Dando continuidade às comemorações dos 156 anos de nascimento do poeta João da Cruz e Sousa, o Museu Histórico de Santa Catarina promove no dia 5 de dezembro, às 18h, uma Conversa no Museu, com as curadoras e os artistas das exposições Dizer e Ver Cruz e Sousa e Abalo. A entrada é gratuita.

Haverá também apresentações artísticas com performance do artista Franzoi; poemas recitados pelo ator João Batista Costa (JB); e as versões musicais cantadas pelo músico Pepê Machado.

A exposição “Dizer e Ver Cruz e Sousa” segue aberta até 10 de dezembro, na Sala Martinho de Haro. A coletiva reúne obras de 29 artistas, como Cássia Aresta, Carlos Asp, Raquel Stolf, Diego de Los Santos, Sandra Alves, Rubens Oestroem, Silvana Leal, Pedro Driin, e que dialogam com aspectos da vida e obra do simbolista. A curadoria é das professoras do Centro de Artes (Ceart) da Udesc Rosângela Cherem e Juliana Crispe.

Já Abalo é uma intervenção artística nos jardins do Palácio Cruz e Sousa que vai até 4 de março de 2018. Tendo à frente 16 artistas, entre elas Andreza Guerner, Rosana Bortolin, Marta Martins e Anete George, a mostra consiste em duas instalações: uma com troncos de madeira e outra com tijolos. Na primeira, os troncos exibirão colagens e trechos de poemas do simbolista para construir uma espécie de “paisagem humana do Brasil”. A segunda terá como matéria-prima tijolos de cerâmicas que trarão impressos palavras extraídas dos poemas “Livre!”, “Litania dos Pobres”, “Tortura Eterna” e “Invulnerável”. Cada tijolo representará uma palavra e eles serão colocados nos jardins do palácio para que sejam manipulados pelo público, formando novos versos.

Serviço:

O quê: Conversa no Museu sobre as exposições Dizer e Ver Cruz e Sousa e Abalo
Quando: 5 de dezembro, às 18h
Onde: Museu Histórico de Santa Catarina - Sediado no Palácio Cruz e Sousa
Praça XV de Novembro - Centro - Florianópolis (SC)
Entrada gratuita
Mais informações: (48) 3665-6363
Evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/132217194129253/

Informações adicionais para a imprensa
Fernanda Peres
Assessoria de Imprensa 
Fundação Catarinense de Cultura - FCC
E-mail: fernanda@fcc.sc.gov.br
Fone: (48) 3664-2571/ 98802-1822
Site: www.fcc.sc.gov.br


Obra Macunaiara, de Fernando Lindote. Foto: Reprodução

Em visita a Florianópolis para acompanhar os vencedores do 6º Prêmio Marcantonio Vilaça para as Artes Visuais, Marcus Lontra - coordenador do prêmio - se reunirá com o artista Fernando Lindote e o curador Josué Mattos, ambos ganhadores da edição 2017, no Museu de Arte de Santa Catarina (Masc), para um debate aberto sobre as próximas etapas do evento. O encontro será na próxima quarta-feira, 6, às 19h, com entrada gratuita.

Na ocasião, Lontra fará uma apresentação sobre a história deste que é considerado o principal prêmio de artes visuais do Brasil. Fernando Lindote e Josué Mattos apresentarão suas respectivas pesquisas, desenvolvidas para as exposições do Prêmio, que ocorrerão a partir de março de 2018 em Goiânia, Rio de Janeiro, Fortaleza e Porto Alegre.

Sobre os participantes

Marcus Lontra é crítico de arte e curador independente. Foi diretor dos Museus de Arte Moderna, de Brasília, do Rio de Janeiro e de Recife. Foi curador, entre outras, das mostras: “Como vai você, geração 80?” (junto com Sandra Magger e Paulo Roberto Leal); “Infância perversa”, no MAM- RJ. Atualmente é curador da exposição “Amélia Toledo: lembrei que esqueci”.

