Encontre serviços oferecidos pelo Governo de SC

Reunimos neste site tudo o que o Governo pode fazer por você

Notícias em destaque

Serviços em destaque

Vídeos

Campanha nacional de vacinação contra a gripe

Campanha nacional de vacinação contra a gripe

Com a proximidade do inverno e diminuição das temperaturas, as gripes e resfriados começam a surgir. Mas existem cuidados e formas de se prevenir. Quer saber como? Confira neste Saiba +

Oportunidades

Próximos eventos


Foto: Jonas Pôrto/Udesc

A Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) abriu nesta segunda-feira, 8, o período de inscrições do Concurso Público nº 01/2017, para seleção de professores efetivos. As inscrições seguem até 22 de fevereiro. São 38 vagas em dez centros de ensino da instituição, localizados em oito cidades: Florianópolis, Joinville, Lages, Ibirama, Balneário Camboriú, Laguna, Chapecó e Pinhalzinho. Confira o link de inscrição. A taxa é de R$ 200 e deve ser paga via depósito identificado.

Há vagas para diversas áreas do conhecimento, como Desenho Industrial, Música, Biologia, Engenharia, Gestão Ambiental, Administração, Fisioterapia, Geografia, Pedagogia, Arquitetura, Física, Matemática, Economia, Genética, Enfermagem e Zootecnia. 

As provas escrita, didática e de títulos ocorrerão de 23 a 27 de abril. A remuneração para o regime de trabalho de 40 horas é de R$ 6.811,55 para candidatos com mestrado e de R$ 8.855,80 para aqueles com doutorado. Além disso, os professores contratados terão auxílio-alimentação de R$ 29,25 por dia útil trabalhado.

Mais informações podem ser obtidas nos centros, em lista de contatos disponível na página do concurso.

Assessoria de Comunicação da Udesc
E-mail: comunicacao@udesc.br
Telefones: (48) 3664-7935/8010


Mutirão realizado em São Loureço do Oeste - Foto: Juliana Balotin / ADR São Lourenço do Oeste

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) está realizando o Mutirão de Cirurgias Eletivas 2017, com recursos do Governo do Estado. A campanha ocorre em 13 hospitais de Santa Catarina que aderiram ao mutirão, no período entre novembro de 2017 e fevereiro de 2018. Serão investidos mais de R$ 9 milhões na realização de aproximadamente 8.500 cirurgias.

Estão aptos a fazer o procedimento os pacientes que têm a indicação cirúrgica e constam na lista de espera de seus municípios. A cirurgia é realizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e o paciente terá direito a  consulta pré-operatória, exames, cirurgia e colírios.

A catarata é uma doença com interferência no cristalino dos olhos, torna a visão opaca e turva. Pacientes geralmente veem as coisas de forma nublada, como se olhassem por uma janela embaçada, tornando difíceis as tarefas diárias como ler, dirigir ou interpretar as expressões faciais das pessoas. A evolução costuma ser lenta e pode afetar primeiro um dos olhos e mais tarde o outro.

A Secretaria de Estado da Saúde prevê mais mutirões de cataratas para os primeiros meses de 2018. Atualmente, 13 unidades participam do mutirão em Santa Catarina. São elas: Hospital e Maternidade Rio do Testo (Pomerode), Hospital OASE (Timbó), Hospital Dom Joaquim (Brusque), Hospital Azambuja (Brusque), Hospital de Olhos (Blumenau), Hospital São Luiz (Campo Alegre), Hospital Nossa Senhora da Penha (Penha), Hospital São Donato (Içara), Hospital Maicé (Caçador), Hospital de Fraiburgo, Hospital Bethesda (Joinville), Hospital Nossa Senhora das Mercês (Iporã do Oeste) e Hospital de São Lourenço do Oeste. 

