Cerca de 501 mil estudantes da rede estadual iniciam as aulas na próxima quinta-feira, 15 de fevereiro. Para apresentar as ações e os programas que serão executados ao longo deste ano, o secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira, 9, em Florianópolis. O secretário falou na continuidade do seu trabalho, na sexta-feira, 2, conversou com o vice-governador Eduardo Pinho Moreira, e aceitou o convite para ficar à frente da pasta, e destacou a permanência da sua equipe e a consolidação dos programas em execução pela Secretaria. 

“De maneira geral nossas escolas estão prontas para receber os mais de 500 mil alunos na próxima semana. Trabalhamos para isso desde novembro com o planejamento necessário para que estivesse tudo certo. Temos problemas pontuais, mas nada que possa prejudicar a aprendizagem dos alunos, pois se não tiverem aula em um dia, esta certamente será reposta”, explica Deschamps.

O foco da coletiva foram as três áreas de atuação da Educação: Pedagógica, Infraestrutura e Gestão.  Na área Pedagógica, destaque para a continuidade do Ensino Médio Integral em Tempo Integral ofertado este ano em 30 escolas, sendo 13 com oferta para a  1ª e 2ª série, e 17, que iniciam o programa este ano, ofertarão apenas a 1ª série. A novidade desta área é o primeiro Ciclo de Avaliação do Ensino Médio da Rede Estadual, que irá avaliar 11.600 estudantes matriculados na primeira série do Ensino Médio, em 126 escolas estaduais. O objetivo é monitorar os programas em desenvolvimento e resultados para o planejamento de políticas e ações estratégicas voltadas à melhoria da qualidade do ensino.  A 1ª etapa está prevista para março, com a avaliação.

A Secretaria aderiu este mês o Programa Mais Alfabetização, que visa fortalecer e apoiar as escolas no processo de alfabetização dos estudantes matriculados nos 1º e 2º anos iniciais do ensino fundamental. “Aderimos ao programa e agora as escolas estão fazendo a sua adesão, caso queiram. A partir daí serão contratados aos profissionais para atuarem nas escolas”, explica Deschamps.

A Tecnologia Educacional também estará em evidência este ano. Em consonância com as metas do Plano de Inovação e Tecnologia Educacional de Santa Catarina (PEITE/SC), estão sendo adquiridos, por meio de registro de preço, com investimento de R$ 96,5 milhões, diversos equipamentos para todas as escolas, como: computadores, notebooks, tablets, lousas digitais, televisores, projetores entre outros, que serão entregues durante o ano. “Vamos revitalizar e modernizar nosso parque tecnológico. Nossos alunos merecem trabalhar com o que há de melhor em tecnologia e estamos atuando para isso. O aumento da velocidade de internet da Rede de Governo também está em andamento e teremos muitos ganhos para todas as escolas da rede”, afirma o secretário destacando o compromisso da SED. Sobre conectividade o foco é na conexão de 100Mbps para 100 escolas, as escolas do EMIEP, EMITI e EMI que receberão 30Mbps, e as 370 escolas que passarão a trabalhar com 10Mbps.

Ainda em tecnologia, os aplicativos Professor e Estudante Online receberão diversas melhorias e funcionalidades, inclusive com acessibilidade para deficientes visuais. Após o projeto piloto, que beneficiou 7.353 alunos da Capital, a expectativa é disponibilizar a matrícula online para toda as escolas do Estado.

MATERIAL ESCOLAR

Kits diferentes para alunos do Ensino Fundamental Anos Iniciais,  Anos Finais, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos estão sendo entregues nas regionais para serem repassados as escolas. Os alunos beneficiados são os com maior vulneabilidade social. Os kits contém: lápis, caneta, borracha, régua, tesoura, canetinha, compasso, esquadro, transferidos, entre outros, dependendo da modalidade de ensino. O investimento é de R$ 4.730.855,01.

NOVOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO

No dia 1º de fevereiro, 1 mil professores e profissionais para a área administrativa das escolas foram efetivados no quadro do magistério estadual catarinense. Foram 600 professores do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano) e do Ensino Médio e 400 profissionais para a área administrativa: Assistente de Educação, Supervisor Escolar, Administrador Escolar e Orientador Educacional. Os profissionais já iniciaram seu trabalho nas escolas e participaram as formações ao longo desta semana. Esta foi a primeira chamada do concurso público que é válido por 2 anos, prorrogável por mais 2. Desta forma, novos profissionais da educação devem ser chamados para ingressar no magistério estadual nos próximos anos.

GESTÃO ESCOLAR

A Sistemática de Avaliação da Gestão Escolar (SAGE) ganha uma nova edição. Este ano a avaliação é sobre a atuação dos gestores escolares ao longo de 2017. Também serão realizadas formação continuada para os diretores de escola; Seminário Estadual: Socialização de Práticas de Gestão Escolar; formação continuada para o diretor e 3 membros do Conselho Deliberativo Escolar (CDE), sendo 1 profissional, 1 estudante e 1 responsável por estudante; e 40 Seminários Regionais de Gestão Escolar: Gestão Democrática e o papel do Conselho Deliberativo Escolar. Trabalha-se ainda para publicação de um Caderno Pedagógico com relato de 39 diretores escolares, sobre a implementação do Plano de Gestão Escolar.

BOLSAS UNIVERSITÁRIAS DE SANTA CATARINA (UNIEDU)

Mais de 24 mil bolsas de graduação devem ser ofertadas ao longo deste ano. As bolsas são de 25 a 100% do valor da mensalidade de 67 Instituições de Ensino Superior do sistema ACAFE e privadas. O investimento é de cerca de R$ 110 milhões para graduação e pós graduação. Neste momento, estão abertas as inscrições para cadastramento dos estudantes para bolsas de graduação. Mais informações: www.uniedu.sed.sc.gov.br

ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

Na alimentação escolar o destaque é o novo modelo de contagem da alimentação escolar implantado em 2017 em 400 escolas. Cada aluno recebeu uma carteirinha e toda vez que vai se alimentar na escolar passa pela leitura eletrônica por meio do tablets ou leitor de código de barras para contabilizar o consumo. A ferramente gerou economia e tornou o sistema mais transparente e eficaz. A meta para este ano é implantar a contagem em todas as escolas com mais de 500 alunos, além de capacitar os gestores escolares e servidores responsáveis pelo processo da alimentação escolar para utilizarem a ferramenta.

A agricultura familiar também esteve em destaque. O investimento previsto para este ano é de R$ 20,5 milhões, o que representa 50% do valor repassado pelo PNAE/FNDE. A lei exige mínimo de 30%.Na fase de credenciamento, 31 cooperativas registraram interesse em participar da oferta dos alimentos. A inserção da agricultura familiar na alimentação escolar, integra uma política que busca atender de forma mais saudável e sustentável as necessidades nutricionais dos estudantes e fomentar o desenvolvimento do pequeno agricultor. Além disso, outros benefícios são obtidos tais como: criação das cadeias curtas de produção e comercialização que aproxima a relação entre produtores e consumidores, fortalecimento das relações sociais, valorização da diversidade produtiva, possibilitando o acesso a alimentos saudáveis e de qualidade na perspectiva das promoções de segurança alimentar e nutricional.

TRANSPORTE ESCOLAR

Novos ônibus escolares devem ser adquiridos pelo Governo do Estado para repasse aos municípios ao londo de 2018. A previsão é de 131 veículos, com investimento de R$ 22 milhões. Neste momento está sendo feito o registo de preço via FNDE, para depois fazer a compra.

