Compartilhe

Nesta quinta-feira, 23, o projeto Hemeroteca Digital Catarinense, da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), receberá a Cessão de Direitos para o armazenamento de todas as edições digitalizadas da revista Blumenau em Cadernos e dos jornais Blumenauer Zeitung (1882-1938), Cidade de Blumenau (1924-1973), A Nação (1943-1980), O Agricultor (1930-1931), Der Hansabot (1904–1913), Immigrant (1883-1891), Lume (1949-1973); Mitteilungen (1906–1917), Revista Vale do Itajaí (1945-1964), Kalender (1900) – Der Urwaldsbote – Suplemento Comemorativo aos 50 Anos de Blumenau. O Termo será assinado em solenidade na Câmara de Vereadores de Blumenau, às 19h, durante sessão comemorativa pelos 60 anos de Blumenau em Cadernos.

Assinarão o termo de cessão o presidente da Fundação Catarinense de Cultura (FCC), Rodolfo Joaquim Pinto da Luz; o presidente da Fundação Cultural de Blumenau, Rodrigo Rogério Ramos; o prefeito municipal de Blumenau, Napoleão Bernardes Neto; a diretora da revista Blumenau em Cadernos, a historiadora Sueli Maria Petry; o presidente da Associação dos Amigos do Arquivo Histórico, o historiador e professor Darlan Jevaer Schmitt; o vereador Sylvio João Zimmermann; a administradora da Biblioteca Pública de Santa Catarina, Patrícia Karla Firmino; e o coordenador técnico da Hemeroteca Digital Catarinense, o bibliotecário Alzemi Machado.

Blumenau em Cadernos

A publicação é editada desde 1957, constituindo-se em uma das mais antigas revistas em circulação no território catarinense. Idealizada por José Ferreira da Silva, após o seu falecimento, ocorrido em 1973, a família anuiu direitos de publicação à Fundação Cultural de Blumenau/Arquivo Histórico José Ferreira da Silva, que assumiu a responsabilidade editorial. Com periodicidade bimensal, é uma fonte inesgotável para pesquisa, servindo como referência no campo da política, cotidiano, educação, costumes, arquitetura, sociedade e história de Blumenau e da região do Vale do Itajaí, contribuindo na preservação da memória e da identidade regional e de Santa Catarina.

Em sua história, a revista recebeu prêmios como o Almirante Lucas Alexandre Boiutex, na área de História, concedido pelo Instituto Histórico de Santa Catarina em 1998; Prêmio Destaque 2002, concedido pela Academia Catarinense de Letras; e a Homenagem Especial pelos 50 anos de publicação, em 2007.

Sobre a Hemeroteca Digital Catarinense

A Hemeroteca Digital Catarinense (hemeroteca.ciasc.sc.gov.br) promove o acesso a fontes documentais selecionadas, organizadas e estruturadas em formato digital. A iniciativa é uma parceria entre o Centro de Ciências Humanas e da Educação (Faed) / Instituto de documentação e Investigação em Ciências Humanas (IDCH) da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) e a Biblioteca Pública de Santa Catarina, administrada pela Fundação Catarinense de Cultura (FCC).

Iniciada em novembro de 2013, a Hemeroteca já contempla em sua base de dados 814 títulos digitalizados, com 32.975 edições, totalizando aproximadamente 200 mil páginas* disponíveis para consulta pública e transferência de arquivos mediante acesso pelo endereço eletrônico: hemeroteca.ciasc.sc.gov.br. São periódicos, jornais e revistas que ajudam a contar a história de Santa Catarina desde o século 19.

(*Dados atualizados em 20/11/2017)

Informações adicionais para imprensa
Fernanda Peres
Assessoria de Comunicação Fundação Catarinense de Cultura
Telefone: (48) 3664-2571
E-mail: imprensa@fcc.sc.gov.br
Site: www.fcc.sc.gov.br 
Twitter: www.twitter.com/fccoficial  
Facebook: www.facebook.com/FundacaoCatarinensedeCultura