Fernando Lindote é artista visual. Faz uso de diversas linguagens em seu trabalho – instalações, performances, pintura, fotografia, vídeo, desenho e escultura. Já expôs individualmente, entre outros espaços, no Centro Cultural Banco do Brasil no Rio de Janeiro; Instituto Tomie Ohtake (SP) e MAM - Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro.

Josué Mattos é diretor e curador do Masc. Graduou-se em História da Arte e Arqueologia na Université Paris X Nanterre e concluiu mestrados em História da Arte contemporânea (Paris X) e Práticas Curatoriais (Paris I Panthéon-Sorbonne). A convite do Sesc Sorocaba, concebeu o projeto “Frestas - Trienal de Artes” e assumiu a curadoria da primeira edição.

Informações adicionais para a imprensa
Fernanda Peres
Assessoria de Imprensa 
Fundação Catarinense de Cultura - FCC
E-mail: fernanda@fcc.sc.gov.br
Fone: (48) 3664-2571/ 98802-1822
Site: www.fcc.sc.gov.br


Foto: ADR Joinville

O Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires, unidade Joinville, teve 219 filhos de civis e 43 filhos de militares inscritos para as 70 vagas do sexto ano do ensino fundamental. Pais, alunos e responsáveis podem acompanhar o sorteio no dia 7 de dezembro, às 17h, para filhos de militares e, às 18h30, para a comunidade. As vagas são divididas entre filhos de militares e civis, sendo 40% destinadas à comunidade.

Em Blumenau, 273 civis e 28 militares se inscreveram. Em Lages, 318 civis e 23 militares.

A EEB Osvaldo Aranha, no Bairro Glória, vai continuar a oferecer o ensino médio regular no período da manhã e, à tarde, acontecem as aulas do Colégio Policial Militar com duas turmas do sexto ano. "As vagas e as séries serão ampliadas gradativamente até chegarmos ao ensino médio", comenta o diretor, tenente-coronel Hélio César Puttkammer.

As pré-matrículas serão realizadas nos dias 18 e 19 de dezembro, entre 13h e 18h. Elas serão efetivadas nos dias 22 e 23 de janeiro de 2018, depois da entrega dos originais do histórico escolar do estudante com aprovação no quinto ano do ensino fundamental.

Informações adicionais para a imprensa:
Ana Paula Keller
Assessoria de imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Joinville
E-mail: anakeller@jve.adr.sc.gov.br / imprensa@jve.adr.sc.gov.br
Telefone: (47) 3461-1225 / 99240-8064
Site: sc.gov.br/regionais/joinville

A Secretaria de Estado da Fazenda informa que não interfere no preço dos combustíveis. Quem determina é o próprio mercado. A Administração Tributária apenas acompanha a evolução do preço dos combustíveis para fins de atualização da base de cálculo do ICMS. A base de cálculo é estabelecida a partir do preço medido do combustível no mercado varejista (preço de bomba) de Santa Catarina. Quando o preço sobe, a base de cálculo sobe, e vice-versa. 

"O objetivo é manter uma coerência entre a base de cálculo do imposto e o preço médio do combustível na bomba", explica o auditor fiscal Vantuir Epping, coordenador do Grupo Especialista em Combustíveis, da Fazenda.

Importante destacar que as atualizações da base de cálculo (para mais ou para menos) normalmente causam impacto pouco relevante no preço do combustível, como demonstra o histórico recente.


GASOLINA:

Período         Base de Cálculo             Alíquota          ICMS por Litro

Jan/17                R$ 3,72                     25%                R$ 0,93

Fev-Mai/17          R$ 3,76                     25%                R$ 0,94

Jun-Ago/17         R$ 3,59                     25%                R$ 0,90

Set-Out/17         R$ 3,71                     25%                R$ 0,93

Nov/17               R$ 3,77                     25%                R$ 0,94

Dez/17               R$ 3,96                     25%                R$ 0,99 

DIESEL:

