproximando do centro da cidade”, explicou.

Para Claudete Schmitz, a festividade representa um momento importante para as pessoas da cidade. “Estou muito feliz em participar dessa festa linda. As pessoas daqui se empenham ao máximo para o dia ser agradável. O desfile transmite um pouco da essência do nosso local. Conta um pouco da nossa história, que é muito rica de cultura e tradição”, disse.

Convênios

Um dos convênios visa a contratação de empresa de engenharia para elaboração de projeto viário urbano para pavimentação asfáltica, restauração, paisagismo e urbanização das duas avenidas. Serão investidos R$ 200 mil do Governo do Estado, com a contrapartida de R$ 50 mil do município de Itapiranga. O outro será o primeiro contrato do Fundam 2 no estado e será usado em obras de infraestrutura.

“Nós temos o privilégio de ser o primeiro município catarinense a assinar o convênio do Fundam 2, que vai revitalizar a nossa Avenida Uruguai, cartão postal do nosso município. Com certeza, esse recurso anunciado pelo governador vem em boa hora e nós vamos fazer com que seja muito bem aplicado”, enfatizou o prefeito.

Informações adicionais para a imprensa:
Rafael Vieira de Araújo 
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: rafael@secom.sc.gov.br  
Telefone: (48)  3665-3018 / 99116-8992
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC


Fotos: Julio Cavalheiro / Secom

Garantindo mais agilidade e praticidade para os empreendedores de Santa Catarina, o Jucesc Digital, novo serviço da Junta Comercial do Estado, foi lançado oficialmente nesta quarta-feira, 11. O programa é resultado de uma parceria com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável e vai simplificar a abertura de empresas e outros serviços de atos empresariais feitos pela internet.

 A abertura de uma nova empresa, por exemplo, poderá ser feita de qualquer lugar desde que a pessoa tenha um computador, acesso à internet e certificado digital. O novo serviço estará disponível a partir da próxima segunda-feira, 16. Mas durante um período de adaptação, previsto em um ano, o serviço tradicional, com etapas que exigem documentação em papel, também continuará disponível.

O tempo economizado é um dos grandes benefícios. O gerente de Tecnologia da Junta Comercial, Diego Ricardo Holler, explica que, com o sistema atual, a processo de abertura de empresas envolve nove etapas e documentação em papel. E o tempo de espera, no caso de uma empresa de baixa complexidade, é de cerca de duas ou três horas. Com o Jucesc Digital, após feito o protocolo digital, a abertura da empresa deve ser concluída em menos uma hora.



>>> Mais imagens na galeria

O secretário de estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Carlos Alberto Chiodini, lembrou que o Jucesc Digital é mais um entre os novos serviços adotados para combater a burocracia e simplificar a rotina dos empresários. “A burocracia é um problema muito sério, que afeta a todos, direta ou indiretamente. E em Santa Catarina, estamos aperfeiçoando diferentes serviços para reduzir essa burocracia e promover cada vez mais a competitividade dos catarinenses”, afirmou.

O presidente da Junta Comercial, Julio Cesar Marcellino Jr., agradeceu a colaboração de toda a equipe técnica envolvida e lembrou que os trabalhos para criação do Jucesc Digital começaram há mais de um ano. “Nossos esforços são para simplificar a vida dos empreendedores, pessoas dispostas a criarem o próprio negócio, gerando renda e riqueza nas diferentes regiões do estado de Santa Catarina”, acrescentou.

Entre os próximos passos neste sentido de reduzir a burocracia, está a integração do Juscesc Digital com outras áreas do Governo do Estado, como o Fundação do Meio Ambiente (Fatma) e a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP).

O evento desta quarta contou, ainda, com a presença de presidentes de entidades empresariais e lideranças regionais, além de uma homenagem para ex-presidentes da Junta Comercial. Presente no evento, o presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), Glauco José Côrte, parabenizou a iniciativa da criação do Jucesc Digital. “A velocidade é uma característica fundamental para a competitividade das empresas. Sempre que a burocracia se torna excessiva, ela tira recursos do setor produtivo e torna as operações mais ineficientes”, avaliou.

Mais informações sobre o novo programa estão disponíveis no site oficial da Jucesc, ou diretamente no link Jucesc Digital.

Informações adicionais para a imprensa:
Alexandre Lenzi
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: lenzi@secom.sc.gov.br
Telefone: (48) 3665-3018 / 98843-4350
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC

Página 9 de 170