Fotos: Jeferson Baldo/GVG

O vice-governador Eduardo Moreira e o secretário de Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, autorizaram a realização do projeto para pavimentação da quarta e última etapa do Anel de Contorno Viário de Criciúma. “O trecho tem 2,6 quilômetros e é fundamental para a solução dos problemas de mobilidade urbana de Criciúma”, afirmou Moreira na solenidade desta quinta-feira, 18, no Rio Maina, um dos maior distritos do município. A futura rodovia aproveitará uma área utilizada como linha ferroviária até 2009. O custo com desapropriações será baixo, pois o imóvel pertence à Prefeitura, atualmente.

>>> Galeria de fotos

A terceira etapa foi inaugurada em janeiro do ano passado, quando foram investidos R$ 43 milhões em 6,8 quilômetros de extensão. A primeira, em 1998, foi feita pelo município. “Aliado a outras obras, como a pavimentação da SC-446, que liga Treviso a Lauro Muller, e a recente inauguração da Via Rápida, o Anel Viário facilitará a mobilidade urbana e fomentará a indústria local por agilizar o escoamento da produção”, disse o secretário de Desenvolvimento Regional em Criciúma, João Fabris. Além do prefeito Clésio Salvaro, participaram da solenidade deputados federais e estaduais e secretários municipais.

Mais informações para a imprensa:
Vitor Hugo Louzado
Assessoria de Comunicação
Gabinete do Vice-Governador
Fone: (48) 3665-2283 / 99118-9821
E-mail: vhlouzado@hotmail.com 


Foto: Simone Sartori / Assessoria Vice-governador

O vice-governador Eduardo Pinho Moreira autorizou, na manhã desta quinta-feira, 18, o início das obras de revitalização da SC-445, que liga a BR-101, entre Içara e Criciúma. Serão investidos R$ 8,5 milhões para melhorar o trecho com extensão de 10 quilômetros.

“Mais uma obra de mobilidade na região Sul. Depois da via rápida, que hoje é de suma importância para o escoamento, agregado com a ligação do anel de contorno viário e a terceira linha, obras que se completam, podemos iniciar a revitalização aqui na SC-445”, comentou o vice-governador Eduardo Pinho Moreira.

>>> Galeria de fotos

As obras de medições e levantamento topográfico iniciaram já nesta quinta-feira, sendo que o prazo total para realização é de 180 dias. “O tráfego na rodovia será interrompido parcialmente, e por isso, pedimos à comunidade que use vias alternativas, o que agilizará e facilitará o trabalho e dará mais segurança a quem trafega pela região”, explicou Moreira.


Foto: Simone Sartori / Assessoria Vice-governador

O secretário de Estado da Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, lembrou a reivindicação da comunidade para que o trecho recebesse melhorias. “Algum tempo atrás a comunidade reivindicava a melhoria para poder trafegar pela SC-445, e hoje, com o trabalho incansável do nosso vice-governador estamos dando início às obras”, disse.

Informações adicionais para imprensa:
Simone Sartori
Assessoria de Imprensa 
Gabinete do Vice-Governador do Estado
Fone: (48) 3665-2283 


Foto: Maria Luiza Cardoso/Porto de Imbituba

A SCPar Porto de Imbituba concluiu a instalação de uma sirene de segurança para situações de emergência. O equipamento instalado na antiga torre de controle tem por objetivo emitir um alarme sonoro para todo o Porto, em caso de ameaças ou incidentes, visando a evacuação da área, além da proteção dos navios e instalações portuárias. O acionamento do alarme está por conta da Unidade de Segurança da SCPar Porto.

>>>Mais imagens na galeria

A instalação do aparelho atende as exigências do Código Internacional para a Proteção de Navios e Instalações Portuárias (ISPS CODE), elaborado pela Organização Marítima Internacional (IMO) e aprovado pelo governo brasileiro em forma de lei. Também busca cumprir o item 34 do anexo I da Resolução 047/2011 da Comissão Nacional de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis (CONPORTOS).

