Nesta sexta-feira e sábado, 20 e 21, 19 equipes do Corpo de Bombeiros Militar e seis equipes de Associações de Bombeiros Voluntários do Estado estarão no Oeste, nas cidades de Joaçaba e Herval D’Oeste, para a 2° Seletiva Catarinense de Resgate Veicular. O objetivo do desafio é promover o conhecimento técnico e as habilidades de resgate e desencarceramento de vítimas presas a ferragens, entre os bombeiros e profissionais de emergências que atuam nas situações de acidentes veiculares ou traumas graves.

O Centro de Comunicação Social do Corpo de Bombeiros Militar utilizará o Facebook da corporação para transmitir as provas ao vivo. O objetivo é integrar bombeiros do mundo todo e compartilhar as manobras desenvolvidas durante o campeonato como forma de aprimoramento técnico entre os profissionais da área. As transmissões serão feitas pela página www.fb.com/CBMSC.

A abertura do evento será às 10h desta sexta-feira, 20, no Centro de Eventos da Unoesc em Joaçaba.

Provas

 A competição consiste em resgatar vítimas de cenas que simulam acidentes de trânsito, utilizando protocolos mundiais e padronizados de atendimento. Tudo é retratado da forma mais fidedigna possível.

Os requisitos avaliados no Desafio de Resgate Veicular estão presentes nas Guias de Avaliação da Organização Mundial de Resgate .

O desafio consiste no atendimento de ocorrências divididas em três tipos: Manobra Rápida, Manobra Standard e Manobra Complexa. Normalmente, em função da dificuldade logística, são realizadas apenas duas manobras nos desafios em âmbito nacional. Os cenários são previamente sorteados por membros da Associação Brasileira de Resgate e Salvamento, sendo que nenhuma equipe terá acesso previamente.

a) Manobra Rápida: 10 minutos de duração. 2 veículos. 1 vítima inconsciente (Encarceramento Tipo Físico I);

b) Manobra Standard: 20 minutos de duração. 2 veículos. 1 vítima consciente (Encarceramento Tipo Físico I);

c) Manobra Complexa: 30 minutos de duração. 2 veículos. 2 vítimas (Encarceramento Tipo Físico I e Encarceramento Tipo Físico II).

Veículos

Para a realização das manobras são utilizados veículos totalmente descontaminados, sem combustível e óleo. Estes veículos são colapsados com emprego de maquinário pesado, visando tornar o cenário o mais próximo possível da realidade. São utilizados outros elementos como defensas, guardrails, postes e árvores. Visando também a aproximação com a realidade das ruas, todas as vítimas são reais. São pessoas que realizam o curso de figuração e que também atuam como avaliadores da equipe de APH.

 As equipes são compostas por sete pessoas: Comandante, Resgatista 1, Resgatista 2, Logística, Socorrista 1, Socorrista 2 e Suplente (caso queiram). Podem ser componentes das equipes: bombeiros militares, bombeiros civis profissionais, bombeiros comunitários, bombeiros voluntários e profissionais do Samu.

Por ser um estado ativo junto à Associação Brasileira de Resgate e Salvamento, Santa Catarina possui duas vagas para o Desafio Nacional de Resgate, em Curitiba, em julho. Posteriormente, as quatro melhores equipes poderão participar do World Rescue Challenge 2018, na Cidade do Cabo, na África do Sul.

Informações adicionais para a imprensa
Krislei Oechsler
Assessoria de Imprensa 
Corpo de Bombeiros Militares de Santa Catarina - CBMSC
E-mail: ccs@cbm.sc.gov.br
Fone: (48) 3251-9614 / 98843-4427
Site: www.cbm.sc.gov.br

Centro Regional da Defesa Civil é inaugurado em Joaçaba
Foto Mayelle Hall / ADR Joaçaba

O secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, inaugurou em Joaçaba nesta sexta-feira, 23, o Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cigerd). O investimento do Governo do Estado, por meio do Fundo Estadual de Proteção e Defesa Civil, foi de R$ 886 mil.

“O Governo de Santa Catarina, por meio da Secretaria de Estado da Defesa Civil, realiza o maior investimento da história em prevenção a desastres. São obras de contenção e inteligência que permitem atuação mais eficaz”, destacou Moratelli, acrescentando que a Defesa Civil de Santa Catarina é referência nacional em prevenção, preparação e resposta a desastres.

O Cigerd de Joaçaba é um dos 20 centros regionais que serão viabilizados em Santa Catarina. Todos estarão interligados com o Cigerd de Florianópolis, permitindo contato direto com a base e facilitando a gestão da crise e resposta rápida ao cidadão. “É o ponto de encontro das autoridades para tomarem as decisões quando a região for atingida por eventos meteorológicos adversos”, ressaltou o secretário.

Com nove módulos de ferro galvanizado e cerca de 160 metros quadrados, o Cigerd de Joaçaba é uma estrutura autossuficiente, capaz de se manter operacional mesmo com falta de energia elétrica na cidade. Possui equipamentos modernos, sala de reunião e situação, escritório, depósito, alojamento, banheiro e cozinha. O atendimento contempla os municípios de Água Doce, Capinzal, Catanduvas, Erval Velho, Herval d’ Oeste, Ibicaré, Joaçaba, Lacerdópolis, Luzerna, Ouro, Tangará, Treze Tílias e Vargem Bonita. O coordenador regional é o sargento Adair José Flamia, cedido pelo 11º Batalhão de Bombeiros Militar.

