Compartilhe


Foto: Rafael Paulo/SAI

Apresentações de ferramentas para prospecção de investimentos estrangeiros pautou o primeiro dia da quinta reunião do Fórum Nacional de Gestores Estaduais de Relações Internacionais (Fórum RI 27), grupo presidido por Santa Catarina. O secretário de Assuntos Internacionais (SAI), e presidente do Fórum, Carlos Adauto Virmond, abriu a reunião nesta quinta-feira, 7, no Rio de Janeiro.

Segundo Virmond, um dos objetivos do Fórum RI 27 é justamente reforçar e atualizar a formação dos seus membros. "Buscamos fornecer aos entes federados brasileiros informações e conhecimento diferenciados para que exerçam o seu papel nas relações internacionais com ainda mais profissionalismo", disse Virmond. "Esta ação do Fórum RI 27 reforça o nosso objetivo de consolidar o papel das secretárias e assessorais de relações internacionais dentro da estrutura dos governos estaduais", completou.

A capacitação foi promovida pelo Fórum Ri 27 em parceria com a subsecretária de Relações Internacionais do Rio de Janeiro, anfitriã da reunião, e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), veiculada ao Ministério das Relações Exteriores, no Palácio Guanabara.

As apresentações focaram nas estruturas e nos serviços da Apex-Brasil, no acesso a banco de dados sobre investidores e investimentos externos, e na geração e manutenção de contatos com investidores. "Apresentamos o instrumento necessário para que estados estejam cada vez mais capacitados para atração de investimentos estrangeiros qualificados para o Brasil", descreveu o coordenador da gerência de investimento estrangeiros Luiz Carlos Carvalho.

A quinta reunião do Fórum RI 27 marca as comemorações dos 10 anos de criação da Subsecretaria de Relações Internacionais (SSRI) do Rio de Janeiro, estado que ocupa o vice-presidência do Fórum RI 27. O subsecretário interino da pasta, Bruno Queiroz Costa, apresentou, em primeira mão para os membros do Fórum, o livro comemorativo do aniversário da SSRI. A publicação, que deve ser lançada no próximo ano.

Neste encontro, além dos representantes de Santa Catarina e o Rio de Janeiro, estavam representantes da Bahia, Goiás, Maranhão, Minas Gerais e Paraíba, cuja participação formalizou a entrada do Estado nordestino como o 17° membro do Fórum RI 27.

Atuação internacional em rede

Os membros do Fórum assistiram também a uma mensagem do representante da ORU-Fogar, a maior rede internacional de governos subnacionais do mundo, com um convite para participação. Fundada em 2007, a rede trabalha para dar voz aos governos subnacionais junto a entidades e fóruns internacionais, além de oferecer capacitações, promover a participação dos seus integrantes em debates internacionais e estimular a troca de experiências entre eles.

O presidente do Fórum RI 27, Carlos Adauto Virmond, propôs que seja estabelecido uma linha de comunicação entre o Fórum RI 27 e o Conselho Nacional de federações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap) para identificar formas de atuação em conjunto que ampliem a internacionalização dos estados brasileiros no setor de pesquisa e desenvolvimento. "A SAI já conta com uma parceria estratégica com a FAPESC, que presidiu o Confap no último ano, no trabalho do governo do Estado em favor da internacionalização de Santa Catarina", lembrou Virmond.

Rio de Janeiro - SC preside a quinta reunião do Fórum de Relações Internacionais

Mais informações para a imprensa:
Rafael Paulo
Assessoria de Comunicação
Secretaria Executiva de Assuntos Internacionais
E-mail: rafael@sai.sc.gov.br
Fone: (48) 3665-2214 / (48) 99952-4504