Compartilhe

Foto: Jeferson Baldo/Baldo

Os bons resultados alcançados pela Polícia Militar na gestão do governador Eduardo Pinho Moreira foram motivo de comemoração e reconhecimento durante a última reunião-almoço do Conselho Estratégico da PMSC, realizada nesta quinta-feira, 6, na Casa D'Agronômica, em Florianópolis. Entre os números apresentados, Moreira destacou a queda dos principais índices de criminalidade, como a redução de 201 mortes violentas e de 5.019 roubos, além da diminuição de cerca de mil feridos nas rodovias estaduais na comparação entre 2018 e 2017.

“Escolhi como prioridades absolutas de minha gestão a Saúde e a Segurança, visando a preservação da vida, e vocês foram fundamentais para o sucesso e os resultados alcançados nesta missão. Pela respeitabilidade, a Polícia Militar é orgulho por onde a gente passa. São 201 mortes a menos que no ano passado, 201 vidas preservadas. Menos feridos nas estradas, menos furtos, roubos, mais tranquilidade para os catarinenses. A vocês, o meu muito obrigado”, disse o governador.   

O comandante geral da PM, coronel Araújo Gomes, ressaltou que pela primeira vez a corporação entrega para a sociedade resultados concretos e inéditos, apesar dos grandes percalços projetados para o período. “Todos diziam que seria um ano muito difícil para a corporação, desastroso pela falta de recursos e pelas dificuldades. Mas, pelo contrário, foi um de nossos melhores anos. Foram meses em que a vontade política, aliada à liberdade técnica para atuar, mostrou o quanto se pode entregar ao Estado e à sociedade catarinense quando se tem esse contexto. Destacar também a escolha feliz do secretário Alceu, que foi um grande facilitador”, disse o coronel.

De acordo com o comando da PM, o aumento de mortes em confronto com polícia era previsível em virtude das crescentes intervenções das forças de segurança contra o crime organizado. A Polícia Militar, no entanto, trabalha para reduzir esse índice.

Durante a reunião, o comando entregou ao governador uma placa de homenagem registrando os indicadores em queda de Segurança Pública catarinense.

Além dos 28 coronéis que compõem o Conselho Estratégico da Polícia Militar, também participou do encontro o secretário da Segurança Pública de Santa Catarina, Alceu Pinto de Oliveira. Foi a primeira vez em mais de 50 anos que um governador recebeu os representantes do alto comando da PM na residência oficial.

Números apresentados pela Polícia Militar

- 9571 furtos a menos que 2017

- 43 mortes a menos nas rodovias estaduais e redução superior a mil feridos em relação a 2017

- 201 menos mortes violentas do que em 2017, 96 a menos do que 2016 e 23 a menos do que 2015

- O número de operações subiu de 17 (2017) para 49 (2018), gerando 3.918 horas de operação.

- O número de armas apreendidas subiu 27%, 532 a mais do que em 2017

Mais informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Comunicação - Secom
Governo de Santa Catarina
Fone: (48) 3665-3022
Site: www.sc.gov.br