Mais informações para a imprensa:
Géssica da Silva
Comunicação Social
SCPar Porto de Imbituba
Fone: (48) 3355-8908
E-mail: gessica.silva@portodeimbituba.com.br
www.portodeimbituba.com.br


Fotos: Cristiano Rigo Dalcin/ADR Lages

As obras de pavimentação da SC-114, no trecho de 36 quilômetros entre os municípios de Otacílio Costa e a BR-282, em Lages, foram retomadas no último dia 3 de janeiro, após as festas de final de ano, e prosseguem em diversas frentes de trabalho. Nesta terça-feira, 16, funcionários do Consórcio SBS Dalba atuaram em diversos pontos da rodovia, incluindo o escritório, ao lado do canteiro de obras.

"A obra não parou. Já temos 78% da obra realizada que já consumirem cerca de R$ 60 milhões do investimento de R$ 78 milhões feito pelo Governo do Estado”, destacou o engenheiro civil Diego Lang, gerente do contrato firmado pelo consórcio SBS Dalba. Devido às obras, motoristas enfrentaram pequenas filas em diversos trechos, com orientação e sinalização de abertura e fechamento da rodovia feita pelos funcionários do consórcio.

>>> Galeria de fotos

Os funcionários atuam em diversas frentes de trabalho, tais como: levantamento topográfico do trecho que ainda não recebeu o pavimento de Concreto Portland; supressão de vegetação às margens da rodovia; e aterramento e nivelamento de acostamento. “São serviços necessários para a conclusão da rodovia, prevista para o dia 31 de julho”, acrescenta Lang.

Assinada em 10 de agosto de 2016, a obra de pavimentação da SC-114 tem um investimento orçado em R$ 78 milhões e dois anos de prazo para conclusão. Reconstruída com pavimento rígido, de concreto armado (Cimento Portland), a nova estrada deverá suportar o trânsito intenso de caminhões pesado, com vida útil de mais de 30 anos, quatro vezes mais do que o asfalto comum.

Informações adicionais para Imprensa:
Cristiano Rigo Dalcin
Assessoria de Comunicação
ADR Lages
Fones: (49) 98839-1727 / (48) 99984-3619
E-mail: imprensa.sdrlages@gmail.com
Site: sc.gov.br/regionais/lages

 


SC-401. Fotos: Rodrigo Stüpp/Secom

O Departamento Estadual de Infraestrutura (Deinfra) está trabalhando nas rodovias prejudicadas pelas chuvas das últimas 48 horas, que atingiram principalmente o Litoral catarinense. O presidente do Deinfra, Wanderley Agostini, informou que a situação mais crítica é em Florianópolis, onde o grande volume de chuvas danificou as vias. “Podemos falar de forma muito clara que foram atingidas não somente as rodovias, mas as ruas e avenidas também, porque choveu assustadoramente acima da média”, disse.

>>> Galeria de fotos


SC-401

Na SC-401, próximo à Associação Catarinense de Medicina (ACM), a pista marginal cedeu por causa de um riacho que corta a rodovia. A equipe técnica do Deinfra está no local na tarde desta quinta realizando uma proteção com pedras. Depois, fará uma ação mais efetiva de engenharia restabelecendo o que foi danificado.

Na SC-405, rodovia que lega ao Sul da Ilha, está alagada no km 2,7, e veículos não estão passando. “Temos que esperar baixar a água para fazer intervenções e, em algumas situações, já estamos atuando com a prefeitura e a Polícia Militar Rodoviária para restabelecer o tráfego”, explicou o presidente do Deinfra.

Na rodovia SC-404, em frente à Casa Rosa, no Morro da Lagoa, uma erosão deixou o trânsito em meia-pista no sentido Lagoa da Conceição. Ainda na mesma rodovia, do km 4 até o mirante da lagoa, quedas de barreira atingiram vários trechos de acostamento. Já na SC-406, no km 12, na Praia Mole, próximo ao restaurante Ponta das Caranhas, uma quede barreira deixou o trânsito em meia-pista. “Pedimos que os usuários redobrem o cuidado por conta de alagamentos na cidade”, alertou Agostini.