Informações adicionais
Gabriela Ressel
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Saúde
Telefone: (48) 3664-8822
E-mail: imprensa@saude.sc.gov.br/ secretariadeestadodasaude@gmail.com

 

 


Sinais do mural da FCEE representam palavra Vida. Foto: FCEE

Em 2017, o Governo do Estado de Santa Catarina, através da Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE) e da Secretaria de Estado da Educação, investiu cerca de R$ 280 milhões em educação especial, atingindo uma média de cerca de R$ 1 mil reais/mês por aluno, muito acima da média nacional de R$ 345, segundo dados do Ministério da Educação (MEC).

As ações da FCEE, como a concessão de 3,9 mil professores para atuação nas 215 instituições especializadas conveniadas, que incluem Apaes e congêneres, beneficiaram cerca de 21 mil pessoas com deficiência em todo o Estado, totalizando um investimento anual de R$ 153 milhões. Também foram repassados cerca de R$ 4,7 milhões em recursos para as instituições que optaram por contratarem diretamente os profissionais.

A capacitação dos profissionais que atuam nos serviços especializados de educação especial disponibilizados nas instituições conveniadas e nas escolas da rede regular de ensino envolveu R$ 158 mil em investimentos, que atingiram, em 2017, cerca de 3,5 mil profissionais de todo o Estado, que participaram de cursos e seminários de forma presencial ou à distância. Já as Assessorias Técnicas presenciais realizadas pela fundação em 2017 com o objetivo de qualificar os serviços beneficiaram 67 escolas da rede estadual de ensino e 58 instituições especializadas em sete Agências Regionais de Desenvolvimento (ADR).

Dentro do campus da FCEE, em São José, foram investidos mais de R$ 3,8 milhões para a realização de 1,1 mil atendimentos diários nas áreas de estimulação essencial, reabilitação, educação profissional, atividade física e saúde, tecnologia assistiva, altas habilidades/superdotação, deficiência auditiva, visual, intelectual, transtorno do espectro autista, transtorno do déficit de atenção e hiperatividade e envelhecimento da pessoa com deficiência, além da realização de 688 atendimentos em avaliação diagnóstica e concessão de 2.185 benefícios para pessoas com deficiência.

Na área de pesquisas, foram investidos mais R$ 25 mil, que permitiram a distribuição de publicações técnicas, o desenvolvimento de 13 pesquisas científicas, a elaboração de 16 produções técnicas e o desenvolvimento de quatro grupos de estudos na área da educação especial.

Informações adicionais para a imprensa:
Aline Buaes
Assessoria de Imprensa 
Fundação Catarinense de Educação Especial - FCCE
E-mail: imprensa@fcee.sc.gov.br
Fone: (48) 3381-1693 / 99115-8918
Site: www.fcee.sc.gov.br


Fotos: Jeferson Baldo/GVG

Criciúma inaugura neste sábado, 6, a reforma completa da sede da prefeitura que ficou comprometida após sofrer dois incêndios em 2015. Para a realização da obra, o Governo do Estado repassou R$ 6 milhões que foram investidos na parte elétrica e reconstrução do edifício. Nesta sexta-feira, 5, o vice-governador e também ex-prefeito do município, Eduardo Pinho Moreira, realizou uma visita às novas instalações na companhia de outros ex-prefeitos e vices.

“Fico feliz por estar aqui e por poder ter contribuído com esta obra, que recebeu R$ 6 milhões do Governo do Estado. Uma reconquista para a cidade, que agora tem uma estrutura em condições de servir à população”, comentou o vice-governador.

>>> Acesse a galeria de fotos

A reforma do prédio iniciou em 2016 e passou por um processo complexo para garantir a arquitetura original do paço municipal inaugurado no centenário da cidade em 1980. A reinauguração marca as comemorações da cidade, que completa 138 anos neste dia 6 de janeiro. “Tivemos um aporte significativo do Governo do Estado e, se não fosse este apoio, não conseguiríamos realizar a obra”, enalteceu o prefeito Clésio Salvaro.