Período         Base de Cálculo             Alíquota          ICMS por Litro

Jan/17                R$ 2,98                     12%                R$ 0,36

Fev-Mai/17          R$ 3,05                     12%                R$ 0,37

Jun-Ago/17         R$ 2,88                     12%                R$ 0,35

Set-Nov/17         R$ 2,95                     12%                R$ 0,35

Dez/17               R$ 3,04                     12%                R$ 0,36


Em razão dos recentes reajustes de preços, a Secretaria da Fazenda promoveu o ajuste das bases de cálculo do ICMS dos combustíveis, passando a refletir o novo patamar de preços médios do mercado catarinense. Portanto, a atualização da base de cálculo é uma consequência (não a causa) do reajuste do preço dos combustíveis. Tanto é assim que os preços vem sendo reajustados desde o início de novembro e a base de cálculo foi atualizada somente agora.

Muito embora a atualização da base de cálculo tenha ocasionado uma variação no valor do ICMS de novembro para dezembro, de R$ 0,05 (cinco centavos) por litro de gasolina e de R$ 0,01 (um centavo) por litro de diesel, a tributação dos combustíveis no Estado de Santa Catarina continua sendo a mais baixa da região Sul e uma das mais baixas do país.

GASOLINA:

Estado         Base de Cálculo             Alíquota          ICMS por Litro

RS                    R$ 4,26                     30%                R$ 1,28

PR                    R$ 4,01                     27%                R$ 1,08

SC                    R$ 3,96                     25%                R$ 0,99

DIESEL:

Estado         Base de Cálculo             Alíquota          ICMS por Litro

RS                   R$ 3,04                     12%                R$ 0,36

PR                   R$ 3,10                     12%                R$ 0,37

SC                   R$ 3,26                     12%                R$ 0,39

Informações adicionais para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Fazenda - SEF
Aline Cabral Vaz
E-mail: avaz@sef.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2575 / (48) 98843-8352
Cléia Schmitz
E-mail: cschmitz@sef.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2572/ (48) 99157-1980
Sarah Goulart
E-mail: sgoulart@sef.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2504/ (48) 98843-8553
Rosane Felthaus
E-mail: rosanef@sef.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-3506/ (48) 99109-8513
Site: www.sef.sc.gov.br 


Florianópolis. Foto: Jeferson Baldo/GVG

O primeiro dia de dezembro tem sol entre nuvens em Santa Catarina. Nesta sexta-feira, 1, há condição de chuva, especialmente pela manhã e à noite, no Litoral e áreas próximas. A temperatura fica elevada no Vale do Itajaí, Grande Florianópolis e Oeste, com máximas em torno dos 30°C. No Extremo-Oeste, fica ainda mais quente, com termômetros chegando à casa dos 32ºC. O vento sopra de Leste a Nordeste, fraco a moderado com rajadas no Litoral.

>>> Mais detalhes da previsão para esta sexta

Já o sábado, 2, deve ser de sol em todo o Estado, com presença de mais nuvens e condição de chuva no Litoral, especialmente na madrugada, manhã e à noite, pelo efeito da circulação marítima. O tempo segue quente, com temperatura acima dos 30°C. No domingo, deve haver aumento de nebulosidade em SC. No Oeste e Sul, há previsão de pancadas de chuva a partir da tarde e, na Grande Florianópolis, à noite, por influência de um cavado (baixa pressão) no Rio Grande do Sul. A temperatura fica elevada, e haverá sensação de ar abafado.

Mais informações para a imprensa:
Central de Meteorologia
Epagri/Ciram
Fone: (48) 3665-5007 e (48) 3665-5172
E-mail: contatociram@epagri.sc.gov.br
Site: www.ciram.epagri.sc.gov.br
Facebook


Foto: Billy Culleton / PGE 

O Conselho Superior da Procuradoria Geral do Estado (PGE) aprovou o planejamento estratégico da instituição, que servirá como base para definir as prioridades e as metas para os próximos 10 anos. O projeto foi apresentado por representantes da empresa de consultoria, contratada para fazer o plano de gestão da PGE e que foi auxiliada por uma equipe técnica formada por cinco procuradores e cinco servidores, que fizeram a análise prévia de tudo o que foi mostrado aos 11 membros do Conselho Superior.