Informações adicionais para a imprensa:
Rafael Vieira de Araújo 
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado de Comunicação - Secom
E-mail: rafael@secom.sc.gov.br  
Telefone: (48)  3665-3018 / 99116-8992
Site: www.sc.gov.br
www.facebook.com/governosc e @GovSC


Foto: Fabio Fontana/ADR Curitibanos

O Governo de Santa Catarina segue acompanhando as obras de pavimentação asfáltica da SC-120 que liga Curitibanos, pela BR-470, ao município de São José do Cerrito, pela BR-282. O trecho tem 40km de extensão e o investimento aproximado é de R$ 100 milhões.

“A obra física já está 50% concluída, sendo 30% do asfalto já colocado, enquanto que a terraplanagem está 83% pronta”, destacou o engenheiro Vitor Almeida, da Mac Engenharia, empresa responsável pela construção.  

De acordo com Vitor, o cronograma de obras está em dia. “O pleno cumprimento dos prazos contratuais se deve a alteração da camada de sub-base, prevista em macadame seco, para brita graduada que tecnicamente é um material de qualidade superior”, explica o engenheiro.

Esta alteração teve aval do Deinfra, órgão fiscalizador do Estado, e apesar de gerar mais custos para a empresa, foi implantada visando agilidade na execução da obra, permitindo a possibilidade da entrega dos trabalhos em setembro de 2018.

“Esta agilidade beneficia toda a região. Mas, especialmente, os produtores que poderão escoar de maneira dinâmica e segura a sua produção agropecuária e de madeira, e os alunos no transporte escolar. A obra também incentiva o turismo rural no trecho”, destaca o secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Curitibanos, Luiz César Abrahão.

Informações adicionais para a imprensa:
Fabio Claudino Fontana
Assessoria de Imprensa
Agência de Desenvolvimento Regional de Curitibanos
E-mail: ascom@cbs.adr.sc.gov.br
Telefone: (49) 3412-3011 / 98839-0615
Site: sc.gov.br/regionais/curitibanos


Foto: Josiane Zago / ADR Videira -  Pavimentação asfáltica da SC-135

Já nos primeiros meses de 2018, duas grandes obras na Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) Videira serão entregues para a comunidade. Um sonho de mais de 40 anos que passou a ser realidade será entregue oficialmente nos próximos dias. Trata-se da pavimentação asfáltica do trecho da SC-355, de Iomerê a Treze Tílias. O trecho de pouco mais de 15 km recebeu investimentos de mais de R$ 22 milhões por parte do Governo do Estado, deixando uma importante ligação turística e econômica na região.

Outra grande obra que será entregue no primeiro trimestre de 2018 será a pavimentação da SC-135, trecho entre Videira e Tangará. O trecho de 22 km recebe investimentos do Pacto por Santa Catarina de mais de R$ 75 milhões. A revitalização contemplou aumento do tráfego, ajuste da via e melhorias na sinalização.

Segundo o secretário executivo Euro Vieceli, o ano será de muitas realizações. “Grandes projetos iniciados em anos anteriores serão efetivamente concluídos e outros terão início, dando sequência ao progresso da nossa região”, afirmou.

Na educação, o ano também contará com duas entregas importantes: a EEB Madre Terezinha Leoni, que recebe investimentos de R$ 5.977.796,45. A escola vem sendo construída no bairro Rio das Pedras, em Videira. Outro educandário que será entregue será a reforma da EEB Gonçalves Dias, de Fraiburgo. A obra de aproximadamente 2 milhões deverá ser concluída ainda no mês de fevereiro.

 
Foto: Josiane Zago / ADR Videira - EEB Madre Terezinha Leoni

Além dessas obras, a regional ainda trabalha no andamento do processo para construção da rede de frio, que já foi licitado o projeto e deverá ser iniciada a obra neste ano, com perspectiva de investimento de um milhão por parte do Ministério da Saúde. A pavimentação da SC-453, de Tangará a Luzerna também vem avançando. A obra de mais de 90 milhões deverá ser concluída ainda neste ano.