A Secretaria da Educação tem parceria com os municípios catarinenses para oferta do transporte escolar. Um acordo firmado entre o Governo do Estado e a FECAM definiu um aumento significativo no repasse de recurso aos municípios este ano. O novos valores a serem pagos aos municípios pelo transporte escolar dos alunos da rede estadual são quase R$ 5,8 milhões a mais que em 2017, sendo o investimento de R$ 87,6 milhões.

- Aumento de 7,5% para aluno transportado a uma distância acima de 24 Km;

- Aumento de 7,5% para alunos transportados a uma distância entre 12 e 24 Km;

- Aumento de 9% para alunos transportados a distâncias compreendidas entre 6 e 12 Km.

INFRAESTRUTURA

Alunos de 9 escolas iniciarão as aulas em uma nova unidade. A Sed entregou para este início de ano letivo, 9 novas escolas de ensino médio e Cedups. Outras três escolas entregues foram completamente reformadas ou ampliadas pelo Pacto pela Educação. Além dessas, 163 escolas estão com obras em andamento, o que não prejudica o andamento das aulas.

INFORMAÇÕES IMPORTANTES

Algumas escolas pediram a reorganização do calendário escolar devido as obras que estão sendo finalizadas nas unidades. Todas as escolas que tiverem suas aulas adiadas estão organizando o calendário de reposição.

AULAS INICIAM NO DIA 15 DE FEVEREIRO COM EXCEÇÃO:

Início ano letivo dia 19 de fevereiro

- Todas as turmas de Ensino Médio Integral de 27 escolas. Apenas as escolas EEB Casimiro de Abreu, de Curitibanos, EEB Gomes Carneiro, de Xaxim, e EEB Max Tavares D’ Amaral, de Blumenau, iniciam as aulas dia 15.

- EEB Pedro Bitencourt, Imaruí, e alunos do Ensino Fundamental Anos Finais da EEB Henrique Estefano Koerich, Palhoça.

Início ano letivo dia 20 de fevereiro

EEB Laércio Caldeira de Andrada, São José

Início ano letivo dia 26 de fevereiro

EEB Cecília Rosa Lopes, São José, EEB São Miguel, São Miguel do Oeste, e EEB Santa Catarina, São Francisco do Sul.

Agenda – INÍCIO ANO LETIVO

- quinta-feira, 15, 8h30, Abertura Oficial do ano letivo na EEB Industrial de Lages. Presenças confirmadas: secretário Eduardo Deschamps e governador Raimundo Colombo.

Fonte: Assessora de Comunicação da Secretaria de Estado da Educação SC

Informações adicionais para a imprensa
Fabrícia Silveira Carneiro
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Laguna
E-mail: imprensa@lga.sdr.sc.gov.br
Fone: (48) 3647-7707 / 98843-3563
Site: sc.gov.br/regionais/laguna

A Agência de Desenvolvimento Regional de Laguna não terá expediente nesta sexta-feira, 2, em virtude de feriado municipal em homenagem a padroeira Nossa Senhora dos Navegantes.

A tradicional festa em louvor a Nossa Senhora dos Navegantes acontece no bairro Magalhães.

Informações adicionais para a imprensa
Fabrícia Silveira Carneiro
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Laguna
E-mail: imprensa@lga.sdr.sc.gov.br
Fone: (48) 3647-7707 / 98843-3563
Site: sc.gov.br/regionais/laguna


Foto: Fabrícia Carneiro/ADR Laguna

Cerca de mil professores e profissionais para a área administrativa das escolas foram efetivados no quadro do magistério estadual catarinense nesta quinta-feira, 1° de fevereiro. Os profissionais ingressantes da Educação foram aprovados no concurso público realizado no ano passado. Para as escolas de abrangência da 18ª Gered o ato de posse foi realizado na sede da 18ª Agência do Desenvolvimento Regional de Laguna,  com a efetivação de 20 profissionais.