Foi exibida a Identidade Organizacional, que abrange Missão, Visão e Valores, além do mapa estratégico e os principais projetos que poderão ser implementados nos próximos anos. Os dados mostrados nesta quinta-feira, 30, na sede da Procuradoria, na Capital, são fruto do trabalho de pesquisa junto aos procuradores e servidores da instituição nos últimos seis meses.

O projeto de elaboração foi estruturado em três grandes frentes de atuação: estratégia (planejamento estratégico e monitoramento), processos de trabalho (cadeia de valor e aperfeiçoamento de processos) e projetos (gestão de projetos estratégicos e monitoramento). Foram realizadas 104 reuniões e 33 apresentações. Houve pesquisa sobre o planejamento estratégico de oito PGEs do país e a visita à Procuradoria do Rio Grande do Sul.

Para a elaboração do projeto, 70 procuradores deram a sua opinião por meio de uma pesquisa eletrônica produzida pela consultoria e 180 servidores fizeram curso de capacitação. Além do Conselho Superior, também participaram do evento servidores que participaram diretamente da produção do planejamento estratégico.

O procurador-geral do Estado, João dos Passos Martins Neto, ressaltou o trabalho realizado pela consultoria e pelos servidores envolvidos no projeto. “Este planejamento apresentado hoje valida e legitima diversas etapas anteriores, consolidadas pelo árduo trabalho de procuradores e servidores, que refletem demandas e diagnósticos levantados nos últimos meses”.

Informações adicionais para a imprensa
Billy Culleton
Assessoria de Imprensa 
Procuradoria Geral do Estado - PGE
E-mail: billyculleton@gmail.com
Fone: (48) 3664-7650 / 98843-2430
Site: www.pge.sc.gov.br

 

 


Foto: Denise Lacerda / SJC

O secretário de Estado da Casa Civil, Nelson Serpa, e o secretário Adjunto de Estado da Justiça e Cidadania (SJC), Leandro Lima, entregaram nesta quarta-feira, 29, ao Supervisor do Grupo de Monitoramento e Fiscalização (GMF) do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), desembargador Roberto Lucas Pacheco, a resolução que formaliza a criação da Central de Vagas do Sistema Socioeducativo catarinense. O documento, que já foi publicado no Diário Oficial de segunda-feira, 27, regulamenta a entrada de adolescentes nos centros de atendimento socioeducativo de acordo com o número de vagas oferecido pelo Estado.

Para a secretária de Estado da Justiça e Cidadania, Ada Faraco De Luca, Santa Catarina inova e sai na frente dos outros estados da federação com a criação da Central de Vagas. O secretário da Casa Civil destacou o trabalho conjunto que foi realizado em torno da regulamentação. “O importante é estarmos todos articulados em torno de uma causa comum”, sublinhou Serpa.

Para o secretário adjunto da SJC, Leandro Lima, a regulamentação é uma grande conquista, fruto do esforço de todos os envolvidos no processo. “Reconhecemos o empenho da Casa Civil junto com a Secretaria da Justiça e Cidadania para formalizar a Central de Vagas”, complementou o desembargador Lucas Pacheco.

O diretor do Dease, Zeno Tressoldi, lembra que a Central de Vagas vem ao encontro com as determinações da lei do Sinase, a legislação que regulamenta o Sistema Socioeducativo em todo o Brasil. Também participaram do ato de entrega, realizado no gabinete do desembargador Lucas Pacheco, o diretor do Departamento de Administração Socioeducativo (Dease), Zeno Tressoldi, o diretor Financeiro e Administrativo da SJC, Edemir Alexandre Camargo Neto, e a secretária do GMF, Mariane Stalehin.