A ADR Videira, além de acompanhar todo o processo, ainda trabalha na articulação para as melhorias necessárias para a região, em especial na manutenção e conservação das rodovias e escolas, no trabalho de descentralização dos recursos aos municípios, bem como, na assistência as entidades e a comunidade em geral.

“Será um grande ano e mais uma vez contamos com a parceria da comunidade, para que juntos possamos construir um futuro cada vez melhor”, finalizou o secretário executivo, Euro Vieceli. 

Mais informações para a imprensa:
Josiane Zago
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de Videira
E-mail: imprensa@vii.adr.sc.gov.br
Fone: (49) 3533-5417 / 98839-1506 / 99171-7885
Site: sc.gov.br/regionais/videira


Foto: Julio Cavalheiro/Secom - 19/12/2017

O Governo do Estado realiza balanço das ações desenvolvidas em 2017 nos seis municípios de abrangência da ADR São Joaquim. O destaque do ano passado na região foi a inauguração da reabilitação da rodovia SC-110 e SC-390, trecho de 50 quilômetros, entre São Joaquim, passando pela cidade de Bom Jardim da Serra até o alto da Serra do Rio do Rastro, com investimentos de R$ 38 milhões. Fundamentais para o turismo e o desenvolvimento econômico da região, as obras de revitalização garantem mais segurança aos motoristas que trafegam pelas rodovias da Serra catarinense.


Foto: Julio Cavalheiro/Secom - 19/12/2017

A rodovia SC-114 também recebeu investimentos expressivos, como a reconstrução da SC-114, entre São Joaquim e Painel, com uma extensão de 55 quilômetros, inaugurada em março, onde foram aplicados R$ 87 milhões. Destaque também para o trecho de cinco quilômetros da Rodovia Caminhos da Neve, em São Joaquim, executado pelo Batalhão Ferroviário, com recursos do Governo do Estado, que garantiu R$ 9 milhões no convênio atual. A estrada Caminhos da Neve liga as serras catarinense e gaúcha. Dos 29 quilômetros do trecho catarinense, 14 já estão pavimentados e cinco estão em execução.

ADR São Joaquim realiza balanço anual de ações do Governo Estado na região
Foto: Elenise Melo Nunes/ADR São Joaquim

A secretária executiva da ADR São Joaquim, Solange Scortegagna Pagani, comemora os resultados de 2017, mesmo em ano com muitas dificuldades financeiras. “Fechamos 2017 com grandes conquistas, com a conclusão e a inauguração de importantes obras, principalmente com rodovias revitalizadas que, além de proporcionarem mais segurança, também possibilitam o desenvolvimento econômico da região”, destacou a secretária.

Confira as principais ações do Estado em cada cidade da Regional:

Bom Jardim da Serra: A Reabilitação da SC-110/SC-390 entre o alto da Serra do Rio do Rastro passando por Bom Jardim da Serra até São Joaquim proporcionou a melhoria do pavimento asfáltico, com mais de R$ 38 milhões aplicados nos 50 quilômetros de extensão. Outro aspecto importante da obra foi o reforço na sinalização da rodovia, com maior quantidade de tachinhas e delineadores entre o trecho urbano de Bom Jardim da Serra e o alto da Serra, com o objetivo de facilitar a visibilidade, já que no trecho, além de sinuoso, as condições de neblina são comuns. O comandante do Posto da Polícia Rodoviária do Mirante da Serra, sargento Bonetti, ressalta que a obra é de suma importância para proporcionar aos usuários da rodovia mais segurança. “A sinalização horizontal contribui muito para a diminuição do número de acidentes neste trecho da rodovia, pois nela, temos condições de neblina máxima”, destacou o sargento.