Prefeito de Criciúma de 1993 a 1996, o vice-governador relembra grandes obras que marcaram sua administração e o desenvolvimento da cidade, como a instalação do Sistema Integrado de Transporte Coletivo, o primeiro em Santa Catarina, e a implantação do Programa Saúde da Família, tornando-se referência no Ministério da Saúde. “Uma cidade que foi construída com muitas mãos, de administradores que deixaram marcas e conquistas e que hoje são lembrados pela atual administração. Um reconhecimento muito justo na véspera do aniversário da cidade”, finalizou Moreira.

Mais informações para a imprensa:
Paula Darós Darolt
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Criciúma
E-mail: imprensa@cua.adr.sc.gov.br
Telefone: (48) 3403-1018 / 99127-6838
Site: sc.gov.br/regionais/criciuma

Sabryna Sartott
Assessoria Gabinete Vice-Governador
E-mail: sabryna@gvg.gov.br
Fone: (48) 99138-8722


Foto: Julio Cavalheiro/Secom - 19/12/2017

O Governo do Estado realiza balanço das ações desenvolvidas em 2017 nos seis municípios de abrangência da ADR São Joaquim. O destaque do ano passado na região foi a inauguração da reabilitação da rodovia SC-110 e SC-390, trecho de 50 quilômetros, entre São Joaquim, passando pela cidade de Bom Jardim da Serra até o alto da Serra do Rio do Rastro, com investimentos de R$ 38 milhões. Fundamentais para o turismo e o desenvolvimento econômico da região, as obras de revitalização garantem mais segurança aos motoristas que trafegam pelas rodovias da Serra catarinense.


Foto: Julio Cavalheiro/Secom - 19/12/2017

A rodovia SC-114 também recebeu investimentos expressivos, como a reconstrução da SC-114, entre São Joaquim e Painel, com uma extensão de 55 quilômetros, inaugurada em março, onde foram aplicados R$ 87 milhões. Destaque também para o trecho de cinco quilômetros da Rodovia Caminhos da Neve, em São Joaquim, executado pelo Batalhão Ferroviário, com recursos do Governo do Estado, que garantiu R$ 9 milhões no convênio atual. A estrada Caminhos da Neve liga as serras catarinense e gaúcha. Dos 29 quilômetros do trecho catarinense, 14 já estão pavimentados e cinco estão em execução.

ADR São Joaquim realiza balanço anual de ações do Governo Estado na região
Foto: Elenise Melo Nunes/ADR São Joaquim

A secretária executiva da ADR São Joaquim, Solange Scortegagna Pagani, comemora os resultados de 2017, mesmo em ano com muitas dificuldades financeiras. “Fechamos 2017 com grandes conquistas, com a conclusão e a inauguração de importantes obras, principalmente com rodovias revitalizadas que, além de proporcionarem mais segurança, também possibilitam o desenvolvimento econômico da região”, destacou a secretária.

Confira as principais ações do Estado em cada cidade da Regional:

Bom Jardim da Serra: A Reabilitação da SC-110/SC-390 entre o alto da Serra do Rio do Rastro passando por Bom Jardim da Serra até São Joaquim proporcionou a melhoria do pavimento asfáltico, com mais de R$ 38 milhões aplicados nos 50 quilômetros de extensão. Outro aspecto importante da obra foi o reforço na sinalização da rodovia, com maior quantidade de tachinhas e delineadores entre o trecho urbano de Bom Jardim da Serra e o alto da Serra, com o objetivo de facilitar a visibilidade, já que no trecho, além de sinuoso, as condições de neblina são comuns. O comandante do Posto da Polícia Rodoviária do Mirante da Serra, sargento Bonetti, ressalta que a obra é de suma importância para proporcionar aos usuários da rodovia mais segurança. “A sinalização horizontal contribui muito para a diminuição do número de acidentes neste trecho da rodovia, pois nela, temos condições de neblina máxima”, destacou o sargento.