Informações adicionais para a imprensa
Denise Lacerda
Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania - SJC
E-mail: deniselacerda@sjc.sc.gov.br
Fone: (48) 3664-5810 / 99152-6934
Site: www.sjc.sc.gov.br

O secretário de Estado de Assuntos Internacionais, Carlos Adauto Virmond Vieira, entrega a Medalha do Mérito Governador Luiz Henrique da Silveira ao coreógrafo russo Vladimir Vasiliev pela sua contribuição na instalação da Escola do Teatro Bolshoi no Brasil, localizada em Joinville e a única filial do renomado balé fora da Rússia. A entrega ocorrerá nesta sexta-feira, 1º de dezembro, às 10h30, na sede da Escola em Joinville.

"A Medalha é uma homenagem pela contribuição que o coreógrafo Vladimir Vasiliev deu à cena cultural do nosso estado. A Escola do Teatro Bolshoi no Brasil nos orgulha muito não só pelo alto nível do trabalho que é realizado, descobrindo e lapidando talentos, mas por todo o projeto social que acompanha este trabalho”, comentou o governador Raimundo Colombo.

Criada pela Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais em 2015, a Medalha do Mérito Governador Luiz Henrique da Silveira é destinada a pessoas e instituições que deram contribuições de valor para as relações internacionais de Santa Catarina. “Vasiliev é considerado um dos patronos fundadores da Escola do Teatro Bolshoi, um dos cases de maior sucesso em relações internacionais do Governo do Estado”, lembrou o secretário Virmond. “Nada mais justo do que homenageá-lo com uma medalha com o nome do ex-governador Luiz Henrique da Silveira que liderou, do lado catarinense, a conquista do Bolshoi para Santa Catarina”, disse.

Para o presidente da Escola do Teatro Bolshoi do Brasil essa honraria endossa o trabalho da Escola Bolshoi e desse grande artista, na construção da Cultura no Estado e no país. “Vladimir Vasiliev junto com Luiz Henrique deixaram um legado cultural imensurável para o nosso país e um presente para nossas crianças brasileiras, que por meio da Escola Bolshoi, mudaram suas histórias, e além de uma profissão, conquistaram um aprendizado para toda a vida. E isso se deve a esses dois grandes incentivadores da arte”, comenta Valdir Steglich.

Currículo

Vladimir Vasiliev tem fama internacional como “Deus da Dança” e “Dançarino do Século”. Sua contribuição para o desenvolvimento da dança masculina no século 20 é considerada de valor inestimável. Após se formar pela Escola do Balé Bolshoi em 1958 juntou-se ao Balé Bolshoi e em breve virou a estrela. Após deixar o palco do Bolshoi em 1988 foi ativo como artista convidado em muitas companhias de balé expressivas. Durante quase 30 anos de sua carreira de 50 anos dançou para e com o Teatro Bolshoi.

Além de dançarino de balé, ao longo da carreira trabalhou como coreógrafo, diretor e professor. Entre 1986-1995 foi professor e chefe do Departamento Coreográfico do Instituto de Arte Teatral do Departamento de Estado. Vasiliev também foi diretor geral do Teatro Bolshoi. Como diretor geral, foi dele a palavra final para fundar uma escola do Balé Bolshoi no Brasil em 2000. Desde sua aposentadoria do Bolshoi em 2000 continuou sua atividade artística com coreógrafo visitante.

Mais informações para a imprensa:
Rafael Paulo
Assessoria de Comunicação
Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais
E-mail: rafael@sai.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2214 / 99952-4504


Julia Marcelino, 18 anos, que tem paralisia cerebral, vai representar Florianópolis nos Parajasc na modalidade bocha - Foto: James Tavares / Secom

Começam nesta sexta-feira, 1º de dezembro, em Criciúma no Sul do Estado, os Jogos Abertos Paradesportivos de Santa Catarina (Parajasc). Serão mais de 1,7 mil atletas, de 52 municípios participantes, que vão disputar o título desta 13ª edição do evento que vai até 6 de dezembro. A cerimônia de abertura está programada para as 19h no Ginásio Municipal Irmão Walmir Antônio Orsi.

O coordenador do Parajasc, João Batista Cascaes, contou sobre a importância e o objetivo dos Parajasc. “Além de ser um evento de inclusão e de busca também de novos talentos tem esse objetivo maior que é trazer os atletas para a sociedade.”