Bom Retiro: Com um investimento de R$ 8,2 milhões, Bom Retiro passou a contar com uma nova escola, inaugurada em agosto. A Escola de Ensino Médio Valmir Omarques Nunes oferece os cursos técnicos em agropecuária e informática. A escola com capacidade para 700 alunos dispõe de 12 salas de aula, sete laboratórios, sendo dois de informática, matemática, química, física, biologia e línguas. Conta ainda com um teatro arena e um auditório com capacidade para 220 pessoas e o Centro Esportivo e Cultural (Ginásio de Esportes), que inclui arquibancadas, palco, sala de jogos e infraestrutura dos vestiários. O prédio possui centro de convivência, biblioteca com dois pisos e centro administrativo integrado com professores.


Foto Arquivo / Escola

São Joaquim: A cidade de São Joaquim ganhou a revitalização das ruas centrais, por meio de um investimento do Governo do Estado, no valor de R$ 7,8 milhões. Executada pela Secretaria de Estado da Infraestrutura, a obra incluiu a construção de calçadas, drenagem, asfaltamento, placas e sinalização de trechos das ruas Murilo Bortoluzzi, Marcos Batista, Egidio Martorano, Lauro Muller, Praça João Ribeiro e Praça Cesário Amarante, além da Manoel Joaquim Pinto e Major Jacinto Goulart, que receberam o pavimento em paver. Foram revitalizados 2,31 quilômetros. Por meio da Agência de Desenvolvimento Regional de São Joaquim, o Governo do Estado também investiu R$ 223 mil na aquisição do mobiliário urbano e paisagismo, deixando a cidade de São Joaquim mais bonita e aconchegante para receber os turistas.


Foto: Elenise Melo Nunes/ADR São Joaquim

Urubici: As ruas Nereu Ramos, no centro e Pedro Custódio foram pavimentadas oferecendo mais mobilidade no município de Urubici, que aplicou R$ 1,5 milhão por meio do Fundo de Apoio aos Municípios (Fundam). A obra possibilitou a ligação asfáltica às principais avenidas Adolfo Konder e Francisco Antonio Ghizoni. Nos seis municípios que compõem a Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) São Joaquim, o investimento do Governo do Estado através do Fundam foi de aproximadamente R$ 9 milhões.

ADR São Joaquim realiza balanço anual de ações do Governo Estado na região
Foto: Elenise Melo Nunes/ADR São Joaquim 

Urupema: Em Urupema estão duas das 11 queijarias em construção realizadas através do Programa SC Rural. As duas queijarias de Urupema somam um investimento de R$ 68,7 mil, sendo R$ 34,3 mil pelo SC Rural e R$ 34,3 mil de contrapartida do produtor, custeado através do FDR – Fundo de Desenvolvimento Rural. A construção das queijarias tem como objetivo a fabricação de queijo artesanal serrano e visa a legalização da produção e comercialização em propriedades de pecuaristas familiares.

Com a construção da queijaria, o produto passará a ter o SIM - Serviço de Inspeção Municipal com possibilidade de equivalência ao SISBI através do consórcio CISAMA e poderá ser comercializado em qualquer parte do país.

A produção de queijo demonstra ser essa uma alternativa de renda viável, capaz de manter os agricultores no meio rural, produzindo um alimento com segurança alimentar e com grande demanda pela sociedade. Juntas, as 11 queijarias construídas nos municípios da ADR São Joaquim somam um investimento de R$ 372,1 mil, sendo pelo SC Rural R$ 180,9 mil.

Rio Rufino: Umas das grandes conquistas de Rio Rufino foi o início das obras do Centro de Referência de Assistência Social (Cras). A obra de 171 metros quadrados começou em novembro, e cada unidade será responsável pela organização e pela oferta de serviços da proteção social básica nas áreas de vulnerabilidade. Serão investidos na unidade aproximadamente R$ 300 mil, incluindo mobiliário.