Bom Retiro: Com um investimento de R$ 8,2 milhões, Bom Retiro passou a contar com uma nova escola, inaugurada em agosto. A Escola de Ensino Médio Valmir Omarques Nunes oferece os cursos técnicos em agropecuária e informática. A escola com capacidade para 700 alunos dispõe de 12 salas de aula, sete laboratórios, sendo dois de informática, matemática, química, física, biologia e línguas. Conta ainda com um teatro arena e um auditório com capacidade para 220 pessoas e o Centro Esportivo e Cultural (Ginásio de Esportes), que inclui arquibancadas, palco, sala de jogos e infraestrutura dos vestiários. O prédio possui centro de convivência, biblioteca com dois pisos e centro administrativo integrado com professores.


Foto Arquivo / Escola

São Joaquim: A cidade de São Joaquim ganhou a revitalização das ruas centrais, por meio de um investimento do Governo do Estado, no valor de R$ 7,8 milhões. Executada pela Secretaria de Estado da Infraestrutura, a obra incluiu a construção de calçadas, drenagem, asfaltamento, placas e sinalização de trechos das ruas Murilo Bortoluzzi, Marcos Batista, Egidio Martorano, Lauro Muller, Praça João Ribeiro e Praça Cesário Amarante, além da Manoel Joaquim Pinto e Major Jacinto Goulart, que receberam o pavimento em paver. Foram revitalizados 2,31 quilômetros. Por meio da Agência de Desenvolvimento Regional de São Joaquim, o Governo do Estado também investiu R$ 223 mil na aquisição do mobiliário urbano e paisagismo, deixando a cidade de São Joaquim mais bonita e aconchegante para receber os turistas.


Foto: Elenise Melo Nunes/ADR São Joaquim

Urubici: As ruas Nereu Ramos, no centro e Pedro Custódio foram pavimentadas oferecendo mais mobilidade no município de Urubici, que aplicou R$ 1,5 milhão por meio do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam). A obra possibilitou a ligação asfáltica às principais avenidas Adolfo Konder e Francisco Antonio Ghizoni. Nos seis municípios que compõem a Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) São Joaquim, o investimento do Governo do Estado através do Fundam foi de aproximadamente R$ 9 milhões.

ADR São Joaquim realiza balanço anual de ações do Governo Estado na região
Foto: Elenise Melo Nunes/ADR São Joaquim 

Urupema: Em Urupema estão duas das 11 queijarias em construção realizadas através do Programa SC Rural. As duas queijarias de Urupema somam um investimento de R$ 68,7 mil, sendo R$ 34,3 mil pelo SC Rural e R$ 34,3 mil de contrapartida do produtor, custeado através do FDR – Fundo de Desenvolvimento Rural. A construção das queijarias tem como objetivo a fabricação de queijo artesanal serrano e visa a legalização da produção e comercialização em propriedades de pecuaristas familiares.

Com a construção da queijaria, o produto passará a ter o SIM - Serviço de Inspeção Municipal com possibilidade de equivalência ao SISBI através do consórcio CISAMA e poderá ser comercializado em qualquer parte do país.

A produção de queijo demonstra ser essa uma alternativa de renda viável, capaz de manter os agricultores no meio rural, produzindo um alimento com segurança alimentar e com grande demanda pela sociedade. Juntas, as 11 queijarias construídas nos municípios da ADR São Joaquim somam um investimento de R$ 372,1 mil, sendo pelo SC Rural R$ 180,9 mil.

Rio Rufino: Umas das grandes conquistas de Rio Rufino foi o início das obras do Centro de Referência de Assistência Social (Cras). A obra de 171 metros quadrados começou em novembro, e cada unidade será responsável pela organização e pela oferta de serviços da proteção social básica nas áreas de vulnerabilidade. Serão investidos na unidade aproximadamente R$ 300 mil, incluindo mobiliário.

Informações adicionais para a imprensa:
Elenise Melo Nunes
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de São Joaquim
E-mail: imprensa@sjq.sdr.sc.gov.br 
Telefone: (49) 3233-8301 / 99102-5054 / 99148-1016
Site:sc.gov.br/regionais/saojoaquim

Página 80 de 321