Serão 12 modalidades em disputa: atletismo, basquetebol, basquetebol em cadeira de rodas, bocha, bocha paralímpica, ciclismo, futsal, golbol, handebol em cadeira de rodas, natação, tênis de mesa e xadrez, nos segmentos físico, auditivo, intelectual e visual.

São cerca de 165 troféus e mais de 3,6 mil medalhas, além de uma medalha de participação para cada atleta, chegando a quase 5 mil medalhas distribuídas no evento. Além da premiação aos três primeiros colocados na pontuação geral, a entrega de troféus também acontece a cada um dos três primeiros de cada segmento.

O evento tem a promoção do Governo do Estado, por meio da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), em parceria com a Agência de Desenvolvimento Regional local e a Prefeitura de Criciúma.

Os Parajasc

Chegam à sua 13ª edição como um dos principais modelos de evento paradesportivo do país. Atletas que levaram o Brasil às competições paralímpicas, como Flávio Reitz e Ádria Santos, ambos do atletismo, Bruna Alexandre, do tênis de mesa, e Soelito Gohr, do ciclismo, também têm seus nomes na bem sucedida história dos Parajasc. A primeira edição dos Parajasc, realizada em Chapecó, contou com cerca de 1.000 atletas representantes de 42 municípios, competindo em 10 modalidades, nos quatro segmentos.

As competições

Das 12 modalidades, a maior parte acontece por gênero e algumas competições são mistas. Apenas o atletismo, a bocha e a natação abrangem os quatro segmentos. Confira o quadro abaixo.

MODALIDADE

NAIPE

SEGMENTO

Atletismo

Masculino e Feminino

Auditivo

Intelectual

Físico

Visual

Basquetebol

Masculino

 

Intelectual

   

Basquetebol Cadeirante

Masculino/Misto

   

Físico

 

Bocha

Masculino e Feminino

Auditivo

Intelectual

Físico

Visual

Bocha Paralímpica

Misto

   

Físico

 

Ciclismo

Masculino e Feminino

     

Visual

Futsal

Masculino

Auditivo

Intelectual

   

Goalball

Masculino e Feminino

     

Visual

Handebol CR – 4

Masculino

   

Físico

 

Natação

Masculino e Feminino

Auditivo

Intelectual

Físico

Visual

Tênis de mesa

Masculino e Feminino

Auditivo

Intelectual

Físico

 

Xadrez

Masculino e Feminino

Auditivo

 

Físico

Visual

Informações adicionais para a imprensa:
Rafael Vieira de Araújo 
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: rafael@secom.sc.gov.br  
Telefone: (48)  3665-3018 / 99116-8992
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC


Foto: Fabrícia Carneiro / ADR Laguna

O Governo do Estado, por meio da Agência de Desenvolvimento Regional de Laguna, firmou nesta quinta-feira, 30, três convênios com o município de Paulo Lopes. Os repasses, na ordem de R$ 359 mil, serão investidos nas áreas de infraestrutura e saúde.

O ato foi acompanhado pelo secretário executivo Luiz Felipe Remor, que salientou a importância de priorizarmos investimentos nas áreas de infraestrutura e saúde com objetivo de ofertar melhores condições à população no âmbito regional.

Segundo o prefeito, Nadir Carlos Rodrigues, R$ 150 mil serão aplicados na aquisição de galerias e tubos de concreto para cinco pontes localizadas em pontos distintos do município. Na área de saúde, serão investidos R$ 160 mil para aquisição de uma nova ambulância, destinada ao transporte de pacientes aos hospitais da região, e mais R$ 49.921,00 em exames de média e alta complexidade como cintilografias, ressonâncias e tomografias, a fim de reduzir as filas de espera.  

Informações adicionais para a imprensa
Fabrícia Silveira Carneiro
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Laguna
E-mail: imprensa@lga.sdr.sc.gov.br
Fone: (48) 3647-7707 / 98843-3563
Site: sc.gov.br/regionais/laguna