O ato foi acompanhado pelo secretário da ADR, Luiz Felipe Remor, que parabenizou os novos efetivos pela conquista e destacou as responsabilidades e o comprometimento que carreira profissional exige. Participaram ainda o gerente de Educação, Mario Alano Martins e coordenado pela supervisora de Desenvolvimento Humano, Mônica Nunes Santana e suas integradoras.

Na regional de Laguna foram empossados 13 professores, os quais atuarão nas disciplinas: de química, física, biologia, língua portuguesa, história, geografia, física, sociologia, filosofia, língua estrangeira – espanhol, língua inglesa, educação física e arte. Para área administrativa serão oito novos profissionais: dois orientadores educacionais, dois assistentes educacionais, dois supervisores escolares e dois administradores escolares.

Em todo Estado serão 600 professores do Ensino Fundamental (1º ao 5º ano) e do Ensino Médio, bem como 400 profissionais para a área administrativa: Assistente de Educação, Supervisor Escolar, Administrador Escolar e Orientador Educacional, para atuar nas escolas da Rede Pública Estadual de Ensino de Santa Catarina, dentre estes, também, para o atendimento nas escolas indígenas.

“Esses novos ingressantes chegam para contribuir com o trabalho já realizado pelos cerca de 20 mil profissionais efetivos da educação. Este é o segundo concurso que realizamos em menos de 6 anos com a chamada de mais de 5 mil profissionais. Estamos efetivando com muita responsabilidade para atender as demandas, mas pensando a longo prazo olhando os números”, destaca a secretária em exercício, Elza Marina Moretto.

Esta é a primeira chamada deste concurso público, que tem validade por 2 anos, sendo prorrogável por mais 2. Desta forma, novos profissionais da educação devem ser chamados para ingressar no magistério estadual nos próximos anos.

Informações adicionais para a imprensa
Fabrícia Silveira Carneiro
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Laguna
E-mail: imprensa@lga.sdr.sc.gov.br
Fone: (48) 3647-7707 / 98843-3563
Site: sc.gov.br/regionais/laguna

 


Foto: ADR Laguna

A gerência de Educação da 18ª ADR promoveu nesta quarta-feira, 31, a primeira reunião do ano para diretores e assistentes de direção. O encontro foi realizado na sede do Centro de Jovens e Adultos, em Laguna, reunindo cerca de 80 profissionais das 31 escolas de abrangência da regional.

A pauta contemplou a planejamento para realização da formação continuada nas escolas de 5 a 9 de fevereiro; as enturmações e pareceres refentes a educação especial; os programas Com Vida, Nepre e Novos Valores e a apresentação do calendário referente aos programas: Programa Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (Pnaic), Programa Estadual Novas Oportunidades de Aprendizagem (Penoa) e Mais Alfabetização.

O Núcleo de Tecnologias por meio de sua equipe apresentou um esboço de como ficarão os procedimentos para atendimento, manutenção de equipamentos e visitação nas unidades escolares. Ainda foram abordadas a aplicação dos cursos Google for education, Introdução do Lego Educacional e a Oficina sobre Ferramentas do Google.

A Supervisão de Políticas e Planejamento Educacional falou sobre as ações do Núcleos de Educação, Prevenção, Atenção e Atendimento às Violências na Escola (NEPRE); dosatuantes do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência nas unidades escolares e a inclusão do Nepre no Projeto Político Pedagógico (PPP).

O encontro foi acompanhado pelo gerente de Educação, Mario Alano Martins e contou com a participação dos supervisores: de Gestão de Rede, Daisi da Silva Santos; de Parceria com os Municípios, Eraldo Raimundo; de Políticas e Planejamento Educacional, Olga Júlia Romualdo; integradores, Sérgio de Oliveira e Sueli Vieira e da tutora de Gestão Escolar, Mithie Silva.

Informações adicionais para a imprensa
Fabrícia Silveira Carneiro
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Laguna
E-mail: imprensa@lga.sdr.sc.gov.br
Fone: (48) 3647-7707 / 98843-3563
Site: sc.gov.br/regionais/laguna