Informações adicionais para a imprensa:
Elenise Melo Nunes
Assessoria de Comunicação
Agência de Desenvolvimento Regional de São Joaquim
E-mail: imprensa@sjq.sdr.sc.gov.br 
Telefone: (49) 3233-8301 / 99102-5054 / 99148-1016
Site:sc.gov.br/regionais/saojoaquim


Fotos: Jeferson Baldo/GVG

O vice-governador Eduardo Moreira participou da solenidade para transferência oficial da gestão do Aeroporto Internacional Hercílio Luz da Infraero para o Floripa Airport, do grupo suíço Zurich Airport, na manhã desta quarta-feira, 3. “Este é um momento vital para a economia de Santa Catarina. O Zurich Airport, que assume a 'porta de entrada de Santa Catarina’, é especializado e competente. Por isso, o Governo do Estado está atento para que possamos, a partir de 12 de janeiro, recebendo a licença ambiental, lançarmos a licitação da última etapa do acesso ao novo terminal de passageiros e ao Sul da Ilha de Santa Catarina. Resta um trecho com pouco mais de dois quilômetros para a sua conclusão”, disse Eduardo Moreira.

 

>>> Mais imagens na galeria de fotos

Diretor-geral do Floripa Airport, Tobias Markert, adiantou que as obras do novo terminal iniciarão dia 15 deste mês. Embora o prazo de conclusão seja de 22 meses, a empresa suíça pretende antecipar o cronograma em três meses, adiantou Market.

O terminal atual foi construído para suportar o tráfego de 2 milhões de pessoas/ano e hoje está com 3,8 milhões de pessoas/ano. O novo terá capacidade para 8 milhões/ano, podendo atender esta demanda até 2030. Também participaram da solenidade o secretário de Turismo, Leonel Pavan, o prefeito Gean Loureiro, deputados, secretários municipais e vereadores.

Mais informações para a imprensa:
Vitor Hugo Louzado
Assessoria de Comunicação
Gabinete do Vice-Governador
Fone: (48) 3665-2283 / 99118-9821
E-mail: vhlouzado@hotmail.com 


Ponte sobre o Rio Cogonhas. Foto: Eduardo Zabot/ADR Tubarão

Em 2017, os recursos aplicados pelo Governo do Estado através da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Tubarão foram importantes para o desenvolvimento dos municípios da região. “Foi um ano diferente, mesmo com tantas dificuldades financeiras, o Estado não deixou de estar presente. Tivemos investimentos em escolas, infraestrutura, saúde, lazer e segurança, facilitando e desenvolvendo dos municípios e deixando a região ainda melhor”, ressaltou o secretário executivo da ADR, Nilton de Campos.

A população já sente a diferença nesta temporada de verão, quando utiliza a ponte sobre o Rio Congonhas, no limite entre Tubarão e Jaguaruna. São mais de R$ 4 milhões de recursos aplicados, facilitando a chegada e a saída aos balneários. Na educação foram mais de R$ 5 milhões em recuperação das escolas.


Escola de Educação Básica Campos Verdes, em Jaguaruna. Foto: Julio Cavalheiro/Secom

Em Tubarão, também ocorre a construção do Centro de Inovação, obra de responsabilidade da prefeitura com recursos do Governo do Estado. São mais de R$ 8 milhões. Em 2017, a administração municipal lançou no edital para o término da obra.


Contorno Viário. Foto: Eduardo Zabot / ADR Tubarão

Ainda foram instalados kits de transposição em Gravatal e uma ponte em Pedras Grandes. Na área da segurança, são destaques os novos policiais militares e civis, o novo complexo da Polícia Civil em Tubarão, a recuperação do batalhão da Polícia Militar e os novos equipamentos. “Enfim, foram muitos investimentos de obras concluídas e a continuidade de outras como a rodovia Ivane Fretta Moreira e o contorno viário de Tubarão, que tem mais de R$ 60 milhões de investimentos e que ficará pronto em 2018, dando um novo norte para Tubarão e região”, finalizou Nilton. 

Informações adicionais para a imprensa:
Eduardo Zabot
Agência de Desenvolvimento Regional de Tubarão
E-mail: imprensa@tro.sdr.sc.gov.br
Telefones: 48 3631-9106 / 98843-1702 / WhatsApp 98833-1471