Ao lado do Cigerd de Joaçaba, no Bairro Vila Remor, está instalado o Centro de Logística da Defesa Civil (Celog), com material de ajuda humanitária para atender as regiões Meio-Oeste e Oeste. As estruturas foram viabilizadas em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (SED), que cedeu o terreno.

O ato de inauguração do Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres foi prestigiado pelo secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional de Joaçaba, Rafael Laske, além de prefeitos e vereadores da região, representantes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Tiro de Guerra, Samu, imprensa e comunidade em geral.

Informações adicionais para a imprensa
Mayelle Hall
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Joaçaba
E-mail: imprensa@jca.sdr.sc.gov.br
Telefone: (49) 3527-9339 / 98837-9450 / 99924-2717
sc.gov.br/regionais/joacaba

Centro Regional da Defesa Civil será inaugurado nesta sexta-feira em Joaçaba
Foto: Mayelle Hall / ADR Joaçaba

O secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, inaugura em Joaçaba nesta sexta-feira, 23, o Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cigerd), construído no Bairro Vila Remor, ao lado da antiga Escola Oscar Rodrigues da Nova. O ato será às 15h.

Com investimento de R$ 853 mil do Governo do Estado, por meio do Fundo Estadual de Proteção e Defesa Civil, o Cigerd de Joaçaba é um dos 20 centros regionais que estão sendo inaugurados em Santa Catarina. Todos estarão interligados com o Cigerd de Florianópolis, permitindo contato direto com a base em caso de evento adverso na região e facilitando a gestão da crise e resposta rápida ao cidadão.

O Cigerd de Joaçaba possui nove módulos metálicos e tem cerca de 160 metros quadrados. É uma estrutura autossuficiente, capaz de se manter operacional mesmo com falta de energia elétrica na cidade. Possui equipamentos modernos, sala de reunião e situação, escritório, depósito, alojamento, banheiro e cozinha. O atendimento contempla 13 municípios: Água Doce, Capinzal, Catanduvas, Erval Velho, Herval d’ Oeste, Ibicaré, Joaçaba, Lacerdópolis, Luzerna, Ouro, Tangará, Treze Tílias e Vargem Bonita. O coordenador regional é o sargento Adair José Flamia, cedido pelo 11º Batalhão de Bombeiros Militar.

Ao lado do Cigerd de Joaçaba está instalado o Centro de Logística da Defesa Civil (Celog), com material de ajuda humanitária para atender as regiões Meio-Oeste e Oeste. As estruturas foram viabilizadas em parceria com a Secretaria de Estado da Educação (SED), que cedeu o terreno.

Informações adicionais para a imprensa
Mayelle Hall
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Joaçaba
E-mail: imprensa@jca.sdr.sc.gov.br
Telefone: (49) 3527-9339 / 98837-9450 / 99924-2717
sc.gov.br/regionais/joacaba

Joaçaba - Municípios da ADR assinam convênios do transporte escolar 2018
Foto: Mayelle Hall / ADR Joaçaba

O Governo do Estado vai repassar R$ 2,6 milhões aos 13 municípios de abrangência da Agência de Desenvolvimento Regional de Joaçaba para o transporte escolar 2018. O recurso contempla 2.954 alunos da rede pública estadual, do ensino fundamental e do ensino médio.

Os convênios foram assinados nesta segunda-feira, 12, pelo secretário executivo Rafael Laske e os prefeitos de Água Doce, Capinzal, Catanduvas, Erval Velho, Herval d’ Oeste, Ibicaré, Jaborá, Joaçaba, Lacerdópolis, Luzerna, Ouro, Treze Tílias e Vargem Bonita. O ato foi acompanhado pela gerente de Educação, Seila Ribeiro, e pela supervisora de Articulação com os municípios da Gered, Larissa Mendes da Silva.

O valor destinado a cada município varia de acordo com o número de estudantes e a distância percorrida até as escolas. O recurso será liberado em nove parcelas, a partir de abril. Em 2017, os municípios da ADR Joaçaba receberam R$ 2,3 milhões para custearem o transporte dos alunos da rede estadual.

Aumento

A Secretaria de Estado da Educação (SED) e a Federação Catarinense de Municípios (Fecam) entraram em acordo sobre os novos valores a serem pagos este ano pelo transporte escolar. O montante repassado pelo Estado passou de cerca de R$ 81,8 milhões em 2017 para R$ 87,6 milhões em 2018.

MUNICÍPIO

TOTAL ALUNOS

TOTAL R$

Água Doce

256

417,9 mil

Capinzal

564

407,6 mil

Catanduvas

382

280,5 mil

Erval Velho

137

126,4 mil

Herval d’ Oeste

171

171 mil

Ibicaré

151

120 mil

Jaborá

113

173,3 mil

Joaçaba

449

330,4 mil

Lacerdópolis

84

64,8 mil

Luzerna

46

42,2 mil

Ouro

315

244,7 mil

Treze Tílias

97

76,8 mil

Vargem Bonita

189

196,7 mil

TOTAL

2.954

2,6 milhões

Informações adicionais para a imprensa
Mayelle Hall
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional de Joaçaba
E-mail: imprensa@jca.sdr.sc.gov.br
Telefone: (49) 3527-9339 / 98837-9450 / 99924-2717
sc.gov.br/regionais/joacaba